Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > Poesias Inéditas

Poesias Inéditas

Categoria: Literatura
Poesias Inéditas

De Amor
De todo amor te cubro,
De todo o mal te isolo
E te concedo o fogo para que
Incendeie o seu ser para ver
O seu coração
Clamando por salvação
Da minha alma que parece
Ter sido jogada de um avião
Como se estivesse em queda livre
Num marasmo de tudo que há,
Que se possa existir amor.










Apesar de tudo existir
Apesar de o tudo que houve
Tentei pensar o quanto seria prejudicial
A você
(...).
Quem amo,
A quem o meu coração venera,
A minha alma idolatra e
Faz-meeu amar mais que tudo,
Até mesmo mais que a própria vida
(...).
Apesar de tudo que me abriga,
Toma-me o vazio,
Decido de uma vez dar um fim nessa história
De amor que não sei ser bem
(...).
Ou se é apenas faíscas decorrentes no coração,
Ou o fogo que incendeia a alma,
Aterrorizando toda a dor que a ilusão
Fez-me passar.





De Passagem
De passagem está a vida das pessoas
Que desenvolvem dentro de si,
O seu ser para saber como lidar com a
Tourada da vida que,
Como num show de boiadeiro
Faz a loucura acontecer dentro do seu ser
Que não era,
Não é e não vai ser um peão
De um alucinado boi que é o coração,
Que num rebento de emoção
Faz da paixão
Uma iluminaria de amor
Que um dia não se dá conta de que o show acaba
Com o cair da água da chuva que apaga o fogo
E tudo passa.







Pro Amor
Pro amor não existe a dor
Por somente existir o pudor
Que sem odor
Perfuma com o doce sabor de uma rosa
A minha vida com a sua presença nela,
Que sem você não haveria de ter mínimo
Do singular sentido,
Como no pingo de suor do meu coração
Pelo cansaço da minha alma de correr
Atrás de quem dá sentido ao meu viver
Sem a ousada tentativa de me perder
Na ousada imensidão
Que se permeia na escuridão,
Invasor do meu ser.








Invade
Invade-me como o boi bandido numa arena de rodeio,
Como uma tempestade de pedras de gelo,
Como uma forte chuva torrencial, o amor
(...).
Que ao mesmo tempo em que se mostra capaz de
Tirar-me da lama a qual me enfiaste,
A qual o meu coração mergulhou
(...).
Sem que tenha como se salvar
Ao meio do martírio de ilusão
Que sem se quer um pingo de compaixão
Empurraste o meu coração
E caísse juntamente a chuva,
Desfalecendo-se em meio à dor de amar
Sem ser amado.







Espaço
Quem realmente quer pode procurar,
Pode fazer o espaço aparecer
Na vida das pessoas de quem ama,
De quem admira
E idolatra quem é amado,
Quem não à ama,
Quem não sente o mesmo sentimento
(...).
A mesma emoção por você,
Vitima da paixão
Que faz no coração
Acontecer à temida erosão,
Provocada pelo derradeiro amor.









Uma Tortura
É uma tortura viver assim,
Vítima de uma derradeira e
Amargurada paixão
Que sem compaixão
Escraviza o meu coração,
Infernizando a ilusão,
Culpada de todo o medo que cerca
O meu ser da minha alma
Que se invadir-se pelo fogo
Que incendeia o seu interior,
Que amaranhado de rosas
Faz da minha essência a mais bonita
Juntamente com a sua vida,
O seu viver.








A Falta
O que faz a ausência do doce
E mais delicado perfume de uma rosa
Num bosque ou numa floresta,
É a mesma que a que vale a falta
Da sua presença em minha vida,
Já que é o único simbólico motivo
Que mantém vivo os meus sonhos
Que nada mais é o único desejo de poder
Acordar todos os dias da minha vida ao seu lado,
Com o indissolúvel prazer de ter você
Em minha vida, que
(...).
Sem você,
Tudo que parecia ser um sonho
Teria sido apenas uma ilusão,
Uma fantasia
E um sonho da qual jamais teria
O desprazer de acordar e não te ver ao meu lado.





Lá de Fora
Lá de fora vejo o Céu,
Onde vejo a lua e as nuvens
Com a chegada da noite que chega
Ao cair da tarde,
Do sol,
No qual vejo em todas às vezes
Em que nasce uma nova oportunidade
Pra fazer tudo de novo ou tudo de velho,
Numa oportunidade frustrada
De tentar acertar numa única vez
Ou errar como em todas as outras vezes,
Como repetição de um único dia
À vida toda.









Ao seu lado
Ao seu lado quero ver o sol nascer
E brilhar forte,
Como a honra a esse amor que
Como fogo parece me incendiar e,
Ao mesmo tempo parecer à água esguichada
Com o intuito de apagar o fogo
(...).
Apagar a luz que ilumina o meu Ser
(...).
Tão quão capaz de mudar a minha forma de agir
E a minha forma de expressar o que me incendeia,
O que faz ser o que sou.


Kaká Machadinho

Título: Poesias Inéditas

Autor: Kaká Machadinho (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - Poesias Inéditas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios