Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Saiba como ter um bom desempenho em uma entrevista de emprego - parte 1

Saiba como ter um bom desempenho em uma entrevista de emprego - parte 1

Categoria: Outros
Comentários: 1
Saiba como ter um bom desempenho em uma entrevista de emprego - parte 1

Algumas pessoas acreditam que a parte mais difícil para conseguir um emprego é a entrevista. Realmente, a entrevista requer uma boa preparação. Uma vez que o intuito dos recrutadores, ao realizar uma entrevista, é analisar suas ações e suas ideias. Mas, se preparando adequadamente para uma entrevista, você poderá demonstrar o seu melhor para a banca de entrevistadores e deixar bem claro para eles que é você, algo muito importante. Esse tema, por ser algo extenso e importante, será dividido em 2 partes, permitindo abordar da melhor forma possível cada detalhe. Essa é a primeira parte, que contém dicas de como se preparar antes de uma entrevista.

Dica 1 - Sempre se informe sobre a empresa ou organização para qual você será entrevistado. Mesmo que o anuncio da vaga lhe informa bastante, procure informações referente as ideias e missões da empresa, seus concorrentes e o serviço que a empresa oferece. Se possível, além do site da empresa, procure por notícias ou até mesmo contato com pessoas que trabalham na empresa.

Dica 2 - Sempre revise seu currículo e leve uma cópia dele com você na entrevista. Caso, durante a entrevista você forneça alguma informação que não consta no currículo, explique o motivo disso para os entrevistadores. Tenha certeza que eles notarão se isso ocorrer, mas nem sempre te questionarão sobre isso, pois esperam a sua iniciativa.

Dica 3 - Na véspera da entrevista, procure se alimentar bem e corretamente para evitar transtornos.

Dica 4 - Procure planejar seu trajeto até o local da entrevista para evitar atrasos. Mesmo os entrevistadores que permitirem sua entrada, se tiver chegado atrasado, você correrá o risco de ter perdido “pontos” por isso. Em casos que o entrevistador é chefe de algum setor da empresa, acredite: o tempo deles é muito valioso para te esperar. Um atraso poderá arruinar todas as suas chances. Chegar adiantado pode ser interessante, pois você terá tempo para revisar alguns pontos importantes ou até conversar com outros candidatos e pessoas da empresa que já estejam no local.

Dica 5 - Seja sempre educado durante a entrevista e enquanto espera para ser entrevistado. Não fique olhando para o relógio ou mexendo no celular, e também procure não fumar ou exagerar no café.

Dica 6 - Em hipótese alguma fale mal de sua antiga ou atual empresa, chefe, companheiros de trabalho ou clientes. Seja durante a entrevista ou na sala de espera, pois isso é algo desprezível que serve tanto para sua vida profissional como pessoal.

Dica 7 - Utilize um traje adequado para a entrevista e procure separar e revisar sua roupa na véspera da entrevista. Essas atitudes demonstrarão que você se preocupou com a ocasião.

Dica 8 - Procure se preparar para responder as típicas perguntas de entrevista. Peça para alguém de sua confiança lhe ajudar nisso, praticando as perguntas várias vezes. Se possível, grave suas respostas para ouvir depois. Assim você saberá onde melhorar. O ideal é saber responder as perguntas mais simples sem precisar pensar muito, sendo natural e usando bem as palavras. Isso passará segurança e convicção para a banca. Mas tome muito cuidado para não exagerar e falar além do que deve, busque responder as perguntas de forma objetiva.

Dica 9 - Para as perguntas mais difíceis, como falar sobre seus pontos fortes e fracos, motivo pelo qual saiu de seu último emprego ou sairá do atual, planeje suas respostas. Mas tome cuidado com isso: monte uma resposta sincera e verdadeira, não invente ou minta.

Dica 10 - Tente formular boas perguntas para os entrevistadores, perguntas inteligentes. Em alguns casos, não perguntar nada pode passar a impressão de desinteresse ou desatenção.


Lucas Souza

Título: Saiba como ter um bom desempenho em uma entrevista de emprego - parte 1

Autor: Lucas Souza (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Daiany Nascimento

    18-09-2012 às 13:21:32

    Olá Lucas, gostei do texto, principalmente desta parte: “Para as perguntas mais difíceis, como falar sobre seus pontos fortes e fracos, motivo pelo qual saiu de seu último emprego ou sairá do atual, planeje suas respostas. Mas tome cuidado com isso: monte uma resposta sincera e verdadeira, não invente ou minta.”. Concordo com os pontos que você expos e acho muito importante se atentar para as perguntas mais difíceis, como o exemplo que você deu.

    ¬ Responder

Comentários - Saiba como ter um bom desempenho em uma entrevista de emprego - parte 1

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios