Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > Uma festa de sucesso

Uma festa de sucesso

Categoria: Eventos
Comentários: 1
Uma festa de sucesso

Há muita gente a fazer da vida uma festa permanente. Não serão apenas os bem-dispostos por natureza e os optimistas inveterados, que, à semelhança de um cidadão russo que encontrou uma ferradura e pensou que para ser feliz só lhe faltava o cavalo e mais três ferraduras, mantêm a confiança e a esperança num futuro melhor, como também os organizadores de eventos. De facto, eles andam sempre em bolandas de um lado para o outro, procurando manifestar toda a sua competência até nos mais ínfimos pormenores, de forma a proporcionar inolvidáveis momentos de grande qualidade para aqueles que lhes contratam os serviços e respectivos convidados.

Há, efectivamente, circunstâncias dignas de imortalização comemorativa. Veja-se o caso do divórcio da mítica Barbie e do Ken, seu vigoroso esposo. É sabido que a musculatura de plástico deste era abafada pela sombra da beleza da boneca mais cobiçada do mundo, autêntico ícone à anorexia, e talvez por essa razão ele tivesse decidido trocá-la por uma “mulher” vinte anos mais nova. Que alívio para ele ver-se livre do subjugo da fama mundial! Independentemente disso, não é justo abandonar a companheira de tanto tempo, precisamente numa altura delicada da sua existência.
Como irá a Barbie superar a crise dos cinquenta anos?!... O que parece é que, tanto um como o outro, já teriam idade para ter juízo. Afinal, uma relação não é uma brincadeira de crianças!

Relações profissionais de confiança é o que se quer no campo dos eventos. De uma maneira ou de outra, quando se encomenda a organização de qualquer acontecimento, está-se a colocar nas mãos de outrem a sua imagem, e a responsabilidade de grande parte do sucesso ou do fracasso que dai puderem advir.
Desde a decoração do espaço, à escolha das flores certas, que combinem perfeitamente com as cortinas e as cadeiras e transmitam fielmente a mensagem nelas implícita, à verificação de todos os utensílios, à supervisão do trabalho dos colaboradores, a eventuais ensaios, aos hipotéticos jogos de luzes, enfim, são muitos os passos e as voltas a dar para que tudo saia rigorosamente como planeado. Às vezes, corre tudo tão bem que a vontade é de ficar, e ficar, e ficar, numa perspectiva de ir prolongando o sonho. Todavia, feliz ou infelizmente, a vida “real” continua. Portanto, convém ir descendo das nuvens a pouco e pouco antes que venha uma trovoada de problemas e lá se vai a boa disposição!

Maria Bijóias

Título: Uma festa de sucesso

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 0

605 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Sofia NunesSofia Nunes

    14-09-2012 às 18:28:41

    Gostei do seu texto, especialmente porque, agora que penso bem no assunto, percebo que nunca planeei uma festa. Não sei sequer se teria sucesso em tal empreendimento. Provavelmente seria um verdadeiro fiasco, uma vez que os meus gostos alternativos são quase diametralmente opostos aos da maioria de pessoas do meu círculo de relações. Penso que, à semelhança do que sugere no parágrafo final do seu texto, acabaria por contratar um profissional, alguém especializado na matéria.

    ¬ Responder

Comentários - Uma festa de sucesso

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios