Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Está preparada para envelhecer?

Está preparada para envelhecer?

Categoria: Beleza
Comentários: 3
Está preparada para envelhecer?

O tempo não para e, com essa premissa, é preciso se estar preparado para envelhecer. Mas como preparar-se para algo que durante muito tempo foi sinônimo de morte, de doença e de má qualidade de vida? Hoje se sabe que envelhecer é experimentar as diversas possibilidades e oportunidades que a vida pode oferecer. Afinal quanto mais tempo se experiencia, mais sábios e seguros nos tornamos. O final da vida material chega para todos, então porque não valorizar um período em que as preocupações de emprego, criação de filhos e aquisição de bens já passaram?

Quem sabe envelhecer, sabe valorizar o tempo, o amanhecer, a dádiva de se ter conquistado família e amigos. Sabe inclusive da possibilidade de se desfrutar de tudo que se conquistou durante os tempos, sejam bens materiais, valiosos para a manutenção de uma qualidade de vida e cuidados que esta etapa humana requer, sejam bens sentimentais, bem mais fundamentais. Quando se envelhece, se tem a oportunidade de viver mais intensamente, de ver o outro lado da vida, de voltar a sorrir, embora as marcas do tempo sejam evidentes, de amadurecer com os erros e acertos e, principalmente, de passar todo o conhecimento que se adquiriu adiante.

Mas para se chegar a essa plenitude é preciso, como tudo na vida, se preparar. Não há uma escola que ensine a envelhecer, logo, saber envelhecer e estar preparado para isso também é um passo que se deve dar na caminhada diária da vida. É fato que desde que nascemos já estamos envelhecendo, portanto já sabemos o que é envelhecer e como podemos evoluir com isso. O problema é a ideia jovial de eternidade ou de que se tem sempre ainda muito tempo adiante. Aqueles que perdem a vida prematuramente não conquistarão a sabedoria e os benefícios da velhice.

É evidente que, à medida em que se vai envelhecendo, muitos problemas físicos vão aparecendo. São as respostas do organismo a tudo o que se realizou e ao modo de vida que se teve durante os anos já vividos. Diante disso é também bastante óbvio que quem sempre cuidou do seu corpo físico e do seu emocional, tendo uma vida mais equilibrada, feliz, uma alimentação saudável e cuidados com a segurança pessoal tem uma velhice mais tranquila. Saber envelhecer requer alguns cuidados com o próprio eu, físico e espiritual.

Para saber envelhecer e adquirir a plenitude necessária para se ter qualidade de vida quando finalmente, e é inevitável, se chegar a terceira, e hoje se fala em quarta, idade é necessário olhar para si mesmo se autoavaliando e se autoajudando constantemente.  Perceber a simplicidade e a efemeridade da vida é um bom começo, evita que se esteja sempre em busca de algo inatingível e que se valorize as possibilidades e as conquistas que se tem.  Manter sentimentos ruins, como ódio, tensão, ambição compulsiva, assim como atitudes negativas como vícios, chantagens e violência só vão gerar um envelhecimento igualmente conturbado, envolto em doença e infelicidade.

Saber envelhecer é saber aproveitar o lado bom da vida, é saber que mesmo que haja injustiça, incompreensão e violência, a vida é boa, porque também existe o lado do amor, da solidariedade, da justiça e do amparo. Manter contato com a família é extremamente importante. Ser para a família e para os amigos verdadeiros o que se deseja ter para si é a chave de um envelhecimento saudável. Solidão não combina com um envelhecer pleno. A plenitude está em chorar e dar a volta por cima, errar e consertar o erro, magoar e pedir perdão, violar alguma regra, mas promover a paz.

Está-se preparado para envelhecer quando se percebe que hoje é realmente o dia mais importante da vida, afinal são as atitudes do dia de hoje que garantirão o bem-estar de amanhã. Está-se preparado para envelhecer quando se percebe que a vida é muito mais do que simplesmente realizar o previsível. Sabe envelhecer quem sabe cuidar do seu corpo físico, que sabe interagir com os outros, quem sabe amar e quem sabe valorizar o lado bom da vida. Ser otimista, ter objetivos, adaptar-se a diversas circunstâncias, ter relacionamentos dignos e fieis são grandes indícios de que se sabe envelhecer e que a maturidade virá de forma harmônica, sem arrependimentos ou frustrações.


Rosana Fernandes

Título: Está preparada para envelhecer?

Autor: Rosana Fernandes (todos os textos)

Visitas: 0

781 

Imagem por: recubejim

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    28-06-2014 às 15:05:12

    Temos que aproveitar cada minuto da nossa vida. E, quando chegar o dia, possamos dizer: ainda sou muito nova!! hehehe

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    11-09-2012 às 19:12:15

    acho que ninguém está preparado para envelhecer para aceitar as rugas e troca da sabedoria, aceitar uma vida estável financeiramente pelo aparecimento das doenças mais complicadas (maior probabilidade de cancro). como pede a canção «oh tempo volta atrás». ele não, mas até que ponto e bom ou não envelhecer? isso é outra conversa. há um lado bom e um lado mau da coisa. por isso, não se preocupe se está envelhecendo, logo encontra o bom.

    ¬ Responder
  • VixVix

    16-10-2011 às 18:39:02

    Ótimo a reportagem, servio para mim direitinho!

    Bjsss *-*
    Ass: Vix

    ¬ Responder

Comentários - Está preparada para envelhecer?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Imagem por: recubejim

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios