Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > Como compor uma mesa

Como compor uma mesa

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Eventos
Comentários: 5
Como compor uma mesa

Existe quem julgue que para ter uma mesa bonita e bem-posta é estritamente necessária a fartura e o glamour de apetrechos caros e dispendiosos. Puro engano. Esta situação pode trazer até alguma inibição a alguns convidados, na altura de jantar e conviver.

Que a beleza de uma mesa composta é essencial, todos nós sabemos, mas não é necessário que esteja arranjada dispendiosamente.

Saiba então a forma educada com que deve por a sua mesa e apresentá-la da melhor forma, aliada a um bom gosto extremo, muito glamour e principalmente de forma muito pouco dispendiosa.

Em primeiro lugar, nunca deve esquecer que o vinho que serve e o manjar é que devem ser caprichados. Boas bebidas e boas comidas, e aqui não poderá fugir muito aos valores de mercado. Se for um santo milagroso na cozinha, também aqui poderá poupar financeiramente, mas atenção, pois o desastre do jantar pode passar por aqui.

Na altura de colocar a mesa, escolha tons brancos para o mais básico. Uma toalha branca, comprada em armazéns antigos, sai mais baratos, e nada como a beleza de uma toalha branca lavada, cheirosa e bem passada. Os guardanapos, se os quiser utilizar de pano, deverão ser igualmente brancos e imaculados. Naturalmente que as cores beges e marfim podem também ser utilizadas e surtem o mesmo efeito.

O serviço de jantar e os copos não têm obrigatoriamente de ser de porcelana e cristal. Serviços simples e copos pouco trabalhados é a melhor opção na altura da compra, pelo que a sua aposta foi esta, foi um golpe de mestre. Na eventualidade do seu serviço ter veios e frisos de cor garrida, a decoração terá de ser baseada nesta cor.

Depois da toalha colocada, é a vez dos pratos. Por ordem e dependendo do número de iguarias que vai oferecer, os pratos deverão ser colocados do maior para o mais pequeno, separados com guardanapos de papel da cor que vai utilizar em toda a decoração da mesa.

Os copos deverão ser colocados do maior para o mais pequeno, afastados ligeiramente para a direita em comparação ao prato.

Os talheres devem ser colocados por tamanho e de dentro para fora (conforme tamanho). As colheres são no topo do prato. Chegou a altura dos enfeites. Conforme o estilo que lhe queira dar, acrescente pétalas de rosa, folhas de era verdes, entre muitas outras cores.

Castiçais com velas coloridas, e se utilizar guardanapos de pano, ate fitinhas coloridas com florzinhas prezas. Existem milhões de ideias fantásticas que pode ter, e bastante coloridas. Puxe pela imaginação.


Carla Horta

Título: Como compor uma mesa

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

783 

Imagem por: sophiecarnay

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • SophiaSophia

    01-05-2014 às 17:13:59

    Parabéns pelo texto em como compor uma mesa, deu-me para ter informações bem legais. A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJanuária

    24-07-2012 às 09:52:03

    Já tinha feito isto, mas foi com um serviço que a minha avó me deixou. É lindíssimo, de porcelana antiga e tem umas pequenas rosas num dos cantos. Tem a acompanhar terrina, molheira e travessas. O pior é que lhe faltam 2 pratos dos grandes e mais 2 dos médios. Em alternativa comprei um conjunto simples e sem desenhos em rosa velho. Quando dou jantares para toda a família como no Natal ou na Páscoa, junto os 2 conjuntos. Também com copos fiz o mesmo. Comprar uns copos que tenham uma ligeira cor, dá piada á mesa e faz crescer o serviço de copos.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAndreia

    23-07-2012 às 11:39:47

    Júlia, esta é uma excelente ideia. Com esta ideia podemos acrescentar pelo menos mais 6 lugares à mesa. Esta sugestão associada á ideia de atar os guardanapos com pequenos lacinhos a mesa ficará soberba.
    Tenho por habito colocar algumas velas na mesa, pelo que comprá-las nos mesmos tons vão fica perfeito. Encontrei aqui sugestões muito boas.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJúlia

    23-07-2012 às 11:39:22

    Olá Marisa. Pode optar por comprar meia dúzia de pratos de uma cor diferente. Por exemplo se o serviço que tem tiver alguns apontamentos azuis, compre agora um serviço pequeno de 6 pratos de cada tamanho. Se forem pratos azuis simples e sem efeitos servirão na perfeição. Para além disso já os encontra bem baratos e muitas vezes em promoção nas grandes superfícies comerciais ou até mesmo em campanhas de híper-mercados.
    Depois, na hora de colocar a mesa, opte por colocar um prato grande azul, seguido de um prato do serviço antigo e por fim outro azul. No lugar ao lado alterne esta disposição de pratos.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoMarisa

    19-07-2012 às 12:07:15

    Comprei quando casei um serviço de pratos (3 de cada). Dão com tudo. Mas o pior é que só comprei um conjunto de 12 e agora que a família cresceu. No Natal quando convido os meus pais, irmã e cunhado, os meus sogros, irmãos do meu marido e com os miúdos, o conjunto não chega. Acabo muitas vezes por colocar o serviço de cozinha que uso no dia-a-dia, mas fica tudo tão destoado. O conjunto da cozinha é vermelho e amarelo e o serviço da sala é branco com pequenas riscas azuis. O que devo fazer para não ter de comprar um conjunto inteiro e caro, visto já não encontrar nenhum serviço igual ao antigo?

    ¬ Responder

Comentários - Como compor uma mesa

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Imagem por: sophiecarnay

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios