Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Mobiliário > Dicas sobre mobiliário

Dicas sobre mobiliário

Categoria: Mobiliário
Comentários: 1
Dicas sobre mobiliário

Muitas vezes aquele móvel que adoramos e que esperávamos ter para sempre complementando a decoração de nossa casa ou escritório, de repente nos parece perdido, seja por causa de algum ou alguns riscos, pela perda do brilho, ou então sendo ele fosco acaba com sua tonalidade alterada, pega cupim, fica empenado ou por acidente acaba com uma horrível mancha.

E como o móvel foi comprado há tempo, não pode mais ser encontrado nas lojas.

Apesar disso tudo, não se abata, com algumas das dicas abaixo é possível recuperar o móvel e a aprender a melhor forma de conservá-lo.

Móveis com acabamento fosco devem ser limpos com pano umedecido em detergente diluído em água ou sabão de coco. Não recomenda-se o uso de lustra-móveis nesse caso, pois ele pode alterar o brilho do acabamento original. Álcool só pode ser usado em móveis com acabamento em esmalte fosco e mesmo assim somente em casos para remoção de manchas mais persistentes ou para higienização da peça.

Quando o móvel fica riscado, se forem riscos superficiais, estes podem ser retirados com polimento ou com aplicação de cera. Se o risco for profundo a melhor opção é chamar um especialista em pintura de móveis. Em acabamentos poliuretânicos, o móvel deverá ser lixado e pintado novamente. Nunca use nos móveis produtos abrasivos como saponáceos ou palha de aço, pois causam outros arranhões e desgastam a película do acabamento, modificando assim o brilho e a cor e também interferindo da durabilidade da pintura existente.

Em casos de cupim , quando percebemos aquele furinho na peça, isso não é sinal de que o cupim penetrou no móvel, na verdade foi por ali que ele saiu, pois a fêmea coloca os ovos em baixo dos móveis e quando as larvas nascem elas vão abrindo caminho no interior da madeira e só saem quando já são adultos. O ideal é fazer a substituição da peça afetada antes que o restante do móvel fique comprometido e que a praga se espalhe para outros objetos de madeira.

A umidade faz com que a madeira empene, por isso ao escolher móveis para locais úmidos, como banheiro e cozinha, de preferência por peças que tenham todas as superfícies revestidas.

Em peças com acabamento em alto brilho, faça a limpeza com pano úmido e detergente diluído em água. Isto serve tanto para acabamentos transparentes como para laqueados. Para lustrar use um pano macio com produtos específicos encontrados no mercado.

Algumas manchas podem ser facilmente retiras com o procedimento normal de limpeza ou com polimento. Cuidado com manchas de café, gordura, sucos ou refrigerantes, pois podem levar a deteriorização do móvel. Existem produtos específicos para retirar manchas de gordura dos móveis. As manchas que penetram no filme da tinta normalmente só podem ser eliminadas com a repintura do móvel.


Fabiane Martello

Título: Dicas sobre mobiliário

Autor: Fabiane Martello (todos os textos)

Visitas: 0

657 

Imagem por: emdot

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    20-04-2014 às 16:10:26

    Que dicas sensacionais, Fabiane. A Rua Direita muito se alegra, obrigada!

    ¬ Responder

Comentários - Dicas sobre mobiliário

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: emdot

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios