Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > 7 expressões utilizadas no Carnaval

7 expressões utilizadas no Carnaval

Categoria: Outros
Visitas: 554
7 expressões utilizadas no Carnaval

O Carnaval está chegando. Entre os dias 24 e 28 de fevereiro, os brasileiros vão às ruas dançar, divertir-se e aproveitar muito as festividades. Estas datas são tão importantes no Brasil que a cultura popular afirma o ano só começa no Brasil após a quarta-feira de cinzas. Apresentamos algumas expressões que você deve aprender para aproveitar melhor o Carnaval no Brasil.

Marchinhas

O nome vem de suas origens portuguesas. Criadas em 1933, as canções de marchas originais eram um instrumento de propaganda sob a ditadura de António Salazar, e as letras tipicamente elogiam a pátria. No Brasil, as marchinhas mantiveram as suas implicações políticas, já que muitos delas satirizavam o sistema político nacional.

Abadá

Inicialmente, as pessoas costumavam usar uma longa túnica branca durante as celebrações do Carnaval em Salvador. Sim, as pessoas costumavam suportar horas de festa sob o sol, em uma cidade quente, vestidos de pescoço a saltos. Isso mudou em 1993, quando um designer criou algo novo, mais leve tipo de traje. Ele a chamou de abadá, que é o que chamamos de roupas utilizadas na capoeira.

Hoje, o abadá, atualmente, é uma espécie de uniforme para as diferentes partes dos blocos no Carnaval de Salvador. Cada bloco tem suas próprias cores e design, e funcionam como um ingresso para curtir os blocos.

Pipoca

A palavra pipoca significa literalmente pipoca, exceto durante o Carnaval. Durante este feriado, a palavra se refere aos festeiros que não compram seus abadás. Eles não podem passar os guardas de segurança que delimitam um bloco.

O nome pipoca refere-se ao comportamento dos festeiros, que têm que saltar para cima e para baixo, a fim de ver o show, como pipocas na panela.

Chiclete com Banana

Goma com banana. Parece nojento, mas é o nome de uma das bandas de música axé mais famosas. Seus fãs são conhecidos como chicleteiros.

Cavaquinho

Este instrumento português foi incorporado à música brasileira. Ele se assemelha a um ukulele, embora ambos os instrumentos trazem músicas diferentes.

Afoxé

Afoxé, aka rua candomblé, é um desfile de carnaval que celebra a cultura negra. Suas origens remontam ao povo ioruba, e muitos de seus membros participam do candomblé. Durante estes desfiles, os membros usam roupas para celebrar Orishas diferentes e tocar música com instrumentos de percussão Africano.

Os afoxés mais famosos no Brasil é o Filhos de Gandy. Fundada em 1949 por trabalhadores do porto de Salvador, recebeu dos fãs o título de "A mais bela Afoxé do mundo".

Rei Momo

Rei Momo, o rei do Carnaval, é um personagem presente em muitos países latinos, especialmente Brasil e Colômbia. O Rei Momo é um homem grande e obeso que simboliza a abundância e a riqueza. Sua chegada significa o início das celebrações do Carnaval.

Todos os anos, o Rio de Janeiro elege seu Rei Momo, uma tradição que remonta a 1933. Fábio Damião Dos Santos Antunes será o Rei Momo do Rio de Janeiro em 2017.


Paulo Freitas

Título: 7 expressões utilizadas no Carnaval

Autor: Paulo Freitas (todos os textos)

Visitas: 554

4 

Comentários - 7 expressões utilizadas no Carnaval

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios