Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Vestuário > Aprenda a remover os vincos das calças

Aprenda a remover os vincos das calças

Categoria: Vestuário
Visitas: 728
Comentários: 6
Aprenda a remover os vincos das calças

Usar calça comprida com vinco, já foi sinal de moda, elegância e zelo, hoje é pouco comum encontrar alguém que use calça com vinco. Com a chegada da calça jeans, com seu estilo informal e rebelde na época, foi lançado um novo olhar sobre esse aspecto de usar calça politicamente correta. Com o tempo, o estilo despojado foi chegando devagar e aos poucos se popularizou até mesmo para os mais resistentes em deixar o vinco, que a princípio, achavam muito feio uma calça sem vinco, parecia coisa de quem não queria passar roupa com capricho.

Muitos defensores do vinco e, diga-se de passagem que devem ser respeitados pois, trata-se apenas de um conceito de moda e época, que o bom vinco é aquele que quando visto de longe, parece que a calça vai cortar quem passar perto de tão reto e bem feito e que aí está a marca do verdadeiro vinco.

Se olharmos um pouco para tras, veremos que as calças comprida, principalmente as de tergal, um tecido muito usado dentre outros tecidos, eram pantalonas e tinham vinco. Ao contrário disso, hoje tudo que se quer é tirar o vinco para ficar bem atual, claro que não devemos acreditar que o vinco foi banido de vez, se olharmos bem, veremos que sempre tem alguém que usa calça com vinco, o que acontece atualmente, é que o vinco está bem mais discreto do que era. Ás vezes, mesmo sem a intenção de fazer vinco na calça, no momento em que se está passando, pode fazer vinco devido a posição em que a calça for virada ao passar, caso isso aconteça, tem solução; vamos as seguintes maneiras de remover o vinco das calças:

Para calça social, de qualquer tecido, primeiro deve-se passar gelo sobre o vinco, em seguida colocar um pano branco em cima e passar com ferro. Outra forma é umedecer um pano e pôr em cima do vinco para passar com o ferro, se preferir, pode passar pelo lado do avesso e é preciso tomar cuidado para não formar outro vinco.

Há outras dicas para remover o vinco das calças, com utilização de alcool e vinagre mas talvez, dependendo do tipo de tecido, princialmente se for uma calça com fibras mixtas, pode acontecer do tecido ficar manchado ou se as pessoa for alégica, sentir cheiro e coceira, por isso, o mais prudente é usar gelo ou um pano bem úmido.


Sílvia Baptista

Título: Aprenda a remover os vincos das calças

Autor: Sílvia Baptista (todos os textos)

Visitas: 728

781 

Imagem por: vetcw3

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 6 )    recentes

  • Raphael

    07-04-2016 às 04:23:10

    Mas isso funciona com calças jeans também?

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoBernadete

    28-01-2015 às 17:45:01

    ótima a dica com o gelo. Tira mesmo o vinco do tecido. Obrigada

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    08-06-2014 às 05:48:22

    Ajudou-me muito. Agora, aprendi como remover os vincos das calças! Fantástico!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • João

    18-11-2012 às 14:37:36

    Muito boa dica, obrigado.
    Comprei umas calças em poliester que não tinham quase vincos e na lavandaria vincaram tanto que tive 4 horas a disfarçar os vincos. já ficaram bem, mas ainda vou estar mais umas 2 horas, tirar vinco a poliester dá mesmo muito trabalho.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCarla Horta

    07-09-2012 às 23:43:34

    Ora aqui estão umas dicas fantásticas. Acontece muitas vezes e mesmo a quem sabe passar bem a ferro, deixar mais do que uma marca nos vincos. Isso demonstra descuido com a roupa e dá mau aspecto. Dicas muito boas, mesmo.

    ¬ Responder
  • NaassonNaasson

    02-01-2011 às 12:54:35

    OLha sua dica foi muito boa, obrigado

    ¬ Responder

Comentários - Aprenda a remover os vincos das calças

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Imagem por: vetcw3

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios