Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Linda Amazônia pulmão do planeta

Linda Amazônia pulmão do planeta

Categoria: Outros
Visitas: 14
Comentários: 4
Linda Amazônia pulmão do planeta

A Linda Amazônia. Seu futuro tem sido discutido muito nos últimos anos, de maneira intensa pela comunidade cientifica, mídia, políticos e sociedade em geral, tanto no Brasil como no mundo. Isso não é pra menos. Afinal é a maior área continua de floresta tropical do mundo inteiro, e já foi considerado o pulmão do nosso planeta na luta contra o aquecimento global, teoria hoje descartada. Mas saiba que sua importância continua sendo grande.

Os estudos que hoje mostra é que o desmatamento poderá alterar, como por exemplo: a dinâmica das chuvas no planeta, além de uma serie de outros problemas. Além disso, a região é uma fonte de recursos que o egoísmo dos empresários enche os olhos e o bolso, desde a madeira até a indústria farmacêutica. Se você não sabe a Amazônia é a maior floresta tropical do mundo em área continua de terra com mais de sete milhões de quilômetros quadrados divididos entre Brasil, Venezuela, Suriname, Guiana, Guiana francesa, Equador e Colômbia. Nela também estar à maior bacia hidrográfica do mundo com o maior rio do planeta, o amazonas fica no Brasil cerca de 80% da floresta. Saiba também que a maior parte do ecossistema amazônico fica em terra firme numa grande planície de 100 a 200 metros de altitude que segue até as montanhas onde inicia a Cordilheira dos Andes.

Esta grande planície é fruto dos sedimentos deixados pelo lago Bel terra, que existiu na região e se formou a 1, 8 milhão de anos atrás e desapareceu há 25 mil anos. Saiba que na foz da bacia hidrográfica no litoral brasileiro, o solo e a vegetação estão praticamente ao nível do mar e, em algumas áreas abaixo, o que faz com que o mar invada o leito do rio, provocando um fenômeno chamado pororoca. O Igarapé é o estreito riacho que cortam a mata, e igapós, extensa áreas com água cobrindo a vegetação mais baixa, são comuns na região. E é uma das mais interessantes atrações turísticas da região, é lindo o encontro das águas em Manaus mostra outra característica da região, de um lado as águas escuras e as ácidas do rio Negro, do outro lado as barrentas do rio Solimões que se unem para forma o Amazonas.

Você sabe como toda a floresta tropical, a maior parte do seu solo é pobre em nutrientes, formando uma grande biomassa na base das árvores, esse sim rico em nutrientes. Suas árvores como as samuameiras, castanheiras, mogno ou jatobá podem chegar a altura entre 30 e 50 metros de altura. As palmeiras também são comuns na região. Já o açaizeiro, é onde sai o açaí um fruto utilizado na alimentação diária de boa parte da população tradicional daquela região. A dimensão da sua rica biodiversidade amazônica ainda é uma incógnita, havendo as mais diversas estimativas para o numero de espécies vegetais e animais presente na floresta. Alguns animais aquáticos bem conhecidos como o pirarucu, botam e peixe boi está ameaçado de extinção graças à exploração desenfreada. O mogno é uma árvore cuja madeira pela sua maleabilidade é muito procurada, e esta também ameaçada.

A pressão social do homem tem sido a maior razão para a devastação amazônica. Que é chamado o arco do desmatamento, área fronteiriça da floresta que abrange Rondônia, norte do mato grosso, sul do Pará e oeste do Maranhão, que empurra a destruição cada vez mais para dentro da mata.



Waldiney Melo

Título: Linda Amazônia pulmão do planeta

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 14

766 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    27-07-2014 às 22:30:44

    A Amazônia é fantástica. Muito rica de beleza natural, muitas florestas, matas, rios, animais selvagens, enfim, um ambiente fundamental para a sobrevivência e que nos deixa satisfeito com sua existência. Infelizmente, a destruição sempre vai ocorrer enquanto o homem estiver existindo.

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    16-09-2012 às 23:11:06

    Considero a Amazônia um dos locais mais fantásticos do mundo. De uma beleza extraordinária e de uma florestação inigualável, há que protegê-la a todo o custo. O texto está apaixonante e alicia á visita e à protecção. Parabéns.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoeder felix

    22-02-2012 às 21:38:57

    eu adoro a natureza.e fico muito triste por tanta destruicao

    ¬ Responder
  • jeninhajeninha

    06-10-2011 às 12:57:22

    adoro a amzonia e o meu sonho é passear por tudo lá conhecer cada pedaço de lá...

    ¬ Responder

Comentários - Linda Amazônia pulmão do planeta

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A história da fotografia

Ler próximo texto...

Tema: Fotografia
A história da fotografia\"Rua
A história e princípios básicos da fotografia e da câmara fotográfica remontam à Grécia Antiga, quando Aristóteles verificou que os raios de luz solar e com o uso de substâncias químicas, ao atravessarem um pequeno orifício, projetavam na parede de um quarto escuro a imagem do exterior. Este método recebeu o nome de câmara escura.

A primeira fotografia reconhecida foi uma imagem produzida em 1826 por Niepce. Esta fotografia foi feita com uma câmara e assente numa placa de estanho coberta com um derivado de petróleo, tendo estado exposta à luz solar por oito horas, esta encontra-se ainda hoje preservada.

Niepce e Louis –Jacques Mandé Daguerre inciaram em 1829 as suas pesquisas, sendo que dez anos depois foi oficializado o processo fotográfico o nome de daguerreótipo. Este processo consistia na utilização de duas placas, uma dourada e outra prateada, que uma vez expostas a vapores de iodo, formando uma pelicula de iodeto de prata sobre a mesma, ai era a luz que entrava na camara escura e o calor gerado pela luz que gravava a imagem/fotografia na placa, sendo usado vapor de mercúrio para fazer a revelação da imagem. Foi graças á investigação realizada por Friedrich Voigtlander e John F. Goddard em 1840, que os tempos de exposição e revelação foram encurtados.




Podemos dizer que o grande passo (não descurando muitas outras mentes brilhantes) foi dado por Richard Leach Maddox, que em 1871 fabricou as primeiras placas secas com gelatina, substituindo o colódio. Três anos depois, as emulsões começaram a ser lavadas com água corrente para eliminar resíduos.

A fotografia digital


Com o boom das novas tecnologias e com a capacidade de converter quase tudo que era analógico em digital, sendo a fotografia uma dessas mesmas áreas, podemos ver no início dos anos 90, um rápido crescimento de um novo mercado, a fotografia digital. Esta é o ideal para as mais diversas áreas do nosso dia a dia, seja a nível profissional ou pessoal.

As máquinas tornaram-se mais pequenas, mais leves e mais práticas, ideais para quem não teve formação na área e que não tem tempo para realizar a revelação de um rolo fotográfico, sem necessidade de impressão. Os melhores momentos da nossa vida podem agora ser partilhados rapidamente com os nossos amigos e familiares rapidamente usando a internet e sites sociais como o Facebook e o Twitter .

A primeira câmara digital começou a ser comercializada em 1990, pela Kodak. Num instante dominou o mercado e hoje tornou-se produto de consumo, substituindo quase por completo as tradicionais máquinas fotográficas.

Sendo que presentemente com o aparecimento do FullHD, já consegue comprar uma máquina com sensores digitais que lhe permitem, além de fazer fotografia, fazer vídeo em Alta-Definição, criando assim não só fotografias quase que perfeitas em quase todas as condições de luz bem como vídeo com uma qualidade até agora impossível no mercado do vídeo amador.

Tirar fotografias já é acessível a todos e como já não existe o limite que era imposto pelos rolos, “dispara-se” por tudo e por nada. Ter uma máquina fotográfica não é mais um luxo, até já existem máquinas disponíveis para as crianças. Muitas vezes uma fotografia vale mais que mil palavras e afinal marca um momento para mais tarde recordar.

Pesquisar mais textos:

Bruno Jorge

Título:A história da fotografia

Autor:Bruno Jorge(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    05-05-2014 às 03:48:18

    Como é bom viver o hoje e saber da história da fotografia. Isso nos dá a ideia de como tudo evoluiu e como o mundo está melhor a cada dia produzindo fotos mais bonitas e com qualidade!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios