Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > Dicas para escolher o vestido de sonho

Dicas para escolher o vestido de sonho

Categoria: Eventos
Dicas para escolher o vestido de sonho

Num dia infinitamente especial e que se espera muitíssimo feliz, certos pormenores revelam-se de uma importância extrema, pelo impacto que poderão vir a causar na festa. O vestido da noiva é um deles. Uma noiva absolutamente deslumbrante é o ingrediente fundamental para fazer sonhar os convidados e, acima de tudo, o noivo.

Saiba, no entanto, que a escolha do vestido certo depende de uma série de factores e detalhes a ter em conta (físicos, monetários, estilísticos, etc.). Assim, deverá visitar mais de quatro lojas diferentes e evitar precipitações. Resista a pressões por parte dos lojistas incentivando-a a «comprar já antes que esgote». Existe uma grande variedade de vestidos e terá, com certeza, muito tempo para escolher. Por outro lado, o casamento é um acontecimento cada vez mais raro e, como tal, não sentirá grande concorrência na hora de ir comprar o vestido. Não se deixe igualmente pressionar por parte de familiares (mães, tias, primas, irmãs) em termos da cor ou estilo do vestido. Lembre-se de que é você que o irá envergar no grande dia e, como tal, tem de se sentir como peixe na água. Quando experimentar o vestido, teste a sua mobilidade, andando, sentando-se, rodando sobre si mesma – são movimentos que irá realizar durante um dia inteiro, não se esqueça!

Em termos de estilo propriamente dito, lembre-se de que para um casamento mais espectacular e celebrado numa catedral, não pode levar um vestido simples; da mesma forma, se se casar na capela da aldeia, evite levar vestidos complexos, com grandes caudas e véus gigantes que depois não cabem no interior da igreja. Tenha em atenção o tecido do vestido e o seu tipo: para um dia de Primavera ou Verão, opte por decotes à barco, em «V», «cai-cai» ou sem costas e eleja a seda como tecido preferencial. Para dias invernosos, terá de levar um vestido mais fechado e escolher o cetim (que acaba por ser mais quente e resistir melhor à humidade). Se tiver um físico um pouco mais forte, opte por vestidos estilo princesa, em que a cintura começa imediatamente abaixo do peito. Neste caso, deve também evitar acessórios chamativos, como laços ou brilhantes no peito e ao fundo das costas, uma vez que chamarão a atenção para estas zonas (que se pretendem disfarçar), bem como tecidos muito maleáveis, que adiram muito ao corpo e acentuem as suas curvas. Deverá, pois, escolher tecidos mais rígidos e duros. Se pensar em levar véu, lembre-se de que vestidos direitos, do género coluna, aceitam véus longos e vestidos rodados exigem um véu mais curto. Não descure ainda certos pormenores, como o penteado, o bouquet, as jóias, as luvas, etc. e conjugue-os com bom senso e bom gosto, de forma a obter uma imagem equilibrada e a deixar de lado os excessos.

Como pode ver, basta seguir pequenos truques para se sentir uma verdadeira princesa. Feliz conto de fadas!

Isabel Rodrigues

Título: Dicas para escolher o vestido de sonho

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 0

631 

Imagem por: Patricia Figueira

Comentários - Dicas para escolher o vestido de sonho

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Imagem por: Patricia Figueira

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios