Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Seguros > Verdades e mitos sobre o seguro automóvel

Verdades e mitos sobre o seguro automóvel

Categoria: Seguros
Visitas: 2
Comentários: 2
Verdades e mitos sobre o seguro automóvel

Na hora de fazer um seguro automóvel, costuma-se ter diversas dúvidas, que circulam nas conversas entre amigos. Conheça algumas verdades e os mitos que envolvem o seguro auto.

Carro antigo tem seguro mais caro: verdade

Quanto mais antigo for o veiculo, mais provavelmente haverão dificuldades na hora de encontrar peças de reposição. Por isso mesmo, estas costumam ser mais caras, pois também são mais raras. Este custo a mais, é levado em conta na formação do preço do seguro.

O seguro é mais barato pra quem tem rastreador: verdade

Ter rastreador ou bloqueador diminui o preço do seguro, pois é mais fácil recuperar o veículo em caso de roubo ou furto.

Mulher paga menos: verdade

As pesquisas indicam que os motoristas homens estão envolvidos em mais de 70% dos acidentes de trânsito. Por isso, o seguro costuma ser até 12% mais em conta para as mulheres.

Se a documentação do veículo estiver atrasada não é possível renovar a apólice: verdade

Para a emissão de nova apólice, toda a documentação do veículo deve estar em dia, incluindo os impostos e taxas.

O seguro cobre bens que estiverem no interior do carro: mito

Objetos que chamam a atenção de ladrões, como celulares e notebooks não estão cobertos pelo seguro.

O seguro deixa de ser válido se estiver atrasado: verdade

Deixar de pagar a mensalidade em dia, pode acabar com a perda do seguro. Há apólices com cláusulas que determinam que, se uma parcela estiver em atraso, o contrato pode ser rescindido antecipadamente.

Pra não ser pego de surpresa, é bom ficar atento na hora de escolher um bom seguro automóvel e tirar todas as dúvidas com seu corretor de confiança.

Como contratar um bom seguro automóvel

Há um grande número de empresas seguradoras disponíveis no mercado, incluindo organizações estrangeiras que encontram no Brasil boas oportunidades de crescimento.

Não é possível definir se existe alguma seguradora melhor ou pior do que a outra. A diferença está na apólice do seguro contratado, que deve ser escolhido conforme as necessidades e o perfil único de cada cliente.

Para obter boas condições de negociação, a melhor opção é sempre a pesquisa. Verificar condições da apólice, preços e os serviços inclusos no plano, ajudam em muito para optar pela melhor escolha na hora de contratar um seguro automóvel.

Outra dica importante é preencher a proposta da seguradora com dados verídicos. As empresas certamente checarão as informações ali inclusas e, caso alguma informação seja falsa, a seguradora terá o direito de rescindir o contrato.


Alexandre Rodrigo

Título: Verdades e mitos sobre o seguro automóvel

Autor: Alexandre Rodrigo (todos os textos)

Visitas: 2

606 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • SophiaSophia

    18-04-2014 às 23:27:50

    Que informações esclarecedoras, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder
  • JosealmeidaJosealmeida

    06-12-2013 às 12:56:00

    Bom-dia sou um particular um agente e tendo em conta a crise económica actual gostaria sinceramente e população francamente ajudar toda a do mundo inteiro que estão na necessidade de dinheiro por conseguinte decido fazer empréstimos tenho qualquer pessoa interessado. Tem dificuldades financeiras. As portas fecham-se na frente de vocês. Não sabe mais como fazer para melhorar a vossa situação. Proponho-os sem nenhum compromisso de votre part, de estudar a vossa situação. Procura um empréstimo. Propriedade, trabalhos, consumo, resgate de créditos porque não o fazer com um profissional que tem condições preferenciais. Estudem juntos a vossa situação e vêem que podemos fazer para qualquer informação quereremos mim contactar por este email: [email protected]

    ¬ Responder

Comentários - Verdades e mitos sobre o seguro automóvel

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas para decorar salas pequenas.

Ler próximo texto...

Tema: Decoração
Dicas para decorar salas pequenas.\"Rua
A realidade das grandes cidades é que a maioria das pessoas mora em espaços pequenos. É fato também que todos desejam ter um ambiente acolhedor e aconchegante para receber amigos. Em contrapartida, na medida em que os espaços encolhem, a quantidade de aparelhos eletrônicos que utilizamos aumenta cada vez mais. Há ainda quem use a sala como home-office.

Nesta busca de inspiração para organizar e incrementar sua sala, encontramos uma série de sites especializados e blogs com muitas, muitas ideias. O conceito de D.I.Y. (do it yourself) que significa "faça você mesmo” nunca esteve tão na moda. É uma alternativa para reduzir gastos com mão de obra e nada melhor do que criar um espaço com um toque todo seu. Inspirações e ideias não faltam. Hoje, de certa forma todos nos sentimos meio decoradores.

Mas planejar a decoração de uma sala pequena exige alguns cuidados para que o ambiente não fique entulhado de móveis, disfuncional ou até mesmo desagradável.

Confira algumas dicas para decorar sua sala com estilo e valorizando seu espaço:
Os espelhos, além da autocontemplação, causam efeitos interessantes. Aplicados, por exemplo, em uma parede inteira pode duplicar a amplitude do ambiente. Pode ser usado também em móveis, tetos, em diversos formatos e valorizar a luminosidade da decoração.

As cores tem poder de causar sensações. Em ambientes com pouco espaço, elas podem colaborar para que a sensação de amplitude possa tanto aumentar quanto diminuir. Para pintar as paredes de sua sala aposte em cores claras. O teto com uma cor mais clara que a das paredes, por exemplo, pode simular uma elevação do teto, já em uma cor mais escura, promoverá uma sensação de rebaixamento do teto.

A escolha e posição dos móveis são um aspecto muito importante. Opte por poucos móveis, nunca de tamanhos exagerados e posicione-os de forma que valorize o espaço. Móveis que misturam poucos materiais, baixos e com linhas retas proporcionam leveza ao ambiente.

Uma solução muito interessante para espaços pequenos é a utilização de prateleiras. Caixas para produtos horto frutícolas reformadas podem se tornar lindas prateleiras. Mas cuidado com a profundidade, para não atrapalhar na disposição de outros móveis e objetos.

Móveis multifuncionais ou móveis inteligentes são excelentes alternativas para uma sala pequena. Um bom exemplo são pufes, que podem ser usados como mesas de centro ou ficarem alojados debaixo de aparadores e quando recebemos visitas podem se transformar em assentos extras. Mesas dobráveis também são uma ótima opção.

Escolher o mesmo piso ou revestimento pode dar a impressão de área maior, de continuidade. Mudanças drásticas de um ambiente para outro pode causar a sensação de divisão e consequentemente fazer parecer menor.

Algumas outras dicas: um sofá retrátil ou reclinável garante muito mais conforto e ocupa o espaço de um sofá simples. Suporte ou painéis móveis para TV possibilitam que ela seja movida na direção desejável. Caso o ambiente tenha escadas, escolher um modelo de escadas vazadas evita divisões e pode se tornar uma peça de destaque na sala. E para as cortinas, escolha tecidos leves, lisas e sem estampas.

De qualquer forma, ouse, não tenha medo de arriscar, crie, não copie, só assim será seu!

Luciana Santos.

Outros textos do autor:
Dicas para decorar salas pequenas.

Pesquisar mais textos:

Luciana Maria dos Santos

Título:Dicas para decorar salas pequenas.

Autor:Luciana Maria Santos(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Carlos Rubens Neto 16-06-2016 às 16:20:24

    Excelente matéria! Parabéns Luciana ;)

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios