Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Ocupe os seus filhos gastando pouco dinheiro

Ocupe os seus filhos gastando pouco dinheiro

Categoria: Outros
Ocupe os seus filhos gastando pouco dinheiro

Os tempos livres das crianças são, cada vez mais (e muito erradamente) ocupados com horas e horas passadas em frente da televisão. Quer queiramos, quer não, os mais pequenos necessitam (e muito) da atenção dos pais e educadores, pelo que uma forma inteligente de os ocupar é você mesmo/a participar activamente nas brincadeiras deles. Para além de se divertir também, você estará a contribuir para a formação integral da criança, nem que seja a ver um DVD – se comentar o filme com ele e lhe for colocando questões, o facto de a comunicação se estabelecer, vai fazer com que o cérebro da criança se mantenha em pleno funcionamento (ao contrário do que aconteceria se a mesma fosse simplesmente deixada no sofá em frente ao ecrã). Ora, que alternativas (acessíveis) existem então?

Os pais deverão, em primeiro lugar, deixar os filhos dormirem até mais tarde nas férias. Não devem instigá-los a levantarem-se cedo, pois estariam a contribuir para que o dia deles começasse mais cedo e, além disso, as férias servem precisamente para descansar. Depois, poderá pensar em programas alternativos, como substituir a habitual ida ao cinema, com lanchinho e pipocas incluídos, por um piquenique ao ar livre, num parque próximo do local onde moram. Para além de constituir uma opção mais saudável, a novidade também despertará o interesse das crianças. Poderá, então, na sequência do piquenique, fazer um pequeno passeio pela zona ou cidade onde vive, mencionando alguns aspectos históricos do local às crianças. Se pretender ficar por casa, por que não incentivar a pequenada a cavar, semear e regar uma pequena horta? Para além do aspecto pedagógico – as crianças vão assistir, maravilhadas, à beleza da germinação das sementes e, consequentemente, do surgir dos alimentos – este é um passatempo que ocupa bastante tempo. Se viver num apartamento, poderá igualmente fazer uma horta, num canteiro ou vaso. Por outro lado, se pretender ter algum tempo livre, ou mesmo se tiver de ir trabalhar, proponha fazer trocas com os seus vizinhos: num determinado período do dia, ficam eles com os seus filhos mais os deles e você ficará com todos eles numa altura diferente do dia. Verá que é fácil tomar conta de muitas crianças juntas, pois, nestes casos, elas encarregam-se de ocuparem o seu próprio tempo, brincando umas com as outras. Pode também optar por momentos de culinária infantil (dever-se-ão evitar receitas que exijam o contacto com o fogão) ou de teatrinhos de fantoches, sempre muito criativos. Poderá, finalmente, ler-lhes histórias (instilar-lhes-á um excelente hábito), mesmo sem ser ao deitar, ou espalhar lápis no chão e propor uma tarde artística, com muitos rabiscos pelo meio (se quiser poupar mais dinheiro, pode imprimir imagens para colorir directamente da internet).

E assim se ocupam crianças com poucos ou nenhuns euros e com muita, muita diversão!

Isabel Rodrigues

Título: Ocupe os seus filhos gastando pouco dinheiro

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 0

632 

Imagem por: Strocchi

Comentários - Ocupe os seus filhos gastando pouco dinheiro

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Imagem por: Strocchi

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios