Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Imóveis Venda > Como escolher uma boa imobiliária

Como escolher uma boa imobiliária

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Imóveis Venda
Visitas: 10
Comentários: 3
Como escolher uma boa imobiliária

Para facilitar a compra ou venda de algum imóvel é comum que as pessoas recorram à ajuda de um corretor especializado no assunto. Estes profissionais trabalham para as imobiliárias e possuem experiência de mercado, por isso, eles têm mais facilidade para analisar o imóvel de seu interesse. Mas, é fundamental que você tome alguns cuidados para não ser enganado. Então, saiba como escolher uma boa imobiliária.

Como evitar problemas com uma imobiliária? Primeiro saiba mais sobre a imobiliária que deseja contatar. Para isso, fale com outras pessoas, procure por referências, encontre clientes antigos do estabelecimento, etc. Busque informações para saber como os outros clientes foram atendidos e se tiveram algum problema. Caso você esteja vendendo um imóvel por meio da imobiliária, os cuidados devem ser redobrados.

Se eles pedirem alguma quantia em dinheiro, desconfie. Esse tipo de estabelecimento comercial trabalha por meio de comissões, ou seja, caso a venda realmente seja efetivada, a pessoa que estava comercializando o imóvel é a responsável por pagar em dinheiro à imobiliária. É comum que esses estabelecimentos embutem no preço divulgado para o comprador o valor da comissão, ou seja, elevam o custo da residência. Este procedimento não é ilegal, mas não pode ser abusivo.

No dia em que for fazer uma visita no local, não deixe de questionar caso ache que existe alguma coisa errada. Também é válido ressaltar que, tanto o locatário quanto locador deve ler o contrato de locação atentamente. Pois, caso a imobiliária erre poderá comprometer a negociação ou ainda provocar consequências futuras. Se as cláusulas do contrato o deixarem com dúvida, escute uma segunda opinião, procure por um advogado especializado neste procedimento e certifique-se de que o documento está nos conformes.

Por fim, após seguir estas dicas simples, será mais difícil ter algum tipo de problema com esse tipo de negociação. Mas, mesmo que tudo aparente estar correto mantenha a atenção. Não deixe de ser detalhista durante a venda ou compra de um imóvel. E, nunca se esqueça de que imprevistos podem ocorrer, porém, se você contar com a ajuda de uma empresa séria e segura, os problemas serão superados com facilidade.


Rua Direita

Título: Como escolher uma boa imobiliária

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 10

636 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoanderson

    02-03-2015 às 16:52:44

    Olá! Excelentes dicas para quem deseja comprar um imóvel com uma boa span style="color: #000;"a style="color: #000; text-decoration: underline;" href="http://imobiliariasemfortaleza.com.br/como-escolher-imobiliarias-em-fortaleza/"imóvel/a/span. Boas Dicas!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoRita Nunes

    24-05-2014 às 23:42:16

    Como escolher uma boa imobiliária que máximo, valeu , gostei e ajudou , vou seguir dicas e sugestões

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    05-05-2014 às 23:42:25

    A imobiliária é uma boa escolha. Mas, é preciso avaliar se realmente vale a pena. Tem que haver muita confiança e transparência para não ser enganado.

    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Como escolher uma boa imobiliária

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios