Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Saúde e Ambiente

Saúde e Ambiente

Categoria: Outros
Saúde e Ambiente

A nossa saúde depende, em parte das tarefas que desempenhamos, dos locais onde vivemos e dos hábitos que adquirimos.

O desempenho de determinadas funções significa que se é forçado a trabalhar em ambientes com elevados niveis de poeiras, fumos tóxicos, minas, fábricas e outras instalações, produtoras de substâncias quimicas nocivas para a saúde.

No que diz respeito, por exemplo aos hospitais e laboratórios de raios X, são exemplos de locais potencialmente perigosos para o organismo. O mesmo se pode dizer em relação às minas de carvâo, pó das pedreiras de sílica ou outros.

Estes pás afetam os pulmões e desencadeiam doenças de elevado risco ou morte.
Em certas fábricas é obrigatório o uso de máscaras, filtrantes especiais, que impedem a inalação de poeiras e de fumos.

Noutros locais, como nas centrais nucleares é necesário o uso de vestuário protetor e galochas contendo chumbo, por serem locais onde se manipulam materiais radiotivos. Contudo, não são suficientes para eliminar os riscos da radioatividade.

O clima é outro fator que pode afetar a saúde de diversas maneiras, através da proliferação de insetos, mosquitos etc.

O fumo do tabaco é uma forma de poluição e um hábito perigoso, pois provoca doenças como a bronquite e o cancro do pulmão, devendo por isso evitar-se ambientes poluidos com o fumo do tabaco.

Os alimentos que ingerimos provocam também enfermidades motivadas por carências alimentares, como o raquitismo, que impede o normal desenvolvimento dos ossos.
As deficiências alimentares conduzem a uma fraca resistência às infeções, porque privam o organismo dos nutrientes básicos.

As pessoas que comem demasiado, bebem muito álcool e que fumam, são mais susceptíveis de ter afeções cardíacas.

Na atualidade, o mundo sofre de poluição em demasia, devido ao excesso de automóveis e fábricas da indústria, dando origem a substãncias venenosas. Estes resíduos são lançados para o ar e aí permanecem em circulação, alterando o ambiente na atmosfera.

Há também catástrofes, como o derrame de petróleo dos petroleiros que têm uma influência nociva na saúde das populações vizinhas, das plantas e animais.

As deficientes condições sanitárias, humidade e promiscuidade no lar, são fatores que contribuem também para infeções provocadas por bactérias, como o reumatismo, endurecimento das articulações e infeções.

Os ambientes com demasiada humidade, onde a atmosfera está permanentemente saturada de humidade são propícios á propagação de doenças reumáticas e outras.

Os principais fatores de irradiação das doenças são a nutrição, sanidade e imunização. Convêm estar atento a eles, a fim de melhorar a saúde.


Pedro gil Ferreira

Título: Saúde e Ambiente

Autor: Pedro gil Ferreira (todos os textos)

Visitas: 0

606 

Comentários - Saúde e Ambiente

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como se apresentar numa entrevista de emprego!

Ler próximo texto...

Tema: Empresariais
Como se apresentar numa entrevista de emprego!\"Rua
O país passa por momentos difíceis em relação à sua economia. Mesmo com tantos recursos econômicos que nosso país possui, parece que a crise veio para nos afetar de forma avassaladora e ainda não temos uma perspectiva de melhora em curto prazo. Nesta situação, as condições de se manter no emprego para o trabalhador brasileiro são cada vez mais complicadas, pois o mercado não poupa ninguém quando se trata de encontrar meios para sobreviver e se manter firme em um mundo cada vez mais globalizado.

Portanto, aqueles que já possuem um trabalho fixo devem tentar mantê-lo da melhor forma possível, porém isso não significa abrir mão de todos os seus direitos sociais trabalhistas adquiridos ao longo da história.
Por outro lado, os que buscam uma vaga no mercado de trabalho, seja pela primeira vez ou como recolocação, devem sempre estar atentos para dois aspectos cruciais que fazem enorme diferença na hora de conseguir um novo emprego: o primeiro é a requalificação profissional, que iremos tratar em outro artigo, e o segundo é o aspecto da apresentação pessoal na hora em que estiver numa entrevista para um novo emprego.

Muitas pessoas deixam de conseguir a tão sonhada vaga de trabalho por não se atentarem para a questão da forma como se apresentam para uma entrevista de emprego. Esse aspecto deve ter uma grande relevância para qualquer candidato, pois se sabe que de nada adiantará ter um currículo perfeito para uma determinada vaga se você der uma péssima impressão no momento do primeiro contato com o seu entrevistador.

Antes de tudo, é importante esclarecer que você não precisa fazer teatro na hora de ser entrevistado. Seja autêntico e procure se mostrar consciente daquilo que você procura. Não tente agradar o entrevistador com coisas que você não é. Lembre-se que a pessoa que estiver lhe entrevistando estará preparada para saber se você está mentindo ou não.

Sua autenticidade só será percebida ao longo da conversa, mesmo que ela seja curta. A segunda questão diz respeito à sua vestimenta. Você não precisa vestir a melhor roupa que estiver no armário, mas precisará usar algo que tenha haver com a vaga que você procura. Se você tem um estilo gótico e procura vaga num restaurante para pessoas de alta sociedade com certeza terá dificuldade em convencer alguém caso queira se apresentar com seu estilo pessoal próprio. Portanto, a melhor forma de se vestir para uma entrevista é não tentar chamar muito a atenção com sua roupa, pois com isso o entrevistador irá focar mais nas suas qualidades profissionais.


Outro fator que não pode faltar é a questão da higiene pessoal. Isso é algo fundamental. Você precisa estar com a melhor aparência possível. De preferência deve sair de sua casa direto para a entrevista e não fazer paradas longas para realizar alguma outra atividade, pois assim apresentará menos cansaço ou com o odor comum das grandes cidades após algumas horas de caminhada.


Se as três condições acima forem satisfatórias, então você já terá meio caminho andado para conseguir um novo emprego, mas tudo isso são somente aspectos para causar uma boa impressão inicial. A parte que mais conta na hora da entrevista é o diálogo que você terá com o entrevistador. Nesta condição você não precisa concordar com tudo, mas precisa saber ouvir e ser bastante otimista em suas falas. Deve demonstrar confiança e certeza naquilo que busca nunca afirmar que estará preparado para algo que talvez você não vá conseguir fazer no futuro e nunca, jamais fale mal do seu emprego anterior isso irá dar uma impressão de que você não tem profissionalismo naquilo que faz.


Ao longo do texto, nossa intenção não era lhe dar uma receita pronta sobre a forma de se apresentar numa entrevista para emprego, mas lhe atentar para questões que sempre são avaliadas durante a busca por uma nova vaga no mercado de trabalho.

Pesquisar mais textos:

Wadson Benfica de Nazaré

Título:Como se apresentar numa entrevista de emprego!

Autor:Wadson Benfica Nazaré(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios