Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Fotografia > Molduras

Molduras

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Fotografia
Visitas: 4
Comentários: 4
Molduras

Uma fotografia ou um quadro, por mais artísticos e belos que sejam, podem ser tornados ainda melhores se tiverem a moldura adequada a enquadra-los e a destacar a peça em questão.

As molduras são caixilhos para guarnecer e adornar, entre outras coisas, pinturas, fotografias, espelhos, entre outros. Muitas vezes, é o próprio conjunto entre a moldura e o seu conteúdo que valoriza uma obra de arte, sendo que existem até mesmo molduras com iluminação incorporada para dar aida mais realce à peça de arte ou fotografia que pretende evidenciar.

As molduras apareceram há cerca de 3.000 anos em pinturas feitas em vasos e em túmulos. Mais tarde, surgiram em mosaicos, painéis decorativos ou ainda nos famosos retábulos, em que a própria moldura era, por vezes, uma obra de arte maior do que a própria pintura ou igualmente trabalhosa.

As molduras são tão antigas como a própria arte e acompanham desde há muito os movimentos artísticos ao longo da história.

Atualmente, existe uma tendência pela simplificação, pelo que é considerado o ideal uma moldura simples e pouco adornada que permite destacar o conteúdo que se pretende expor.

As molduras digitais começam agora também a ocupar um lugar de destaque na nossa sociedade que cada vez mais está atenta às gadgets e novas tecnologias.Estas molduras funcionam através de um cartão de memória que é inserido na própria moldura e permite depois fazer uma apresentação que inclui uma ou várias fotos.

Agora as molduras tornam-se em algo dinâmico que lhe permite ter um ou vários ecrãs onde podemos recordar aquele jantar ou aquelas férias na neve ou uma outra fotografia que tiramos durante um acesso artístico quaisquer.


Rua Direita

Título: Molduras

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 4

763 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • neusaneusa

    04-02-2012 às 22:52:15

    @neusa
    por que já não mandaram o preço, o site para compra, se tem o tamanho 20x25 ???

    ¬ Responder
  • neusaneusa

    25-01-2012 às 13:13:59

    Gostaria de saber onde encontrar a moldura mostra acima, dourada, no tamanho 20x25. Compro por atacado para minha loja e, dependendo do preço, peço bastante.
    obrigada.
    neusa

    ¬ Responder
  • martagasparmartagaspar

    13-05-2011 às 20:33:13

    Tenho meia dúzia delas parecidas, maiores e mais pequenas e gostaria de vendê-las

    ¬ Responder
  • izabela eveliizabela eveli

    27-04-2011 às 03:00:56

    adorei essa moldura da foto, você teria como informar onde posso encontra-lo para comprar? ou pelo menos parecido...
    Obrigado,
    Izabela.

    ¬ Responder

Comentários - Molduras

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios