Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Decoração > A Evolução Da Decoração

A Evolução Da Decoração

Categoria: Decoração
Visitas: 6
A Evolução Da Decoração

O sector da decoração tem acompanhado a evolução dos tempos, dos gostos, das vontades e das enormes alterações do mercado. Efectivamente, as mudanças verificadas são tantas e tão profundas que o próprio conceito sofreu alguma mutação.

Actualmente, no que se refere, por exemplo aos tecidos, recolhem-se contributos de todo o mundo para elaborar colectâneas. Por outro lado, não cessam as novidades em termos de papéis de parede, têxteis-lar, alcatifas e tapeçarias. Já é, inclusive, possível personalizar estas últimas, ou parte delas, no que concerne às dimensões desejadas, e inserir desenhos exclusivos.

Numa perspectiva de combate à crise, de diferenciação e de propiciação de maior conforto ao cliente, que muitas vezes está disposto a pagar mais para não ter a maçada de ter de se dirigir a várias lojas, surge a concepção de serviços integrados de decoração. Esta oferta, a par de uma vasta panóplia de matérias e texturas, representa uma importante mais-valia para a actividade e acaba por alargar o domínio do negócio.

Estão muito em voga os patrocínios para fomentar a participação em eventos de decoração. Integrado neste âmbito, o lançamento de colecções afigura-se como uma oportunidade magnífica de brilhar e de mostrar o potencial de ideias inovadoras e de combinações inesperadas e surpreendentes. Do mesmo modo, as Feiras, enquanto cartões de visita mais visíveis, mediáticos e palpáveis, constituem um vital momento de auscultação do mercado às próprias propostas, pelo que é bastante relevante a recolha dos feedbacks dos compradores. Nesta dinâmica, organizam-se espaços arrojados, criativos, com “alma”, capazes de cativar a atenção dos aquisidores internacionais e de apaixonar todos os visitantes. A competência, aliada ao bom gosto, e temperada com uma pitadinha de surpresa e uns pozinhos de excelência, exposta num ambiente único em beleza e sobriedade, actuará de forma exímia no espírito dos participantes. Normalmente, os efeitos destas iniciativas traduzem-se em resultados bastante satisfatórios, cujos frutos tendem a aparecer no curto prazo.

Os quadros integram um elemento de grande relevo no que respeita à decoração. Possuem o condão de retratar episódios, paisagens, figuras ou mensagens que tocam, apelam, transportam, fascinam (pela positiva ou pela negativa). É certo que, pendurados na parede, ficam ao nível dos olhos, o que desperta maior atenção, mas é sobretudo o realismo neles reconhecido que os torna tão apetecíveis. De tal maneira que um médico, dando o seu parecer acerca de determinada tela produzida por um amigo seu, intitulada “O Moribundo”, não resistiu a avançar um pronto diagnóstico: «À primeira vista, os sintomas são de hidrofobia…»



Maria Bijóias

Título: A Evolução Da Decoração

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 6

695 

Comentários - A Evolução Da Decoração

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios