Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > O melhor tratamento para cada tipo de cabelo

O melhor tratamento para cada tipo de cabelo

Categoria: Beleza
Visitas: 26
O melhor tratamento para cada tipo de cabelo

Assim como a pele, existem diversos tipos de cabelo. A indústria cosmética cada vez mais vem ampliando seu leque de opções quando o assunto é tratamento capilar. Esses produtos vem para atender às necessidades de cada tipo de cabelo, para que o resultado do tratamento possa ser bem mais eficaz. Por isso é importante que você saiba qual seu tipo, assim você pode optar pelos produtos que mais se adequam à estrutura do seu cabelo. Depois disso, é importante que você avalie do que seu cabelo precisa, pois cada tratamento tem suas particularidades e é indicado para problemas diferentes. Aqui listaremos quais os tratamentos mais adequados para cada tipo de cabelo. Confira agora os cuidados que cada tipo de fio exige e escolha o que é melhor para o seu caso.

Cabelos secos
Este tipo de cabelo tem a aparência opaca e áspera. Geralmente é bem desidratado e quebra com facilidade. O tipo de tratamento recomendado para este cabelo são aqueles à base de aminoácidos e lipídios, pois estes acabam por devolver os nutrientes que foram perdidos por conta do ressecamento. Escovas progressivas não são indicadas para quem tem cabelo seco, pois tornam o mesmo ainda mais quebradiço. Outra dica é fazer uso de produtos sem enxágue. Eles ajudam a evitar o aspecto ressecado e protegem os fios.

Cabelos oleosos
Este tipo mantém a oleosidade concentrada na raiz e comprimento, dando um aspecto de cabelo sujo. O tratamento para este tipo de cabelo deve se concentrar na remoção de impurezas presentes no couro cabeludo, proporcionando hidratação aos fios. Um tratamento atualmente muito requisitado para cabelos oleosos, é a argiloterapia. Este processo age como um peeling capilar, eliminando células mortas. Para ajudar na boa aparência dos fios, lave-os frequentemente com água fria, usando pouco condicionador e evitando cremes sem enxágue.

Cabelos tingidos
Estes fios são aqueles que mais demandam cuidados. É indicado para quem tem cabelos tingidos que, quinzenalmente, façam uso de máscaras capilares para cabelos coloridos. Estas ajudam na manutenção da cor e evitam o desbotamento. Também é muito importante que se faça uma hidratação a cada semana, para que se possa repor os nutrientes perdidos no processo de tingimento. O ideal é que se escolha uma boa marca de linha reparadora, pois elas agem como antioxidantes e blindam os pigmentos da tinta, prolongando a cor nos fios, além de nutri-los e hidratá-los.

Cabelos normais
Cabelos normais possuem uma estrutura mais equilibrada: não tem aparência ressecada e a oleosidade está na medida certa. A manutenção deles é muito mais simples. Recomenda-se que estes cabelos sejam lavados de dois em dois dias, com shampoo neutro. Cremes leave-in ajudam a mantê-los hidratados e com brilho. Muito cuidado ao usar máscaras capilares, pois em excesso, elas deixam os fios pesados e com aparência modificada. Evite usar produtos para outros tipos de cabelo, pois estes podem acabar alterando a estrutura dos seus fios.

Cabelos com química
Geralmente são cabelos que contém químicas de alisamento e progressiva. Para contornar os danos causados pelo excesso de química, indica-se a reconstrução capilar. Este tratamento repõe nutrientes, restaura a fibra capilar e hidrata, deixando os fios com aparência mais natural e saudável.

Cabelos crespos
Cabelos crespos possuem uma estrutura que dificulta a distribuição uniforme da oleosidade pelos fios. Com isso, o cabelo acaba se tornando quebradiço e ressecado. Para quem possui este tipo de cabelo, recomenda-se o uso de derivados de silicone, óleos vegetais e proteínas. Estes fecham as escamas do cabelo e repõem alguns nutrientes.

Cabelos lisos
É um cabelo que apesar de ter uma maior resistência, apresenta menos flexibilidade. Isto faz com que esses fios quebrem com muita facilidade. Evite o excesso de produtos, que acabam deixando o cabelo mais oleoso e pesado. Quinzenalmente, aplique um shampoo de limpeza profunda e hidrate apenas as pontas. Esse processo ajuda a remover a oleosidade, deixando o cabelo mais solto e saudável.
Sempre invista em produtos bons e específicos, que se adeque às suas necessidades capilares. É importante que você faça a manutenção e hidratação dos fios em casa. Independente do seu tipo de cabelo, o mais ideal seria que você procurasse o auxílio de profissionais da área, pois estes estão bem mais qualificados para identificar melhor seu tipo de cabelo, indicando assim o tratamento mais adequado para deixar suas madeixas saudáveis e maravilhosas!


Kamilla Campelo

Título: O melhor tratamento para cada tipo de cabelo

Autor: Kamilla Campelo (todos os textos)

Visitas: 26

1 

Comentários - O melhor tratamento para cada tipo de cabelo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios