Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Arte > Descubra o artista que há em si!

Descubra o artista que há em si!

Categoria: Arte
Visitas: 26
Comentários: 1
Descubra o artista que há em si!

A arte constitui um fenómeno presente na vida de toda a gente. Não há quem não tenha jeito para isto ou para aquilo. Uns são dotados para cantar, outros para dançar, pintar, desenhar, escrever, executar trabalhos manuais, saber ouvir, falar bem, negociar, e depois também manipular, ludibriar, mentir, enganar, enfim, toda uma faceta negativa que em nada dignifica a verdadeira arte. Aliás, agora parece que fizeram um novo lançamento para jovens políticos: fraudes descartáveis! É só habilidade…

Ainda hoje, esta componente essencial da existência não é bem compreendida, sendo vista como algo destinado aos tempos livres e nunca como um modo de subsistência. Efectivamente, verifica-se uma grande dificuldade de inserção em alguns domínios profissionais do mundo artístico e a insegurança é uma constante, motivada, em grande medida, pela feroz competitividade e por uma exigência selectiva. Quem opta pela carreira de artista, seja em que vertente for, terá de estar preparado para qualquer eventualidade e abdicar de uma rotina instalada que, para muitos, é fonte de conforto e bem-estar. Não obstante, o sucesso espreita, invariavelmente, os mais talentosos e perseverantes… Eles sujeitam a sua análise, a sua visão da realidade universal à crítica, aos gostos dos outros. Não se pode negar: trata-se de um acto de coragem!

A arte é uma forma de expressão, de comunicação, de testemunho de todo um espólio identificativo e único. Em várias civilizações passadas foi tudo o que restou, pelo que o conhecimento destas se processou através, exactamente, do legado artístico, que subentende uma herança cultural, organizacional, psicológica, social, espiritual, familiar, estética, motivacional, e por aí fora. Autêntico núncio de épocas, a arte surge, em diversos casos, como única sobrevivente, que projecta um viver, mais ou menos longínquo, num tempo e num contexto reais, ajudando a compreender e a consolidar raízes e até padrões genéticos, num enquadramento merecedor de ser imortalizado.

A genealogia da arte corresponde, naturalmente, à genealogia da própria evolução humana e das condições vivenciais dos ancestrais habitantes do Planeta. Uma coisa é certa: se «a necessidade aguça o engenho», as produções artísticas dos nossos antepassados, pela inexistência ou pobreza dos materiais disponíveis, têm ainda mais valor e revelam artistas “de mão cheia”. Há quem diga que para produzir arte basta a simples vontade de a fazer, que ela designa um feito da alma e não do intelecto, que fomos feitos para criar! No dia-a-dia, lida-se continuamente com questões ligadas à composição artística, à combinação das cores, das palavras dos sons, das ideias. Os ingredientes estão lá… à espera de serem manifestados!

Maria Bijóias

Título: Descubra o artista que há em si!

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 26

725 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Jovita CapitãoJovita Capitão

    18-08-2012 às 04:45:18

    Mito bom, o texto. Nota-se que a arte da escrita está presente nas suas palavras.

    ¬ Responder

Comentários - Descubra o artista que há em si!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Cães e Humanos: Amizade por interesses

Ler próximo texto...

Tema: Animais Estimação
Cães e Humanos: Amizade por interesses\"Rua
Não é de hoje que os cães são considerados nossos melhores amigos, porém como toda amizade ela não é totalmente incondicional e livre de interesses, pense bem, você pode discordar a princípio, mas analise a fundo e verá que tenho razão.

Cães convivem conosco a mais de 10mil anos, foi lá atrás na pré história que essa amizade começou, uma das mais duradouras da história. Teorias dizem que essa conexão iniciou pois ambas as espécies precisavam de algo que não possuíam e juntos se completaram.

Em plena era do gelo onde a sobrevivência estava sendo testada a todo vapor, aquele lobo considerado mais corajoso se encontrou com um homem também corajoso e resolveram unir forças, talvez não conscientemente, mas deu certo para ambos, e ali iniciava uma amizade que duraria por milênios.

Nesse estágio da nossa história, corríamos perigo de sobrevivência; faltava comida, segurança e energia ! ... E então percebemos que esses lobos simpáticos poderiam nos dar uma vantagem na corrida contra a morte, afinal eles caçavam muito bem , coisa que tínhamos dificuldade em fazer pela falta de energia naquele momento; então pensamos, eles nos ajudam a caçar, nós dividimos o alimento e em troca eles ganham segurança e afeto, e foi assim que essa amizade nos ajudou a enfrentar todos os percalços do caminho, e hoje evoluímos tanto que não precisamos mais de seus serviços e ainda sim continuam sendo nossos melhores amigos, posso dizer então que realmente é uma amizade verdadeira, que surgiu da dificuldade e interesses mas que não se deixou abalar por nada.

Então, agora quando virmos alguém maltratar esses animais, desdenhar deles dizendo que "não prestam pra nada", "não fazem nada de útil", como a galinha que põe ovos, ou a vaca que dá leite, lembremo-nos o quão útil eles foram na nossa caminhada, não só no quesito físico mas também no emocional, numa época em que as aparências não importavam e nem o QI para se fazer um amigo, bastava ser corajoso o bastante pra ultrapassar barreiras e conhecer mais o outro, do jeito que ele viesse, garanto que vantagens incríveis nascerão dessa amizade, e não pense em vantagens como algo ruim, quando digo penso em a vantagem da gente se sentir o humano mais importante do mundo quando esses seres peludos nos olham nos olhos sem pedir mais nada em troca, damos e recebemos carinho como nunca, uma retribuição silenciosa a quem sempre esteve do nosso lado, no pior e melhor momento.

O maior interesse em uma amizade é que ela dure para sempre, e acho que com os Cães conseguimos isso.

Pesquisar mais textos:

Lara Lavic

Título:Cães e Humanos: Amizade por interesses

Autor:Lara Lavic(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios