Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Estará para breve a cura do cancro?

Estará para breve a cura do cancro?

Categoria: Saúde
Estará para breve a cura do cancro?

Baseando-nos num interessante artigo da revista Visão, de Junho de 2015, um tratamento para um tipo de Leucemia, foi aprovado pela FDA (Food and Drug Administration), para tratar crianças, jovens e adultos nos Estados Unidos da América.

Carl June, o cientista responsável da Universidade da Pensilvânia, que desenvolveu a terapia de CART Cells, para tratamento da Leucemia linfoblástica aguda, falou sobre esta técnica revolucionária, que poderá ser a esperança no tratamento do cancro em geral. A técnica envolve retirar células da pessoa diagnosticada com este tipo de leucemia, e a quem a medicina tradicional, através dos seus tratamentos de quimioterapia, retirou toda a esperança, e manipulá-las de modo a que elas consigam eliminar as células malignas, e deste modo, reabilitar a pessoa do seu tumor.

Esta técnica, aplicada como ensaio a algumas pessoas que tinham toda a esperança de cura perdida, quase as matou. Quase. Porque em boa verdade, depois da má reação do corpo a esta intromissão das novas células, o que é certo é que as novas células guerreiras derrubaram de facto o tumor, e as pessoas sobreviveram, sem réstias de células malignas. Milagrosamente, quase se diria. Mas Carl June tinha uma boa explicação para este facto: ele que é um imunologista que se dedicou ao estudo do HIV, diz que tanto no HIV, como no cancro, o maior problema é a falência do sistema imunitário. Sendo assim, era necessário modificar geneticamente as células, para as tornar em “células assassinas” das chamadas “células más”. Carl June diz que o trabalho dos seus investigadores mostrou que é possível corrigir ou consertar o sistema imunitário.

A Novartis tornou-se então parceira do estudo da Universidade da Pensilvânia, e Leipzig, na Alemanha, tem sido a capital europeia deste novo tratamento na área das terapias celulares. Este centro tem recebido muitos pedidos de tratamento, de todas as partes do mundo, para doentes que já esgotaram as suas hipóteses com os tratamentos convencionais. No entanto, estes tratamentos são muito caros.
Portanto, segundo Carl June, a ser possível melhorar esta técnica celular, de modo a que as reações do corpo não sejam tão danosas a ponto, de quase matarem os pacientes, a ser possível diminuir os seus custos, e a ser possível aplicá-la globalmente a todos os tipos de cancro, teremos possivelmente o tratamento mais eficaz para esta doença que causa tanto sofrimento e uma elevada taxa de mortalidade.

Liliana Félix Leite

Título: Estará para breve a cura do cancro?

Autor: Liliana Félix Leite (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - Estará para breve a cura do cancro?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como se apresentar numa entrevista de emprego!

Ler próximo texto...

Tema: Empresariais
Como se apresentar numa entrevista de emprego!\"Rua
O país passa por momentos difíceis em relação à sua economia. Mesmo com tantos recursos econômicos que nosso país possui, parece que a crise veio para nos afetar de forma avassaladora e ainda não temos uma perspectiva de melhora em curto prazo. Nesta situação, as condições de se manter no emprego para o trabalhador brasileiro são cada vez mais complicadas, pois o mercado não poupa ninguém quando se trata de encontrar meios para sobreviver e se manter firme em um mundo cada vez mais globalizado.

Portanto, aqueles que já possuem um trabalho fixo devem tentar mantê-lo da melhor forma possível, porém isso não significa abrir mão de todos os seus direitos sociais trabalhistas adquiridos ao longo da história.
Por outro lado, os que buscam uma vaga no mercado de trabalho, seja pela primeira vez ou como recolocação, devem sempre estar atentos para dois aspectos cruciais que fazem enorme diferença na hora de conseguir um novo emprego: o primeiro é a requalificação profissional, que iremos tratar em outro artigo, e o segundo é o aspecto da apresentação pessoal na hora em que estiver numa entrevista para um novo emprego.

Muitas pessoas deixam de conseguir a tão sonhada vaga de trabalho por não se atentarem para a questão da forma como se apresentam para uma entrevista de emprego. Esse aspecto deve ter uma grande relevância para qualquer candidato, pois se sabe que de nada adiantará ter um currículo perfeito para uma determinada vaga se você der uma péssima impressão no momento do primeiro contato com o seu entrevistador.

Antes de tudo, é importante esclarecer que você não precisa fazer teatro na hora de ser entrevistado. Seja autêntico e procure se mostrar consciente daquilo que você procura. Não tente agradar o entrevistador com coisas que você não é. Lembre-se que a pessoa que estiver lhe entrevistando estará preparada para saber se você está mentindo ou não.

Sua autenticidade só será percebida ao longo da conversa, mesmo que ela seja curta. A segunda questão diz respeito à sua vestimenta. Você não precisa vestir a melhor roupa que estiver no armário, mas precisará usar algo que tenha haver com a vaga que você procura. Se você tem um estilo gótico e procura vaga num restaurante para pessoas de alta sociedade com certeza terá dificuldade em convencer alguém caso queira se apresentar com seu estilo pessoal próprio. Portanto, a melhor forma de se vestir para uma entrevista é não tentar chamar muito a atenção com sua roupa, pois com isso o entrevistador irá focar mais nas suas qualidades profissionais.


Outro fator que não pode faltar é a questão da higiene pessoal. Isso é algo fundamental. Você precisa estar com a melhor aparência possível. De preferência deve sair de sua casa direto para a entrevista e não fazer paradas longas para realizar alguma outra atividade, pois assim apresentará menos cansaço ou com o odor comum das grandes cidades após algumas horas de caminhada.


Se as três condições acima forem satisfatórias, então você já terá meio caminho andado para conseguir um novo emprego, mas tudo isso são somente aspectos para causar uma boa impressão inicial. A parte que mais conta na hora da entrevista é o diálogo que você terá com o entrevistador. Nesta condição você não precisa concordar com tudo, mas precisa saber ouvir e ser bastante otimista em suas falas. Deve demonstrar confiança e certeza naquilo que busca nunca afirmar que estará preparado para algo que talvez você não vá conseguir fazer no futuro e nunca, jamais fale mal do seu emprego anterior isso irá dar uma impressão de que você não tem profissionalismo naquilo que faz.


Ao longo do texto, nossa intenção não era lhe dar uma receita pronta sobre a forma de se apresentar numa entrevista para emprego, mas lhe atentar para questões que sempre são avaliadas durante a busca por uma nova vaga no mercado de trabalho.

Pesquisar mais textos:

Wadson Benfica de Nazaré

Título:Como se apresentar numa entrevista de emprego!

Autor:Wadson Benfica Nazaré(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios