Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Decoração > 10 Tendencias de Jardinagem 2016

10 Tendencias de Jardinagem 2016

Categoria: Decoração
10 Tendencias de Jardinagem 2016

Tendência jardim 2016

A jardinagem tem ficado cada vez mais abrangente em nossa vida, o jardim que antes era um espaço sem muita importância tem se tornado destaque nas decorações atuais. E não é só isto ele tem também ganhado um significado cada vez mais amplo.
E com a vida cada vez mais agitada, tempo disponível cada vez menor e espaços cada vez mais reduzidos, os jardins tem se reciclado para se adequar a esta nova forma de vida das pessoas modernas.
Fizemos uma lista de dez itens para você não ficar por fora das tendências da jardinagem.

1. Telhado verde – Com os espaços cada vez mais escassos e uma necessidade de uma vida mais saudável uma tendência grande na jardinagem é o telhado verde. É possível usar Lages ou mesmo telhados para cultivar suas flores e hortaliças. E a cidade tem um item fundamental para este processo, o gás carbônico. Assim é possível alegrar sua casa e se alimentar saudavelmente, alem de contribuir com a natureza.

2. Espaço terapêutico – Uma tendência também é fazer do jardim um laboratório de terapia para toda a família, não só em questão de convivência, mas também no sentido de colocar a mão na massa. Reunir as crianças na hora de plantar, regar e colher. Isto além de fazer muito bem a todos ensinará também o valor da natureza. E quando se tratar de horta, será um grande incentivo à alimentação saudável.
3. Reciclagem: Outra tendência para o jardim 2015 é a reciclagem, incluindo aí a criação de adubo orgânico, por compostagem, reutilização da água como, por exemplo, a do aquário, ou até mesmo a água da chuva para molhar as plantas e ainda reutilizando uma peça quebrada ou não mais usada como um vaso. E tenha certeza que além de você estar com a consciência tranquila com a natureza, poderá ter um jardim lindo e estiloso.

4. Espaço ao ar livre ou Jardim Social – É uma área ao ar livre, para encontro da família e dos amigos. É uma extensão da nossa casa para o laser e apreciação do verde. Um espaço atraente e funcional que te proporciona convivência ao ar livre, mas ao mesmo tempo com o aconchego do seu lar.

5. Pequenos jardins ou jardins verticais- É mais uma forma de reutilização de espaço. É possível ter um jardim mesmo vivendo num apartamento ou numa casa pequena, ou mesmo para utilizar melhor o espaço maior. É possível ter plantas variadas e até uma horta numa parede por exemplo. Esta tendência se encaixa muito bem na vida dos grandes centros.

6. Hortas caseiras ou Jardim comestível: Com a busca cada vez maior de uma alimentação saudável, ter plantas em casa que possa ajudar nesta busca tem sido cada vez mais comum. E aí tanto faz se o espaço é pequeno ou grande, há sempre forma de ter perto da mão, hortaliças, ervas e até frutas fresquinhas pra um tempero, salada ou um suco desintoxicante. E ainda com o exemplo de Michelle Obama, cultivando uma horta no quintal da Casa Branca, esta tendência além de terapêutica, ficou ainda mais chique.

7. Jardim Selvagem – É o cultivo de uma área verde e densa no jardim, trocando os canteiros convencionais por um estilo mais natural, digamos assim. É como ter uma mata em casa, deixando a natureza seguir seu curso natural, e seu jardim com um aspecto mais rústico.
8. Plantas nativas: Outra tendência da jardinagem são as plantas nativas. As plantas importadas têm deixado de ser destaque para o jardim e há grandes vantagens nesta tendência, além das nativas serem mais acessíveis se adéquam melhor ao nosso ambiente e são plantas mais resistentes. Então trocar mudas com vizinhos e amigos pode ser uma ótima opção.

9. Jardim social: esta tendência além de fortalecer os laços sociais pode deixar a cidade mais bonita. Sabe aquele espaço perto da sua casa que está inutilizado ou utilizado da forma incorreta, como depósito de lixo por exemplo. Que tal transformá-lo junto com os vizinhos num lindo jardim, ou numa utilitária horta. Isto além de ser um incentivo a boa alimentação é também uma forma de reunir a comunidade para um bem comum valorizando os espaços públicos.

10. Forma, textura e Cor- Como o jardim saiu a muito tempo do escurinho e veio à luz, sendo uma das atrações na decoração da casa, cada vez mais ele é objeto do mundo da moda. E mais ele deve ter a sua cara, e por isto não deve se ter medo de ousar nas cores, luzes, formas e texturas. É possível encontrar hoje muita orientação neste sentido para transformar seu jardim num lugar aconchegante e atrativo.


Meirilene Reis

Título: 10 Tendencias de Jardinagem 2016

Autor: Meirilene Reis (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - 10 Tendencias de Jardinagem 2016

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios