Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Decoração > Decoraçao De Interiores

Decoraçao De Interiores

Categoria: Decoração
Visitas: 2
Decoraçao De Interiores

Se você já se cansou das paredes lisas e sem graça da sua casa, ou simplesmente sente vontade de mudá-las por algo com mais textura. O que você está esperando para mudá-las?

As paredes contribuem muito com a decoração e conforto do seu lar, lhe permite jogar com a luz e a sensação de espaço, você pode criar estilos e se focar nos detalhes criando um desenho único.

Nesta ocasião vamos nos concentrar na pintura das paredes, com várias técnicas com as que você poderá usar para decorar por sua conta o espaço.

Esponjado:
Esta técnica se realiza ao dar suaves golpes sobre a parede com a ajuda de uma esponja com tinta. A parede que você vai mudar deve estar previamente pintada com tinta a base de água ou mare e deve estar seca antes de começar a aplicação.

A tinta da esponja deve ser diluída com água e devemos nos certificar de que não goteie ao molhar a esponja para conseguir o efeito desejado.

Gotelê:
É o acabado que se caracteriza pelo efeito do relevo em forma de gotas, se realiza com tinta a base de água ou plástica. Existem diversas técnicas caseiras para realizá-lo, a maioria utiliza tintas grossas ou ásperas com aplicações de rolo ou escovas de plástico.

Trapeado:
Esta técnica é muito simples: deve se aplicar sobre a parede, tinta com um pincel e expandi-la com um pano ou um pedaço de tecido áspero.

Marmorizado:
Também existem técnicas que buscam imitar alguns materiais, como o caso do marmorizado, no qual consiste em primeiro lugar ter a superfície de uma cor lisa, depois deve se passar um pano evitando que fique uniforme antes que seque e finalmente desenhar linhas finas com um pincel fino para assemelhar o mármore, borrar as linhas para que fique mais real.

Esta técnica é um jogo de contrastes, você só precisará molhar o pincel com tinta e esfregar com outro pincel seco salpicando então sobre a parede, o resultado fica ainda melhor quando as cores de ambas as tintas contrastam.

Estucado:
Para a técnica do estucado se usa uma pasta feita de cal e mármore pulverizado, você deve envernizar com aguarrás ao terminar de aplicá-lo.

Craquelado:
Consiste em misturar pó de giz e tinta acrílica obtendo assim um acabado com efeito de rachaduras.

Espalhado:
Na técnica de espalhado podemos imprimir a ilustração que quisermos se recorta um molde de metal com a forma que se busque fazer, aplica-se a tinta e com cuidado se retira o molde.

Estas são algumas técnicas que lhe darão um toque diferente e único as suas paredes. Lembre-se de consultar nas lojas especializados os produtos que mais se aproximem dos resultados que você busca.


Miguel Pereira

Título: Decoraçao De Interiores

Autor: Miguel Pereira (todos os textos)

Visitas: 2

377 

Comentários - Decoraçao De Interiores

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios