Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Instrumentos Musicais > Foi na Loja do Mestre André

Foi na Loja do Mestre André

Visitas: 48
Comentários: 1
Foi na Loja do Mestre André

Qual de nós já não cantou a música tão conhecida entre as crianças – “Foi na Loja do Mestre André”.” Para algum, esta cantiga remota à infância, para outros já mais experientes nas andanças da vida, a canção lembra os tempos em que se ensinavam brincadeiras aos filhos e aos netos.

As cantigas para crianças têm sempre um cariz de aprendizagem, isso é a verdade, e a Loja do Mestre André não é uma exceção! Mas o que ensina as crianças esta canção de autoria desconhecida, mas imortalizada por Carlos Alberto Moniz.

Não ensina que só o Mestre André vende instrumentos, nem o Dó Ré Mi. Ensina sim, os sons transmitidos pelos instrumentos.

Foi na Loja do Mestre André
Que eu comprei um pianinho
Plim, plim, plim, um pianinho
Ai olé, Ai olé, Foi na Loja do Mestre André...
Tum, tum, tum, um tamborzinho...
Tá, tá, tá uma corneta...
Tiro-liro-liro um pifarito...

As crianças são perfeitas esponjas de conhecimentos e cultura. Absorvem tudo o que vêm e ouvem, e da forma mais criativa, fazem a sua própria interpretação.

Existem ainda musicas e histórias que ensinam as crianças que o piano não faz só plim, plim, plim, ou que o pifaro é somente um nas dezenas de instrumentos de sopro que podemos encontrar.

Ajudar uma criança a identificar os instrumentos pelos sons é bastante importante, mas perde o interesse se a informação ficar por aí.

Existem no mercado livros que ensinam a origem dos instrumentos. Não basta o som dos mesmo, a história, o país onde foram criados é tão importante quanto o som que emitem. Muitas vezes a história até justifica a sonoridade.

Aprender que o violino de Stradivarius foi um aperfeiçoamento de outros instrumentos de cordas de um curioso Italiano que se chamava Antonius Stradivarius, ou que existia um instrumento antes do piano que era o cravo, mas que em Florença, em 1700, um homem chamado Bartolomeu decidiu aperfeiçoar e criar o que faz hoje o conhecido plim, plim, plim...

Se um livro não emite sons (na grande maioria das vezes), opte por um DVD. Existem vários no mercado, e em vez de optar pelos bonecos animados violentos e que ocupam os olhos curiosos das crianças, escolha sbre instrumentos.

Uma boa alternativa á levar os seus filhos a espaços destinados ao conhecimento da música. Aqui aprende-se de tudo. Desde o toque, ao som, às mil e uma histórias que existem para contar sobre quase todos os instrumentos musicais.

Permita que os seus filhos conheçam a música para além de pouca sonoridades. Quem sabe não tem nos seus filhos uns futuros músicos de renome.


Carla Horta

Título: Foi na Loja do Mestre André

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 48

793 

Imagem por: HippieDude

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • marina

    15-06-2013 às 14:35:28

    oi garela tudo bem

    ¬ Responder

Comentários - Foi na Loja do Mestre André

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Jardinagem Fonte de Vida

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Bricolage Jardim
Jardinagem Fonte de Vida\"Rua
A jardinagem é conhecida há anos como uma forma de emprego que possibilita a muitos uma renda familiar mensal. A jardinagem também pode ser artística onde a arte do profissional é aplicada. A jardinagem pode ser de inúmeras formas conhecida e exercida, trazendo benefícios imensuráveis a aqueles que dela são adeptos.

Muito mais que fonte de renda ou arte a jardinagem é uma fonte de inúmeros beneficio a vida do ser humano, fonte de alegria, relaxamento e distração. E por ser uma atividade tão simples não é difícil de ser realizada. A jardinagem é por si só fonte de vida, fonte de aprendizado e principalmente fonte de intimidade do ser humano.

Ser adepto da jardinagem não é somente revirar terra, ser adepto da jardinagem é decisão de vida que transforma seu dia-a-dia mudando a rotina de dias estressantes e cansativos.

Ao olhar de muitos a tarefa possa parecer penosa, cansativa e até chata, mais somente estando envolvido na jardinagem para perceber que muito mais ter um corpo cansado após a tarefa, você na verdade descansa seu corpo sua mente e seu espírito da agitação do dia-a-dia.

Alguns minutos dedicados à jardinagem são o suficiente para inibir grande carga emocional e física do nosso dia-a-dia, e proporcionando uma energia a mais para os próximos dias.

A jardinagem pode ser realizada de varias formas simples que vão trazer todos estes benefícios a sua vida e não são necessários grandes investimentos ou mudança radical da sua rotina de vida ou qualquer outra mudança que você possa imaginar. Na verdade as maiores mudanças são comportamentais e só depende de você.

Para detalhar um pouco o que você poderá fazer com alguns minutos dedicados à jardinagem você irá perceber que não há nenhuma dificuldade em realizar esta tarefa.

Com um mínimo de espaço você pode cultivar plantas simples, em vasos pequenos que não irão ocupar espaço e serão na verdade uma linda forma de ornamentar sua casa.

Você poderá cultivar uma espécie de planta conhecida como:
- Rosa de pedra

É uma suculenta, planta que armazena água nas folhas e caules, que tem o formato parecido com o de uma rosa. É muito usada para fazer arranjos em vasos com outras suculentas e cactos. Deve ser regada apenas uma vez por semana, pois a umidade pode apodrecer suas raízes. Não tolera muito sol.

E você vai perceber que se dedicar alguns minutos a jardinagem é muito bom para você, os resultados não tem como ser calculados, somente há possibilidade de experimentar o quanto bom é o resultado final.

Então não espere muito é dedique-se um tempo a descobrir o quanto é bom a jardinagem para sua vida.

Pesquisar mais textos:

Rodrigo Junio Ferreira

Título:Jardinagem Fonte de Vida

Autor:Rodrigo Junio Ferreira(todos os textos)

Imagem por: HippieDude

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:43:33

    É tão gratificante nós mesmos realizarmos a jardinagem. Essa atividade relaxa, gera prazer e o resultado nos deixa muito felizes. Vale a pena!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios