Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Chá e o café no combate ao AVC

Chá e o café no combate ao AVC

Categoria: Saúde
Visitas: 2

Tornou-se hábito considerar o café e o chá – preto ou verde – como bebidas potencialmente perigosas, dado o seu elevado teor de cafeína. A hipertensão, problemas do foro cardíaco e maior possibilidade de se vir a ser vítima de um AVC eram doenças que, dizia-se, serem provocadas pelo consumo de cafés e chás em demasia (mais de 2 ou 3 chávenas diárias). Outras bebidas com cafeína também eram apontadas como causadoras de diversos problemas no organismo (como bebidas gaseificadas ou energéticas).

Todavia, um estudo iniciado em 1980 e concluído apenas em 2004, pela Harvard School of Public Health e co-liderado pelo Dr. Rob Van Dam, que envolveu cerca de 83000 mulheres com idade média de 55 anos, trouxe a lume a conclusão mais inesperada: o consumo regular de chá e café reduz, efectivamente, a possibilidade de se vir a sofrer um AVC. Será ainda de salientar que nenhuma das mulheres envolvidas no estudo sofrera alguma vez de cancro, diabetes ou problemas cardiovasculares, numa fase anterior ao estudo.

Ao longo dos 24 anos que durou a experiência, cerca de 84% das mulheres afirmou ter consumido com regularidade café, 78%, chá, e 54%, outra bebida contendo cafeína. As mulheres que consumiam café ou chá com maior regularidade (mais 4 chávenas diárias) apresentaram um risco menor de 20% de virem a sofrer de um AVC; de 2 a 3 chávenas, a redução ficava-se na ordem dos 19% e, quem apenas consumia 5 a 7 chávenas semanais, via o seu risco de vir a sofrer um AVC em somente 10%. Os especialistas responsáveis pela condução do estudo afirmaram que, ao contrário do mito instalado entre a população que preconizava graves malefícios a quem fosse regular consumidor de café e afins, a verdade é completamente oposta: o café é um poderoso auxiliar no combate aos AVCs.

Não se julgue, contudo, que tais benefícios concorrem para, por exemplo, diminuir os efeitos nocivos do tabaco. Verificou-se que, entre as fumadoras, o benefício se ficava nos 3%, mesmo consumindo doses elevadas de café. Significará isto que o consumo de café não poderá estar associado ao consumo de tabaco, sob pena de perder grande parte do seu efeito salutar ao nível dos derrames cerebrais? A resposta parece ser afirmativa, mas não há certezas.

Finalmente, os estudiosos referiram ainda que algumas mulheres envolvidas na pesquisa sofreram complicações cardíacas, insónias e ansiedade, pelo que os mesmos aconselharam cautela no seu consumo.

Já sabe: beba café, mas ouça o seu corpo, que lhe dirá quando está na altura de parar!


Isabel Rodrigues

Título: Chá e o café no combate ao AVC

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 2

805 

Comentários - Chá e o café no combate ao AVC

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Secretária em vidro

Ler próximo texto...

Tema: Mobiliário
Secretária em vidro\"Rua
A maior parte das casas tem um escritório para fazer os trabalhos relativos Á profissão ou outros. È uma divisão extremamente necessária para as pessoas se recolherem a trabalhar. Por isso o escritório deve ser um local com conforto e agradável. O ambiente torna-se extremamente importante para o recolhimento necessário e a concentração que certos trabalhos exigem. Se não se tiver no local de trabalho tem de construir-se em casa.

Em todas as profissões é útil ter uma secretária para colocar um computador portátil. Livros e outros acessórios. É uma peça de mobiliário que não se dispensa de forma nenhuma. Desde sempre que foi indispensável na escola, no escritório, na empresa. A sua funcionalidade é como a do computador que praticamente não se dispensa. Para onde se vá leva-se o computador portátil a servir de complemento.

No que diz respeito à secretária ela exige um bom material e design bonito. E de facto há secretárias muito belas desde o seu modelo ao material e design. Por exemplo uma secretária em vidro fica muito bem num escritório amplo de uma vivenda ou numa empresa particular bem decorada. Pode colocar-se também num pequeno escritório de um apartamento ou numa sala especial e decorada a gosto. Há quem prefira ter uma secretária num espaço pequeno especificamente para trabalho. Deste modo concentra-se mais nele e não pensa no que tem para fazer em casa. Ou seja, dá mais prioridade ao que eventualmente tenha que fazer numa secretária. Para além de ajudar a decorar e embelezar o espaço onde se coloca dá um certo ar de charme e gramou num ambiente. Se este for decorado com objectos bonitos de decoração e uma estante para livros dá um ar mais intelectual ao ambiente. Deste modo mais propício para o recolhimento.

Não é por acaso que muita gente prefere o seu escritório para passar as horas que dispõe no seu quotidiano ou fins – de - semana. É um local propício a pensar mais nos projectos, no trabalho e nos encargos da vida. Deste modo cada divisão da casa tem uma funcionalidade diferente e um ar distinto dos restantes.

Não quer dizer que uma secretária em vidro não fique adaptada noutro local que não seja para o trabalho de estudantes ou outros, ela pode ainda adaptar-se para embelezar ou harmonizar espaços que estejam por preencher numa casa maior ou outro local. Sem dúvida que a secretária em vidro não vai deixar mal nenhum espaço onde se coloque.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Secretária em vidro

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 15:52:38

    Fantástico texto! A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios