Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Imóveis Venda > Cuidados na compra de um imóvel

Cuidados na compra de um imóvel

Categoria: Imóveis Venda
Comentários: 2
Cuidados na compra de um imóvel

Sempre almejamos ter nossa casa própria, sonhamos dia e noite com uma casa que possamos morar, sem se preocupar com aluguéis, nada como uma casa que você pode dizer que é sua, não é verdade? Mas há alguns cuidados a ser tomado, para adquirir o imóvel dos seus sonhos. Devem-se tomar precauções cabíveis para que seu sonho não se torne um grande pesadelo, então vamos lá, leia esse artigo e saiba como se livrar dos lobos e como encontrar a casa certa. Antes de comprar a casa dos sonhos é preciso que seja feita uma grande pesquisa sobre o imóvel, nada de ter pressa ao compra o imóvel, a pressa é inimiga da perfeição. Em primeiro lugar é aconselhável que procure um corretor de confiança para que possa estar te orientando na compra desse imóvel.

Quando for conhecer a casa veja primeiro as condições dela como:

Se a casa possui algum tipo de rachadura, vazamento, problema elétrico ou hidráulico. Analise bem a casa, olhe para todos os cantos da casa, não deixe o corretor te iludir, verifique se o que ele diz , condiz a descrição do imóvel. Porque às vezes o corretor, quer apenas vender o imóvel.

O estado de conservação dela e a sua idade. Tente decobrir esse aspecto, dependendo da idade do imóvel, você terá que mais pra frente realizar gastos, como a manutenção da casa, como troca de fiação, encanação velha. Veja se vale a pena compra um imóvel antigo.Obs. Normalmente imóvel muito velho, pode causar grandes gastos no futuro.

Deve ser notado se na vizinhança é calmo, pelo contrário você terá que conviver com vizinhos perturbados, que ira deixá-los dormir. E concerteza não gostará de morar com vizinhos assim. Se possível dê volta no quarteirão da casa para observar o ambiente do bairro, também faça amizade com os vizinhos e faça perguntas da casa, da vizinhança, garanto que saberão te responder ainda mais se forem aqueles vizinhos que cuidam do bairro inteiro!

Uma dica necessária que dou é escolher um imóvel que seja perto de comércios e escola, caso tenha algum filho, nada melhor que você colocar o pé na rua e já se deparar com a padaria.

Outra cautela que se deve ter com a casa é os documento. Essas são as questões principais para a compra de um imóvel, existem casos, que casas são vendidas sem ao menos uma escritura. Contate um advogado para analisar a documentação, tenha olhar de águia.! A escritura deve estar em perfeitas condições, debaixo da lei, caso contrário, nem se meta a querer comprar, porque pode no futuro lhe dar uma grande dor de cabeça. Veja também, se o imposto está ou não atrasado, se estiver cabe a você analisar, se será boa ou não essa compra.

Para a compra de um imóvel é preciso que o comprador venha estar atento a todos os detalhes do imóvel, não se deixando levar pela lábia do corretor. Às vezes o corretor que você julga ser de confiança pode estar te passando a perna, seja mais esperto que ele. Veja se ele é credenciado do Creci, caso não for denuncie, pois é fora da lei ele fazer a transição de um imóvel. Tenha calma para adquirir o imóvel, pesquise bastante. Essas dicas são básicas, mas quando feita corretamente a probabilidade de ter uma casa nas conformidades da lei e ao seu gosto é de praticamente 99%.


Maria Paula

Título: Cuidados na compra de um imóvel

Autor: Maria Paula (todos os textos)

Visitas: 0

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • SophiaSophia

    05-05-2014 às 23:36:20

    Com um bom planejamento, organização e disciplina em guardar dinheiro, este sonho da casa própria se tornará realidade. Sempre é bom saber das dicas, obrigada!

    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • rosana limarosana lima

    05-05-2011 às 19:28:57

    Acho muito importante as pessoas se organizarem e tb programarem seus projetos,sem dúvida para quem se programa a melhor forma de compra é através do sistema consórcio,sem juros,num prazo normalmente menor que o financiamento e parcelas mais acessíveis é só fazer um comparativo,que essa conclusão é óbvia.Também pode ser utilizado o FGTS para soma ou lance (conforme as normas do Bacen).
    Participa todos os meses de sorteio e lance,enfim é muito vantajoso principalmente o valor final.Para quem pretende se casar futuramente,dar um imóvel de presente ao filho para montar um negócio;residencia ou gerar renda,sem dúvida é o caminho.Até para quem pretende trocar o imóvel por um de maior valor ou ter um imóvel na praia ou no campo.
    [email protected]

    ¬ Responder

Comentários - Cuidados na compra de um imóvel

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os descendentes de Eça

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Os descendentes de Eça\"Rua
Recentemente, por via da comunicação social, soubemos da entrega do prémio Leya, a um trineto de Eça de Queirós. Julgo que bastou essa noticia, para que todos ficássemos curiosos sobre os seus descendentes…esse mistério, como o Mistério da Estrada de Sintra, começou a adensar-se entre quem se interessa por estas coisas da literatura e da genealogia…então aqui deixo algumas notas que poderão ser importantes para quiçá, um dia, um qualquer jornalista, ou editor, se lembre, de conseguir reunir todos os seus descendentes vivos e se tire uma fotografia de família.

José Maria Eça de Queirós, escritor pródigo da nossa nação, contraiu matrimónio em 1886, com Emília de Castro Pamplona Resende, condessa de Resende, deixando à data de sua morte, em Paris, quatro filhos como seus descendentes e herdeiros diretos; foram eles António Eça de Queirós, Maria Eça de Queirós, Alberto Eça de Queirós e José Maria Eça de Queirós; portanto três meninos e uma menina.
Através do site Geneall.net, foi possível perceber as linhas genealógicas que se seguiram aos seus filhos. No entanto, nem todos os nomes dos seus bisnetos e trinetos estão aí presentes, com certeza por motivos de ordem pessoal, de resguardo da privacidade, motivos que não podemos questionar. Porém, é possível, pelo menos determinar a existência desses membros da família queirosiana.

De antemão sabemos que não houve descendência por parte de dois dos seus filhos, António Eça de Queirós e de Alberto Eça de Queirós.
Maria Eça de Queirós teve dois filhos, uma menina e um menino, porém a menina morreu muito nova, ficando apenas o menino, de seu nome Manuel Pedro Benedito de Castro, que mais tarde casou com Maria da Graça Salema de Castro, a mulher que se tornou a primeira diretora da Fundação Eça de Queirós, na casa de Tormes, pertença da família da esposa de Eça de Queirós. Como Manuel Pedro Benedito de Castro não teve filhos, sabemos que por este ramo, terminou a descendência do escritor.

Convém, entretanto, acrescentar aqui uma curiosidade. Depois do regresso a Portugal da viúva de Eça, ela e os filhos, foram residir para a casa da Granja, pertencente à família de Sophia de Mello Breyner. Inicialmente como esta casa costumava ser arrendada pela família de Sophia, Emília de Castro, arrendou-a, vindo a compra-la uns anos depois. Portanto, é aqui nesta casa que ela cria os seus filhos, e é onde, José Maria Eça de Queirós, um dos seus filhos, permanece após a sua morte, tendo criado aqui os seus filhos e netos, e tendo aqui também falecido.

Podemos então seguramente afirmar que a sua grande linha de descendência parte do seu filho, com o mesmo nome, José Maria Eça de Queirós, que teve também ele, atente-se à curiosidade, quatro filhos, neste caso, ao inverso, um menino, e três meninas, respetivamente de seus nomes, Manuel Eça de Queirós, Maria das Dores Eça de Queirós, Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós e Emília Maria de Castro Eça de Queirós. Esta ultima, Emília, teve ao que consta nove filhos, sendo que um deles, Afonso Maria Eça de Queirós Cabral, é quem atualmente preside à Fundação acima citada, depois da morte da primeira presidente, referida atrás, Maria da Graça Salema de Castro.

Manuel Eça de Queirós por sua vez teve seis filhos, Maria das Dores Eça de Queirós teve três filhos, e Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós, dois filhos. Somados, contabilizamos vinte, os bisnetos do famoso escritor. Seria interessante avançar um pouco mais nos ramos genealógicos e aflorar quem são ou pelo menos, quantos são os trinetos e tetranetos de Eça, por conseguinte fica aqui o desafio, pois é certo que porventura alguns destes descendentes não se conhecem, e nunca terão trocado qualquer impressão sobre o seu ascendente, para uns, bisavô, para outros trisavô, e ainda para outros, tetravô.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Os descendentes de Eça

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios