Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Dicas de buquê de flores para cada estação

Dicas de buquê de flores para cada estação

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Dicas de buquê de flores para cada estação

Um dos momentos mais aguardados de um casamento é quando a noiva vai jogar o buquê. Este item é o responsável por transmitir mais romantismo e elegância ao visual de todas as noivas. Por isso, é preciso escolher o arranjo certo e as flores ideais para compor uma produção perfeita. Da mesma forma que as frutas, cada flor têm sua época certa para nascer, ou seja, em cada época do ano é preciso saber escolher a espécie certa que irá compor o buquê da noiva.

Casamento na primavera – Se a cerimônia de casamento for ocorrer nesta época do ano, uma boa alternativa são as flores do tipo copo de leite. Elas são vistosas e firmes, são ótimas para compor o buquê. E a noiva poderá encontrar esse tipo de flor nas tonalidades branca, amarela, vermelha, rosa, laranjada e roxa. Outros tipos de flores recomendadas são as violetas, lírios e bromélias.

Casamento no verão – Temporada mais quente do ano e clima seco, a noiva que casa durante este período precisará de flores mais resistentes. E as flores ideais para essa época são as rosas, que apesar de parecerem delicadas são muito resistentes. A dica para montar um arranjo perfeito com as rosas é saber escolher as cores que combinam entre si.

Casamento inverno – Já nesta época, as tulipas são muito indicadas. É possível encontra-las nas cores amarela, branca, vermelha e roxa, e são muito procuradas pelas noivas neste período do ano. Mas, se você quer fugir da tradição, as orquídeas são as melhores substitutas no inverno.

Casamento no outono – E por último, as noivas que vão casar nesta estação podem escolher entre a flor de maio, azaleias e as margaridinhas. Mas, também é possível escolher um buquê de rosas ou até com bromélias.

Não se esqueça de que o buquê do casamento deve combinar com o modelo do vestido de noiva, véu, penteado, maquiagem e com os demais acessórios que a noiva utilizará durante a cerimônia. A dica é: Se o vestido for muito elaborado, opte por buquês mais simples e sem muitos detalhes. Já os modelos de vestidos mais básicos combinam com um buquê cascata, colorido e bem mais chamativo. Por isso, o ideal é fazer uma ‘prova’ com arranjos simples para decidir a melhor opção.


Rua Direita

Título: Dicas de buquê de flores para cada estação

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

769 

Comentários - Dicas de buquê de flores para cada estação

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios