Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Automóveis > Cuidados na compra de um carro usado

Cuidados na compra de um carro usado

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Automóveis
Visitas: 2
Comentários: 1
Cuidados na compra de um carro usado

Comprar um automóvel é sempre uma grande satisfação e alegria, pois a maioria de nós somos apaixonados por carro e especialmente aqui no Brasil, os brasileiros tratam o seu carro como se ele fosse uma parte da família.

Porém se você está pensando em adquirir um carro usado, é importante tomar alguns cuidados para que a alegria não vire tristeza, existem muitos carros usados com sérios problemas na funilaria e mecânica, além de problemas na documentação.

Um comprador menos experiente pode cair em uma grande armadilha se não tomar as devidas precauções.





1. Procure levar alguém de seu convívio que tenha uma boa experiência com compra de carros para auxiliar na identificação de possíveis problemas no veículo, tanto na parte mecânica e de funilaria como na parte da documentação, para evitar dores de cabeça como o carro ser roubado ou ter muitas multas, e se possível leve junto também um mecânico de sua confiança para examinar o veículo.

2. Nunca compre um carro sem fazer um test drive antes, pois o carro pode estar perfeito aparentemente , mas ao rodar pode-se notar problemas que podem se transformar em aborrecimentos se você adquirir o veículo e pergunte sobre a garantia do veículo.

3. Se for possível seria uma boa ideia comprar um veiculo usado de algum parente ou de algum amigo ou conhecido que você confie, além de poder negociar um melhor preço, compra-se um carro de uma pessoa que você sabe que não irá querer te enganar.

4. Se for comprar de lojas particulares, dê preferência em comprar em lojas de grandes concessionárias e evite comprar de lojas desconhecidas e de locadoras, muitas dessas lojas compram carros com alta quilometragem e bem desgastados enquanto que carro de locadora foi utilizado por centenas de pessoas diferentes e quem aluga geralmente não toma cuidado com o carro.

5. Muitas vezes a lataria aparentemente está bonita e brilhado e você imagina que o carro nunca sofreu colisão. Muito cuidado nessa hora! Procure examinar bem o veículo em um ambiente bem claro e nunca com o carro molhado, se por acaso o carro estiver molhado por causa de chuva, volte outro dia e examine o carro quando estiver com a lataria seca, pois a lataria molhada camufla os problemas, e leve alguém que entenda de funilaria e que saiba identificar se o veículo não sofreu colisão grave.

6.Verifique também se o carro não foi vitima de enchente, verifique os bancos e tapetes, se não há resquícios de barro ou sujeira em lugares escondidos , e principalmente o cheiro, carro vítima de enchente é problema na certa.

7. Se você comprar um carro roubado você terá muitas dores de cabeça.Tome muito cuidado e verifique o número do chassi e confira se batem com os números do documento , verifique também os números nos vidros e também a placa.Caso necessário peça ajuda a um despachante para verificar se o veículo não tem problemas de multas ou do documento ser falso ou adulterado

Tomando alguns cuidados básicos você estará garantindo tranquilidade para desfrutar de seu automóvel e evitando aborrecimentos.


Nilson Empreendedor

Título: Cuidados na compra de um carro usado

Autor: Nilson Empreendedor (todos os textos)

Visitas: 2

713 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    17-06-2014 às 05:14:50

    Todos esses cuidados devem ser de máxima importância! Adorei cada uma. Já sei o que fazer antes de comprar(e me encantar) com o carro usado!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Cuidados na compra de um carro usado

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios