Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > TV HIFI > LCD ou Plasma – Qual o melhor?

LCD ou Plasma – Qual o melhor?

Categoria: TV HIFI
Visitas: 4
Comentários: 1
LCD ou Plasma – Qual o melhor?

Ver um filme de acção e repleto de efeitos extraordinários dignos de um Óscar é um dos serões mais agradáveis que poderemos ter. E se for um jogo de futebol? Imagine a final da Liga dos Campeões vista num ecrã plano, grande, pendurado na parede da sua sala, enquanto você se recosta no sofá. O cenário é agradável, certo?

Pois é assim que o nosso consumismo começa a borbulhar e muito rapidamente nos sentimos tentados a procurar uma televisão maior, mais leve à decoração e muito mais agradável à vista. Da tentação, passamos rapidamente à procura, mas se julga que da procura passamos com uma velocidade alucinante à compra, está enganado.

Mal chegamos às lojas, deparamo-nos com uma quantidade de factores, marcas, preços, tamanhos e uma questão muito importante. Devemos escolher um LCD ou um Plasma?

Embora não pareça, as diferenças existem, e se estudar um pouco, vai ver que podem ser substanciais. Ora aqui vamos a elas.

Para começar, apresentamos o LCD. Um LCD tem uma melhor imagem quando comparado ao Plasma. A nitidez da imagem, contraste e resolução e o áudio, fazem com que o LCD ganhe pontos. Um LCD tem um consumo constante, pois funciona através de uma fonte de luz. Esta fonte de luz trabalhada pelos pixéis, utiliza sempre a mesma energia. Os pixéis aqui funcionam através da mesma fonte de luz.

Relativamente ao Plasma, a energia gasta é muito superior. Como a imagem é bastante nítida e adapta-se conforme a luminosidade da sala, a busca da perfeição é automática e constante. Isto é, se tiver claridade na sala, o Plasma adapta a sua imagem de uma forma, mas se a sala estiver muito escura, a adaptação para que a imagem seja de uma nitidez extraordinária, gasta bastante energia. Num plasma cada pixel tem a sua própria fonte de luz.

Quanto aos valores, podem ser variados, mas com o mesmo tamanho de aparelho, os plasmas são mais caros.

Ambos podem ser dotados de full-HD, mas saiba que o consumo energético é ainda maior. Quanto mais nitidez, mais energia e o mote está dado.

Quanto aos tamanhos, se a sua sala for pequena, opte por um aparelho médio. Os danos aos olhos existem e não é por o ecrã ser plano que vão deixar de existir. As polegadas mais consumidas no mercado Português são de 32p. a 40p., mas há quem goste do exagero e opte por uma de 50p., cujo preço é exorbitante.


Carla Horta

Título: LCD ou Plasma – Qual o melhor?

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 4

788 

Imagem por: LGEPR

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    04-06-2014 às 06:16:15

    Prefiro a TV LCD, pois são bem mais econômicas, com uma imagem de dar inveja.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - LCD ou Plasma – Qual o melhor?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: LGEPR

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios