Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > A importância das vitaminas no combate à fadiga

A importância das vitaminas no combate à fadiga

Categoria: Saúde
Visitas: 14
Comentários: 5
A importância das vitaminas no combate à fadiga

Hoje em dia a fadiga e o esgotamento intelectual é considerado um fenómeno social. A acumulação do trabalho profissional, o desejo de sucesso, a família, a escola provocam um estado de cansaço algo difícil de vencer no quotidiano.

É das principais causas de consultas médicas e de procura de outras terapias para o seu tratamento.
Atinge homens, mulheres e crianças , sendo as suas reacções as mais diversas .A sua ambiguidade é boa e má, isto porque alerta o indivíduo de que está ameaçado pele esgotamento e deve repousar urgentemente. Por outro lado, mostra a necessidade de se tratarem os seus sintomas.

O problema da fadiga torna-se então a própria doença e as causas facilmente curáveis. No entanto quando é em excesso pode provocar emagrecimento, febre, perda de apetite, dores musculares, ansiedade e alterações de comportamento.

Quando o cansaço associa uma fadiga física e muscular a uma fadiga nervosa , com insónias e ansiedade, torna-se necessário tomar precauções e incluir vitaminas e fortificantes, sais minerais e oligoelementos. A alimentação também tem um papel importante neste processo de cura.

Deste modo, algumas substâncias agem a nível físico e outras a nível psíquico. A maior parte das vitaminas é importante na luta contra a fadiga, em especial a vitamina B1, que na sua carência provoca cansaço, fraqueza muscular, depressão e perda de memória.

A ausência de vitamina B6, provoca perturbações nervosas, a B12 é necessária à manutenção dos neurónios, a vitamina C aumenta as defesas do sistema imunológico e a vitamina E possui uma acção antioxidante.

As carências de vitaminas sempre provocaram doenças desde há muito tempo, assim como os alimentos e frutos que não estão frescos. São exemplos o escorbuto que atingiu os navegadores nos descobrimentos por falta de vegetais e frutos frescos.

O cálcio, magnésio, ferro e fósforo devem estar presentes em quantidade suficiente no organismo.
Por outro lado se faltar o enxofre, selénio e cobre também faltam as energias.

O cálcio tem um papel fundamental nos músculos e na diminuição das faculdades intelectuais. O magnésio é indispensável para o sistema nervoso, tal como o fósforo para o funcionamento das células cerebrais. Assim, não deixe que eles faltem na sua alimentação diária pois são muito importantes para combater a fadiga.


Teresa Maria Batista Gil

Título: A importância das vitaminas no combate à fadiga

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 14

794 

Imagem por: Denise Cross

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    13-09-2012 às 21:33:32

    para combater a fadiga procure ter uma boa dieta. é importante gerir o stress. ingira proteína, cerca de 70 gramas por dia. tome cerca de 1000 mg por dia de vitamina C, fundamental para gerir o stress, e ginseng siberiano, 100 mg duas vezes ao dia. ajuda o corpo a lidar com o stress. as hormonas demoram cerca de 2 semanas a reajustarem-se. tem de defender-se do stress. eliminá-lo da sua vida.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    13-09-2012 às 21:26:52

    acorda cansada de manhã, mesmo que tenha dormido bem, ganhou gordura abdominal, tem desejos de comida salgada, sente-se impaciente e facilmente se irrita, falta de apetite sexual são algumas causas para a fadiga adrenal. pode fazê-lo sentir-se dez anos mais velho. a glândula suprarrenal é a responsável por este problemas. produz importantes hormonas, como a testosterona, a adrenalina, cortisol e aldosterona. liberta muitas hormonas. o corpo não consegue responder quando temos fadiga adrenal.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    13-09-2012 às 20:31:46

    muitas pessoas não sabem mas os analgésicos podem causar fadigas. têm incidência em cerca de 10% da população. pode usar hortelã-pimenta como aromaterapia. coloque algumas gotas deste aroma numa toalha e depois ponha esta atrás do pescoço. faça uma massagem para relaxar os músculos. assim, evita tomar os analgésicos. sem dor sem analgésicos. espero que tenha dado boas sugestões.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEduardo

    11-02-2012 às 11:38:25

    @Simone
    também gostaria de saber

    ¬ Responder
  • SimoneSimone

    20-01-2011 às 19:25:41

    Qual polivitaminico devo tomar para cansaço, fadiga e falta de memoria

    ¬ Responder

Comentários - A importância das vitaminas no combate à fadiga

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas para decorar salas pequenas.

Ler próximo texto...

Tema: Decoração
Dicas para decorar salas pequenas.\"Rua
A realidade das grandes cidades é que a maioria das pessoas mora em espaços pequenos. É fato também que todos desejam ter um ambiente acolhedor e aconchegante para receber amigos. Em contrapartida, na medida em que os espaços encolhem, a quantidade de aparelhos eletrônicos que utilizamos aumenta cada vez mais. Há ainda quem use a sala como home-office.

Nesta busca de inspiração para organizar e incrementar sua sala, encontramos uma série de sites especializados e blogs com muitas, muitas ideias. O conceito de D.I.Y. (do it yourself) que significa "faça você mesmo” nunca esteve tão na moda. É uma alternativa para reduzir gastos com mão de obra e nada melhor do que criar um espaço com um toque todo seu. Inspirações e ideias não faltam. Hoje, de certa forma todos nos sentimos meio decoradores.

Mas planejar a decoração de uma sala pequena exige alguns cuidados para que o ambiente não fique entulhado de móveis, disfuncional ou até mesmo desagradável.

Confira algumas dicas para decorar sua sala com estilo e valorizando seu espaço:
Os espelhos, além da autocontemplação, causam efeitos interessantes. Aplicados, por exemplo, em uma parede inteira pode duplicar a amplitude do ambiente. Pode ser usado também em móveis, tetos, em diversos formatos e valorizar a luminosidade da decoração.

As cores tem poder de causar sensações. Em ambientes com pouco espaço, elas podem colaborar para que a sensação de amplitude possa tanto aumentar quanto diminuir. Para pintar as paredes de sua sala aposte em cores claras. O teto com uma cor mais clara que a das paredes, por exemplo, pode simular uma elevação do teto, já em uma cor mais escura, promoverá uma sensação de rebaixamento do teto.

A escolha e posição dos móveis são um aspecto muito importante. Opte por poucos móveis, nunca de tamanhos exagerados e posicione-os de forma que valorize o espaço. Móveis que misturam poucos materiais, baixos e com linhas retas proporcionam leveza ao ambiente.

Uma solução muito interessante para espaços pequenos é a utilização de prateleiras. Caixas para produtos horto frutícolas reformadas podem se tornar lindas prateleiras. Mas cuidado com a profundidade, para não atrapalhar na disposição de outros móveis e objetos.

Móveis multifuncionais ou móveis inteligentes são excelentes alternativas para uma sala pequena. Um bom exemplo são pufes, que podem ser usados como mesas de centro ou ficarem alojados debaixo de aparadores e quando recebemos visitas podem se transformar em assentos extras. Mesas dobráveis também são uma ótima opção.

Escolher o mesmo piso ou revestimento pode dar a impressão de área maior, de continuidade. Mudanças drásticas de um ambiente para outro pode causar a sensação de divisão e consequentemente fazer parecer menor.

Algumas outras dicas: um sofá retrátil ou reclinável garante muito mais conforto e ocupa o espaço de um sofá simples. Suporte ou painéis móveis para TV possibilitam que ela seja movida na direção desejável. Caso o ambiente tenha escadas, escolher um modelo de escadas vazadas evita divisões e pode se tornar uma peça de destaque na sala. E para as cortinas, escolha tecidos leves, lisas e sem estampas.

De qualquer forma, ouse, não tenha medo de arriscar, crie, não copie, só assim será seu!

Luciana Santos.

Outros textos do autor:
Dicas para decorar salas pequenas.

Pesquisar mais textos:

Luciana Maria dos Santos

Título:Dicas para decorar salas pequenas.

Autor:Luciana Maria Santos(todos os textos)

Imagem por: Denise Cross

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Carlos Rubens Neto 16-06-2016 às 16:20:24

    Excelente matéria! Parabéns Luciana ;)

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios