Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Decoração > 10 Tendencias de Jardinagem 2016

10 Tendencias de Jardinagem 2016

Categoria: Decoração
10 Tendencias de Jardinagem 2016

Tendência jardim 2016

A jardinagem tem ficado cada vez mais abrangente em nossa vida, o jardim que antes era um espaço sem muita importância tem se tornado destaque nas decorações atuais. E não é só isto ele tem também ganhado um significado cada vez mais amplo.
E com a vida cada vez mais agitada, tempo disponível cada vez menor e espaços cada vez mais reduzidos, os jardins tem se reciclado para se adequar a esta nova forma de vida das pessoas modernas.
Fizemos uma lista de dez itens para você não ficar por fora das tendências da jardinagem.

1. Telhado verde – Com os espaços cada vez mais escassos e uma necessidade de uma vida mais saudável uma tendência grande na jardinagem é o telhado verde. É possível usar Lages ou mesmo telhados para cultivar suas flores e hortaliças. E a cidade tem um item fundamental para este processo, o gás carbônico. Assim é possível alegrar sua casa e se alimentar saudavelmente, alem de contribuir com a natureza.

2. Espaço terapêutico – Uma tendência também é fazer do jardim um laboratório de terapia para toda a família, não só em questão de convivência, mas também no sentido de colocar a mão na massa. Reunir as crianças na hora de plantar, regar e colher. Isto além de fazer muito bem a todos ensinará também o valor da natureza. E quando se tratar de horta, será um grande incentivo à alimentação saudável.
3. Reciclagem: Outra tendência para o jardim 2015 é a reciclagem, incluindo aí a criação de adubo orgânico, por compostagem, reutilização da água como, por exemplo, a do aquário, ou até mesmo a água da chuva para molhar as plantas e ainda reutilizando uma peça quebrada ou não mais usada como um vaso. E tenha certeza que além de você estar com a consciência tranquila com a natureza, poderá ter um jardim lindo e estiloso.

4. Espaço ao ar livre ou Jardim Social – É uma área ao ar livre, para encontro da família e dos amigos. É uma extensão da nossa casa para o laser e apreciação do verde. Um espaço atraente e funcional que te proporciona convivência ao ar livre, mas ao mesmo tempo com o aconchego do seu lar.

5. Pequenos jardins ou jardins verticais- É mais uma forma de reutilização de espaço. É possível ter um jardim mesmo vivendo num apartamento ou numa casa pequena, ou mesmo para utilizar melhor o espaço maior. É possível ter plantas variadas e até uma horta numa parede por exemplo. Esta tendência se encaixa muito bem na vida dos grandes centros.

6. Hortas caseiras ou Jardim comestível: Com a busca cada vez maior de uma alimentação saudável, ter plantas em casa que possa ajudar nesta busca tem sido cada vez mais comum. E aí tanto faz se o espaço é pequeno ou grande, há sempre forma de ter perto da mão, hortaliças, ervas e até frutas fresquinhas pra um tempero, salada ou um suco desintoxicante. E ainda com o exemplo de Michelle Obama, cultivando uma horta no quintal da Casa Branca, esta tendência além de terapêutica, ficou ainda mais chique.

7. Jardim Selvagem – É o cultivo de uma área verde e densa no jardim, trocando os canteiros convencionais por um estilo mais natural, digamos assim. É como ter uma mata em casa, deixando a natureza seguir seu curso natural, e seu jardim com um aspecto mais rústico.
8. Plantas nativas: Outra tendência da jardinagem são as plantas nativas. As plantas importadas têm deixado de ser destaque para o jardim e há grandes vantagens nesta tendência, além das nativas serem mais acessíveis se adéquam melhor ao nosso ambiente e são plantas mais resistentes. Então trocar mudas com vizinhos e amigos pode ser uma ótima opção.

9. Jardim social: esta tendência além de fortalecer os laços sociais pode deixar a cidade mais bonita. Sabe aquele espaço perto da sua casa que está inutilizado ou utilizado da forma incorreta, como depósito de lixo por exemplo. Que tal transformá-lo junto com os vizinhos num lindo jardim, ou numa utilitária horta. Isto além de ser um incentivo a boa alimentação é também uma forma de reunir a comunidade para um bem comum valorizando os espaços públicos.

10. Forma, textura e Cor- Como o jardim saiu a muito tempo do escurinho e veio à luz, sendo uma das atrações na decoração da casa, cada vez mais ele é objeto do mundo da moda. E mais ele deve ter a sua cara, e por isto não deve se ter medo de ousar nas cores, luzes, formas e texturas. É possível encontrar hoje muita orientação neste sentido para transformar seu jardim num lugar aconchegante e atrativo.


Meirilene Reis

Título: 10 Tendencias de Jardinagem 2016

Autor: Meirilene Reis (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - 10 Tendencias de Jardinagem 2016

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios