Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Desporto > A meditação como uma fonte de cura

A meditação como uma fonte de cura

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Desporto
Comentários: 1
A meditação como uma fonte de cura

A meditação é uma fonte de cura das emoções e das perturbações do quotidiano?

Quando praticada com regularidade, ela traz inúmeros benefícios e pode inclusive transformar a vida.

Com o proliferar das muitas terapias alternativas ao convencionismo da medicina, está ao nosso alcance, escolher o tratamento ou prevenção que se aplica ao nosso caso. Hoje em dia existem muitos cursos e consultas para ensinar as técnicas adequadas de respiração, postura, vestuário e local que se ajusta a esta terapia.

Se precisamos de nos encontrar a nós próprios ou de nos conhece, nada melhor que meditar ou simplesmente aquietar a mente. Os resultados podem não ser imediatos mas trazem sempre os seus benefícios com a persistência.

Por exemplo para a depressão ela pode ser o seu antídoto, dado que acalma e relaxa. Normalmente é possível substituir os medicamentos, se ela for praticada com disciplina. Basta duas ou três vezes por semana para surtir efeitos. Permite um autoconhecimento e o descobrir da raiz dos nossos problemas ou fracassos. É considerada uma ferramenta necessária para treinar a mente e as emoções. É possível modificar certos padrões de vida, hábitos nocivos e aumenta a intuição.

Os seus efeitos positivos são consideráveis e visíveis. Torna as pessoas mais serenas com os problemas diários.

Inclusivamente, a meditação pode reduzir o metabolismo dado que baixa a frequência dos batimentos cardíacos, da respiração, reduz o consumo de oxigénio pelas células, a adrenalina e permite um aumento de tranquilidade. O stress e ansiedade são indubitavelmente reduzidos. Ajuda em muito certas doenças, especialmente, a insónia, obsessões, doenças compulsivas, cardíacas e outras de foro nevoso.

É ainda recomendada para controlar as emoções, desequilíbrios orgânicos e psicológicos e aumento das defesas.

O seu maior segredo é silenciar a mente a fim de descobrir aquilo que realmente nos incomoda. Ao descobrirmos a causa das preocupações, elas são mais fáceis de resolver. Por isso se considera de auto conhecimento e transformadora.

O importante para ela produzir estes efeitos é aprender a meditar corretamente. Assim, deve procurar-se a orientação de um mestre ou de cursos auxiliares. Estes ensinam as técnicas de respiração, concentração e atenção que ela exige para um correto funcionamento.

Se realmente queremos fazer da meditação uma terapias de cura, devemos procurar um grupo persistente, para não corrermos o risco de abandonar ou cair na preguiça. É importante aliarmos à meditação, uma alimentação adequada, livre de muita gorduras e o mais leve possível.

Se estes requisitos forem cumpridos, esta prática pode contribuir para o bem estar físico e emocional que necessitamos para um verdadeiro equilíbrio da mente e do corpo.
Devemos usufruir desta dádiva que pode inclusive sr uma fonte de sabedoria.


Teresa Maria Batista Gil

Título: A meditação como uma fonte de cura

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 0

665 

Imagem por: vaticanus

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    30-06-2014 às 22:30:47

    Creio que a meditação é bem relaxante, dá-nos tranquilidade e gera uma sensação maravilhos. Vale a pena!

    ¬ Responder

Comentários - A meditação como uma fonte de cura

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Imagem por: vaticanus

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios