Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Os efeitos das radiações

Os efeitos das radiações

Categoria: Saúde
Os efeitos das radiações

Todos estamos sugeitos às radiações, porque tudo no universo emite radiação, desde as frutas, às rochas,, passando pela própria Terra.

Com efeito, estamos constantemente expostos a radiação, embora, ter contato com ao tipo e quantidade que seja fatal é raro. Quando ela é mais alta, é bloqueada quase totalmente pelo campo magnético e pela atmosfera do planeta.

A dose de radiação é medida em SV(sieverts) e é o equivalente a um joule de energia de radiação ionizante, de raios x ou radiação gama, por cada kilograma de tecido do corpo. Como tal, os cientistas sabem determinar a quantidade que pode ser nociva para o corpo.
Com efeito, a radiação é o resultado de núcleos atómicos instáveis e a libertarem partículas.

Considera-se o tipo de radiação mais perigoso para o homem, a radiação ionizante, como os raios X e gama e as partículas alfa e beta.

O mesmo se pode dizer em relação às radiações ultravioleta, que origina as queimaduras solares, que pode causar o cancro e ser fatal, em pouco tempo.

Se o corpo for sugeito a exposições à radiação, pode provocar danos irreversíveis no mesmo. Por exemplo, se ocorrerem radiações no cérebro humano, ocorrem lesões neste, que será fatal no espaço de uma semana.

Mas, se as radiações forem no estômago e superiores a 4 SV, causa imediatamente vómitos. Os pulmões ficam inflamados e a pessoa sugeita á radiação tem dificuldades em respirar.
No caso de ela ocorrer nos intestinos, provoca diarreia com dores.

As vítimas de radiação em Chernobyl, sofreram de queimaduras graves no corpo ou cabeça ou até mesmo a morte.

Quem vive nas proximidades de uma central nuclear ou de um centro de carvão, fica sugeito às radiações, até um raio de 80 kilómetros do local.

O uso constante do telemóvel pode também emitir radiações, tal como comer simplesmente uma banana ou partilhar uma cama. O motivo é que uma pessoa tipo recebe cerca de 0003SV, num ano.

Há intoxicações por radiação que são extremamente graves, especialmente nas pessoas que vivem próximo do reator de Chernobyl ou nos EUA.

Quando há terramotos ou tsunamis os reatores podem sobreaquecer, provocando danos , ferindo ou matando.

Em suma, deve evitar-se todo o tipo de radiação, bem como excesso de raios X.


Pedro gil Ferreira

Título: Os efeitos das radiações

Autor: Pedro gil Ferreira (todos os textos)

Visitas: 0

628 

Comentários - Os efeitos das radiações

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Cães e Humanos: Amizade por interesses

Ler próximo texto...

Tema: Animais Estimação
Cães e Humanos: Amizade por interesses\"Rua
Não é de hoje que os cães são considerados nossos melhores amigos, porém como toda amizade ela não é totalmente incondicional e livre de interesses, pense bem, você pode discordar a princípio, mas analise a fundo e verá que tenho razão.

Cães convivem conosco a mais de 10mil anos, foi lá atrás na pré história que essa amizade começou, uma das mais duradouras da história. Teorias dizem que essa conexão iniciou pois ambas as espécies precisavam de algo que não possuíam e juntos se completaram.

Em plena era do gelo onde a sobrevivência estava sendo testada a todo vapor, aquele lobo considerado mais corajoso se encontrou com um homem também corajoso e resolveram unir forças, talvez não conscientemente, mas deu certo para ambos, e ali iniciava uma amizade que duraria por milênios.

Nesse estágio da nossa história, corríamos perigo de sobrevivência; faltava comida, segurança e energia ! ... E então percebemos que esses lobos simpáticos poderiam nos dar uma vantagem na corrida contra a morte, afinal eles caçavam muito bem , coisa que tínhamos dificuldade em fazer pela falta de energia naquele momento; então pensamos, eles nos ajudam a caçar, nós dividimos o alimento e em troca eles ganham segurança e afeto, e foi assim que essa amizade nos ajudou a enfrentar todos os percalços do caminho, e hoje evoluímos tanto que não precisamos mais de seus serviços e ainda sim continuam sendo nossos melhores amigos, posso dizer então que realmente é uma amizade verdadeira, que surgiu da dificuldade e interesses mas que não se deixou abalar por nada.

Então, agora quando virmos alguém maltratar esses animais, desdenhar deles dizendo que "não prestam pra nada", "não fazem nada de útil", como a galinha que põe ovos, ou a vaca que dá leite, lembremo-nos o quão útil eles foram na nossa caminhada, não só no quesito físico mas também no emocional, numa época em que as aparências não importavam e nem o QI para se fazer um amigo, bastava ser corajoso o bastante pra ultrapassar barreiras e conhecer mais o outro, do jeito que ele viesse, garanto que vantagens incríveis nascerão dessa amizade, e não pense em vantagens como algo ruim, quando digo penso em a vantagem da gente se sentir o humano mais importante do mundo quando esses seres peludos nos olham nos olhos sem pedir mais nada em troca, damos e recebemos carinho como nunca, uma retribuição silenciosa a quem sempre esteve do nosso lado, no pior e melhor momento.

O maior interesse em uma amizade é que ela dure para sempre, e acho que com os Cães conseguimos isso.

Pesquisar mais textos:

Lara Lavic

Título:Cães e Humanos: Amizade por interesses

Autor:Lara Lavic(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios