Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Benefícios da talassoterapia

Benefícios da talassoterapia

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Beleza
Visitas: 29
Comentários: 23
Benefícios da talassoterapia

Talassoterapia, que deriva do grego “thalasso”, ou seja, “mar” e “therapia”, isto é, “cura”, socorre-se das virtudes curativas dos sais minerais e de partículas de algas marinhas desidratadas, em coligação com técnicas de cromoterapia, estética e massagem, entre outras. As algas desempenham um papel relevante na talassoterapia, na medida em que proporcionam a redução adiposa e celulítica, o amaciamento e lubrificação da derme, a prevenção de estrias, o aclaramento de manchas de diversas origens e a diminuição de rugas.

A talassoterapia utiliza a água do mar, o ambiente marinho a também limos, esponjas, corais e anémonas, sendo, normalmente, executada junto à praia ou utilizando produtos frescos vindos do oceano. Os elementos marinhos encerram características medicinais já reconhecidas pelas civilizações chinesas, egípcias e romanas.

A água do mar contém componentes básicos na percentagem exata, para manter a integridade e o equilíbrio das células, o que a torna um excelente mineralizador. O efeito da mudança térmica, a massagem ininterrupta do movimento da água e o ar límpido e fresco que se inala promovem a absorção dos minerais por todos os poros do corpo, o que se traduz num favorecimento para a saúde.

Por outro lado, o peso de uma pessoa, quando imersa em água do mar, é bastante inferior à imersão em água doce, o que facilita a reeducação motora, uma vez que os membros ficam mais leves. Permanecendo em imersão durante 15 minutos, dá-se a transferência de iões da água para o nosso corpo por meio de absorção da pele, fomentando a drenagem linfática, processo que coadjuva a libertação de toxinas, gordura e radicais livres, assim como de impurezas que estão na base do inchaço e da celulite.

Em acréscimo, este tratamento atua de forma enérgica na prisão de ventre, na cárie dentária e nas patologias alérgicas, nomeadamente no eczema, na urticária, na sinusite e na asma. A água do mar leva à regeneração do sangue, dos ossos e dos nervos musculares.

Outros benefícios da talassoterapia dizem respeito à estimulação da circulação sanguínea, ao relaxamento da musculatura tensa, à redução do acne, furúnculos e vários problemas de pele, incrementando a permeabilidade cutânea, à ativação do metabolismo, à mitigação de padecimentos reumáticos, etc.

Naturalmente que esta terapia comporta alguns riscos, que podem incluir dificuldades respiratórias, hipertensão, complicações cardíacas, infeções de pele, hipertiroidismo e enfermidades infetocontagiosas. O melhor, antes de iniciar a talassoterapia, é submeter-se a uma consulta para se informar acerca de vantagens e desvantagens, ou, na ausência de contraindicações, receber propostas de combinações de essências, óleos, cores, sons e tempo necessário para o próprio tratamento e, deste modo, alcançar um grau de satisfação que, no mínimo, colmate as necessidades e preencha as expectativas criadas.


Maria Bijóias

Título: Benefícios da talassoterapia

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 29

768 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 23 )    recentes

  • SophiaSophia

    23-04-2014 às 18:21:35

    Nooossa, fantástica a talassoterapia. Não a conhecia, mas parece ser bem benéfica. Muito boa sua explicação, deve ter alguma clínica que forneça esse tratamento.

    ¬ Responder
  • Maria helena

    12-03-2013 às 14:59:38

    Gostaria de conhecer locais onde poderei adquirir os ativos necessarios para a banheira de Talassoterapia. Obrigada

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatização

    24-10-2012 às 10:10:19

    Talassoterapia? Inventam de tudo...e tempo, e dinheiro...

    ¬ Responder
  • Wallace RandalWallace Randal

    20-09-2012 às 15:14:27

    Não conhecia essa Talassoterapia, fiquei impressionado! Sou meio suspeito para falar de terapias, pois nunca fiz nenhuma e não tenho conhecimento do assunto. Mas essa parece ser bem legal, utilizando de coisas do mar, como você citou no texto. Gosto muito do litoral, o clima que a praia oferece é perfeito para pensar nas coisas da vida e do mundo. Fazer esta talassoterapia deve ser uma experiência incrível tanto física quanto piscicológicamente!

    ¬ Responder
  • vera

    12-11-2012 às 21:09:52

    Recomendo, fiz 4 sessões, éótima, vç rejuvenesce novamente, sente que a argila faz efeito rapidinho, para quem tem problema de retenção de liquido é bom fazer porque se ve o resultado, a pessoa mucha, ao termino do processo. Para tirar dúvidas, vç mede antes e depois, verá quantos cm perdeu, além do mais é relaxante.

    ¬ Responder
  • Gabriela TorresGabriela Torres

    20-09-2012 às 01:56:04

    Acredito que se a pessoa tem tempo e condições financeiras para fazer sessões de talassoterapia,realmente tem a obrigação moral de cuidar do próprio corpo.Quem cuida do corpo cuida da alma automaticamente.

    ¬ Responder
  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    19-09-2012 às 19:58:03

    a talassoterapia parece-me uma terapia óptima, até mesmo para quem não gosta de mar. as massagens e as inalações são óptimas para relaxar. contudo, parece-me uma técnica muito precisa, que só as pessoas técnicas podem realizar. parabéns pelo seu texto e pelo tema. é bastante inovador e não fazia ideia que a talassoterapia existia. parabéns e continue a colocar os seus textos com temas igualmente interessantes e inovadores. vai chamar atracção dos leitores.

    ¬ Responder
  • Daiany Nascimento

    19-09-2012 às 12:17:04

    Olá autor! Eu realmente achei este texto do site muito interessante, eu não tinha ideia sobre os vários benefícios que a talassoterapia poderia nos trazer, na verdade, eu não tinha muito conhecimento do assunto. Fiquei surpresa ao ver o que você citou: “a água do mar contém componentes básicos na percentagem exata” Parabéns pelo ótimo conteúdo e boa escrita.

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    19-09-2012 às 12:14:43

    Desconhecia, antes de ler o seu texto, o que é a talassoterapia, uma vez que não tenho por hábito submeter-me a tratamentos estéticos ou relaxantes. Pelo que entendi pelo seu completo artigo, os benefícios da talassoterapia são vários, tanto ao nível da saúde com da aparência. O seu potencial como tratamento da celulite será certamente um aspeto atrativo para muitas mulheres, uma vez que este é um problema muito difícil de tratar de outras formas.

    ¬ Responder
  • Teresa Maria Batista GilTeresa Maria Batista Gil

    19-09-2012 às 11:10:44

    A talassoterapia é um tratamento fisioterapêutico que traz inúmeros benefícios para o corpo e a mente.Os tratamentos são feitos em luxuosas estâncias termais, que captam a água do mar à distância, com aparelhos próprios.Os tratamentos são úteis no caso de uticária, eczemas, asma, alergias e articulações. Além disso a pele é regenerada e tonificada.

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    18-09-2012 às 23:41:33

    Olá Maria. Muitos parabéns pelo texto. Conhecia o nome da terapia, apesar de saber e conhecer os benefícios das algas e outros elementos marinhos. De facto muitas vezes desconhecemos ou até estamos distraídos com o que a natureza tem para nos dar. Bom texto, continue.

    ¬ Responder
  • Wallace RandalWallace Randal

    18-09-2012 às 19:52:29

    Muito bom seu texto! O site rua direita precisa ter mais textos como este, e com certeza mais autores como você também. A maquiagem, além de corrigir as imperfeições, pode também dar uma aparência muito mais bonita, dependendo de como usá-la. E a oleosidade da pele é com certeza um grande problema. Ela pode causar cravos e espinhas, deixando o rosto com uma aparência não muito agradável. Testar formas de diminuir ela é bem legal.

    ¬ Responder
  • alice raianealice

    01-05-2012 às 17:21:26

    porque o meu comentario nao vai ser registrado?

    ¬ Responder
  • alice raianealice raiane

    01-05-2012 às 17:18:00

    vou usar essas dicas ai minhas vai ficar bem fortes e longas para quando eu for transar eu poder pegar no penis do meu marido ele vai amar minhas unhas longas passando no penis dele

    ¬ Responder
  • susansusan

    10-02-2012 às 19:09:07

    pode ser usada em gravida

    ¬ Responder
  • MauroMauro

    09-01-2012 às 18:51:58

    tambem gostaria de saber onde , em são paulo, tem um bom centro de talassoterapia e onde
    posso comprar produtos confiáveis.
    obrigado

    ¬ Responder
  • genaildarabelogenaildarabelo

    12-08-2011 às 01:09:01

    olá eu gostaria de saber os beneficios da talasso terapia e qual contra indicação obrigada

    ¬ Responder
  • carmemcarmem

    14-02-2011 às 19:46:01

    Eu adorei o esclarecimento. so queria saber um pouco mais sobri as manobras... Obrigada

    ¬ Responder
  • cleusacleusa

    25-01-2011 às 19:56:15

    ola!!gostaria de saber como se faz essa massagem e onde encontro os produtos .

    Obrigada .

    CLEUSA

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEdna Martins

    23-01-2011 às 14:58:11

    olá, sou estudante universitária em Portugal e o meu projecto de fim de curso é precisamente um Centro de Talassoterapia. Em Portugal existe no Algarve e na Madeira ainda não é uma pratica muito comum. Gostava no entanto de saber centros relevantes de Talassoterapia no Brasil. Estive a ver um video na Tunisia de um centro enorme e fiquei fascinada. Podem dar-me nomes de Centro de Talassoterapia no Brasil para poder pesquisar na internet.
    Aguardo novidades. Muito Obrigada

    ¬ Responder
  • RejaneaRejanea

    12-11-2010 às 19:48:19

    Adorei a matéria, muito esclarecedora, até pq eu não sabia que tinha risco. Como vc não são videntes, para adivinhar o que desejamos saber, por favor, gostaria de saber onde posso encontrar produtos para a técnica. Sou esteticista, preciso de um curso específico? Qual? Obrigada

    ¬ Responder
  • Andre GomesAmanda

    04-08-2010 às 17:36:48

    Que merda eu quero saber é os beneficios das esponjas-do-mar
    coloquem isso ai gente
    pelo amor de DEUSSS

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDr. Téo

    13-03-2012 às 14:23:55

    Se voce comer uma esponja do mar, ela vai sair do outro lado limpando tudo o que encontrar pelo caminho.
    E se voce usar um pouco de detergente pode facilitar ainda mais.

    ¬ Responder

Comentários - Benefícios da talassoterapia

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Serra Mármore

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Serra Mármore\"Rua
Verdade seja dita – cada macaco no seu galho. Se quer serrar um pedaço de madeira, terá de comprar uma lâmina adequada e o mesmo se passa com qualquer material que queira utilizar.

Se quando aperta um parafuso, utiliza a chave de fendas apropriada, porque não o faz quando o assunto é serrar.

Para quem trabalhe com materiais de construção, é perfeitamente normal que saiba que não deve utilizar outro tipo de serras ou laminas que não os mais adequados aos mármores.

Mas porque não posso utilizar, por exemplo uma serra de madeiras, para cortar o mármore? A resposta é muito simples. As serras e lâminas para madeira produzem uma rotação demasiado baixa para o corte de pedra mármore. Não só pela perfeita execução do trabalho, mas também por uma questão de segurança. Ao utilizar uma serra inadequada ao corte de pedra mármore pode correr o risco da lâmina saltar e dar-se um acidente grave.

Se não sabe que tipo de serra utilizar para cortar mármore, o melhor é pedir ajuda. Dirija-se a uma loja da especialidade (comercio normal ou grandes superfícies especialistas em bricolage) e faça perguntas. Se a ideia é aventurar-se e fazer o seu próprio trabalho, o melhor é pedir a opinião a quem sabe e é entendido na matéria.

Se o trabalho a que se quer aventurar, for uma coisa relativamente fácil, então basta-lhe uma serra com lâmina adequada, uma mascara e uns óculos (que pode comprar ao mesmo tempo que a lamina). No entanto, se o trabalho requerer cortes difíceis e curvas perigosas, veja até que ponto não deverá solicitar a ajuda de um profissional.

Cortar pedra mármore pode não ser uma tarefa fácil, pelo que se quer mesmo fazê-lo, compre uma serra de mármore adequada.

Os valores podem oscilar, dependendo das funções e da marca, naturalmente.

As serras mármore servem ainda para cortar todo o tipo de pedra (moleanos por exemplo), alvenaria, azulejos, tijolos entre muitas outras coisas que poderá descobrir.

Relativamente a serras de pedra mármore, a indústria tem oferecido muitas evoluções. A mais recente é de detectar automaticamente a colocação correcta das mãos. Se colocar de forma incorrecta as mãos na serra enquanto trabalha, a máquina recusa-se a executar trabalhos. Outra das medidas adoptadas pelos fabricantes de algumas marcas de serras para pedra (e também de madeiras, por exemplo), é o desligamento e bloqueio automático na eventualidade da lâmina detectar partes humanas. Assim, os seus dedos ficarão com toda a certeza mais seguros.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:Serra Mármore

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    02-05-2014 às 21:47:55

    Muito bem observado quanto ao material que se deva usar, pois a tendência é sempre dar aquele jeitinho, que muitas vezes, traz mais prejuízos. A Rua Direita agradece pelas informações tão úteis e importantes.

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios