Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Como mudar a fralda a um bebé

Como mudar a fralda a um bebé

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Visitas: 4
Comentários: 3
Como mudar a fralda a um bebé

A muda da fralda deverá realizar-se várias vezes ao dia, sempre que o bebé coma ou note que esteja molhado – esta será uma tarefa que irá executar muitas vezes ao longo dos próximos tempos, pelo que a experiência é mesmo a melhor amiga. Vai ver que fica especialista num instante.

Para mudar a fralda ao bebé, deve ter tudo à mão, para não se ter de deixar o bebé sozinho. Assim, deverá ter perto de si a fralda nova, os toalhetes ou a água morna e as compressas, o creme para a muda e uma muda de roupa, para o caso de ser necessário trocar alguma peça que o bebé tenha molhado ou sujado.

Limpe bem as mãos com uma toalhita ou loção de limpeza e deite o bebé de costas numa superfície plana e confortável.

Dispa o bebé da cintura para baixo, para que a roupa não se suje ao retirar a fralda que vai ser trocada. Retire a fralda suja e segure as perninhas do bebé pelos tornozelos. Para não ter imprevistos e surpresas, aconselho a que use uma fralda ou um paninho para cobrir o pénis do menino ou para colocar debaixo do rabinho da menina.

Limpe o rabinho do bebé com as toalhitas. No caso de o seu bebé ter uma pele muito sensível e reactiva, o ideal será substituir as toalhitas por água morna com um pouco de gel de banho e limpar o rabinho com a ajuda de compressas. Limpe bem a pele, tendo em atenção as pregas e as virilhas. Se for menino, limpe o pénis de cima para baixo, e à volta dos testículos. As meninas deverão ser limpas de frente para trás, para que não haja proliferação das bactérias. Limpe os restos de humidade com uma fralda ou compressas e aplique uma grossa camada de creme protector.

Levante o rabinho do bebé pegando-lhe pelos tornozelos e coloque a nova fralda, com a parte que tem as fitas adesivas debaixo do rabinho. A fralda deverá ficar fixa, centrada e bem esticada, mas não deverá apertar a barriga do bebé. Coloque uma nova fralda ao bebé, esticando-a bem, para que o bebé não se sinta incomodado.

Um bom truque para quando o bebé se começar a mexer mais e a dar-se conta das belezas que se passam à sua volta, é falar com ele ou cantar-lhe uma música que sabemos que ele goste, brincar com ele soprando-lhe contra a barriguinha do bebé ou deliciá-lo com uma massagem Assim ficará mais quieto e será mais fácil mudar a fralda

É normal que no início não acerte à primeira com a marca das fraldas. Se o seu bebé fizer reacção alérgica, a solução será mesmo optar por outra marca. Se mesmo assim a alergia persistir, as fraldas de pano, mais amigas do ambiente, serão uma boa solução.



Catarina Bandeira

Título: Como mudar a fralda a um bebé

Autor: Catarina Bandeira (todos os textos)

Visitas: 4

787 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    17-08-2014 às 23:28:46

    Sempre me atrapalho na hora de mudar a fralda do bebê. Muito interessante esse artigo, adorei!

    ¬ Responder
  • leo

    22-07-2012 às 01:20:49

    meo primo tem 4 ano não vai no banheiro

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoraphaela

    25-08-2010 às 17:41:41

    Este bebê é uma gracinha eu amei ele

    ¬ Responder

Comentários - Como mudar a fralda a um bebé

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Cães e Humanos: Amizade por interesses

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Animais Estimação
Cães e Humanos: Amizade por interesses\"Rua
Não é de hoje que os cães são considerados nossos melhores amigos, porém como toda amizade ela não é totalmente incondicional e livre de interesses, pense bem, você pode discordar a princípio, mas analise a fundo e verá que tenho razão.

Cães convivem conosco a mais de 10mil anos, foi lá atrás na pré história que essa amizade começou, uma das mais duradouras da história. Teorias dizem que essa conexão iniciou pois ambas as espécies precisavam de algo que não possuíam e juntos se completaram.

Em plena era do gelo onde a sobrevivência estava sendo testada a todo vapor, aquele lobo considerado mais corajoso se encontrou com um homem também corajoso e resolveram unir forças, talvez não conscientemente, mas deu certo para ambos, e ali iniciava uma amizade que duraria por milênios.

Nesse estágio da nossa história, corríamos perigo de sobrevivência; faltava comida, segurança e energia ! ... E então percebemos que esses lobos simpáticos poderiam nos dar uma vantagem na corrida contra a morte, afinal eles caçavam muito bem , coisa que tínhamos dificuldade em fazer pela falta de energia naquele momento; então pensamos, eles nos ajudam a caçar, nós dividimos o alimento e em troca eles ganham segurança e afeto, e foi assim que essa amizade nos ajudou a enfrentar todos os percalços do caminho, e hoje evoluímos tanto que não precisamos mais de seus serviços e ainda sim continuam sendo nossos melhores amigos, posso dizer então que realmente é uma amizade verdadeira, que surgiu da dificuldade e interesses mas que não se deixou abalar por nada.

Então, agora quando virmos alguém maltratar esses animais, desdenhar deles dizendo que "não prestam pra nada", "não fazem nada de útil", como a galinha que põe ovos, ou a vaca que dá leite, lembremo-nos o quão útil eles foram na nossa caminhada, não só no quesito físico mas também no emocional, numa época em que as aparências não importavam e nem o QI para se fazer um amigo, bastava ser corajoso o bastante pra ultrapassar barreiras e conhecer mais o outro, do jeito que ele viesse, garanto que vantagens incríveis nascerão dessa amizade, e não pense em vantagens como algo ruim, quando digo penso em a vantagem da gente se sentir o humano mais importante do mundo quando esses seres peludos nos olham nos olhos sem pedir mais nada em troca, damos e recebemos carinho como nunca, uma retribuição silenciosa a quem sempre esteve do nosso lado, no pior e melhor momento.

O maior interesse em uma amizade é que ela dure para sempre, e acho que com os Cães conseguimos isso.

Pesquisar mais textos:

Lara Lavic

Título:Cães e Humanos: Amizade por interesses

Autor:Lara Lavic(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios