Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 6
Comentários: 5
Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Numa altura em que muito se fala de colesterol e dos seus efeitos nocivos, pode ficar-se com a ideia de que tudo o que é gordura é para evitar. Isto não corresponde, todavia, à verdade. De facto, nem todas as gorduras são perniciosas para a saúde. Elas são, na realidade, indispensáveis na nossa alimentação diária, pois transportam vitaminas lipossolúveis (A, D e K), e fornecem ácidos gordos essenciais.

Não obstante, há que saber escolhê-las, preferindo as de origem vegetal em detrimento das animais, que contribuem para elevar, sobretudo, o “mau” colesterol. Dentro das vegetais, o azeite deve assumir, sempre que possível, a primazia, relativamente aos óleos e margarinas vegetais. Ainda assim, quando cozinhar, tenha o cuidado de não submeter a gordura, qualquer que seja o seu tipo, a altas temperaturas. Dê preferência a cozidos no vapor, assados, grelhados ou estufados, declinando os fritos. Ao temperar, recorde-se que já consumimos a gordura presente nas carnes, nos queijos, nos aperitivos, nos bolos, no chocolate, etcétera.

Quando for às compras, lembre-se de antepor o peixe, fresco ou congelado, à carne. É uma excelente fonte de fósforo, iodo e selénio e contém uma gordura mais sã.

No talho, eleja as carnes brancas (peru, frango, coelho) e, dentro destas, as partes mais magras. Evite os produtos de charcutaria e as vísceras, autênticos concentrados de gordura saturada e de colesterol, e, normalmente, de sal.

No que respeita aos ovos, e para quem não tenha restrições ou contraindicações médicas, o máximo aconselhável é de três por semana, incluindo os “disfarçados” em pudins e outros doces, em soufflés e demais formas subtis de consumo.

O marisco encerra um alto teor de colesterol, razão, para além do preço quase proibitivo, que faz dele um petisco de APENAS algumas ocasiões.

No oposto, encontram-se as frutas e os legumes, excelentes fontes de fibras, vitaminas e minerais, e pobres em calorias e gorduras, que revelam propriedades antioxidantes capazes de neutralizar algumas substâncias prejudiciais ao organismo. Devem, portanto, figurar, e em abundância, no cardápio diário de cada indivíduo.

Os laticínios (leite, queijo, iogurtes) são ricos em cálcio, vitaminas e proteínas. Não obstante, é recomendável optar pelas variedades pouco gordas e dispensar a manteiga e as natas, repletas de gordura saturada e de colesterol. Preste sempre muita atenção aos rótulos do que adquire; isto ajuda a identificar os ingredientes mais perigosos e as suas percentagens.

Faça várias refeições por dia, a fim de reduzir o apetite e banir as “almoçaradas” e as “jantaradas”. Beba, no mínimo, 1,5 L de água por dia, com ou sem sede. A água é fundamental para o nosso equilíbrio. Deixe de fumar. Existem evidências que associam o tabagismo ao aumento dos índices do colesterol LDL e ao desenvolvimento de aterosclerose. Pratique exercício físico: queima gorduras em excesso e mantém-se saudável. Ande a pé e prefira as escadas ao elevador. Não passe muito tempo sentado (a).

O segredo é eliminar os excessos, através da combinação de uma alimentação salutar e equilibrada com atividade física regular.


Maria Bijóias

Título: Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 6

793 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    18-07-2014 às 23:02:30

    Tão importante quanto saber de tudo isso como praticar no dia a dia. O colesterol é astuto e devemos cuidar de nossa saúde sempre!

    ¬ Responder
  • aparecida cabralaparecida cabral

    24-11-2011 às 16:18:31

    agradeço pelas dicas.e queria saber se a pressão alta é do colesterol?

    ¬ Responder
  • saudavelsaudavel

    27-06-2011 às 17:31:22

    eu tambem tenho muiito cuidado com o que como e estou nos 233, as x irrita-me pareçe tudo uma grande treta, agora como alhos crus ... engulo....

    ¬ Responder
  • melough

    17-09-2010 às 15:14:32

    faço exercícios fisicos, como vegetais, flocos aveia soja, cevada,muitas fibras estanois esterois, salmao sardinha cavala sumos naturais de maçã,uvas,cenouras laranjas e o meu colesterl sobe..o mau esta elevado o bom pessimo e o total quase me arruina...mas quando comia queijo,fiambre,gorduras,ovos manteiga presunto abusando ...estava tudo bom...afinal como é?

    ¬ Responder
  • izildinhaizildinha

    13-09-2009 às 03:01:18

    muito obrigada as informaçoes me foram de muita valia

    ¬ Responder

Comentários - Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O Mito da Entrevista de Emprego

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Empresariais
O Mito da Entrevista de Emprego\"Rua
Aguardando há meses pela oportunidade de um novo emprego e após ser aprovado em várias etapas do processo de seleção eis que surge um empecilho: a entrevista de emprego.

Diversas dúvidas passam pela cabeça do candidato como o que vestir, como sentar-se, qual o tom de voz adequado, o que o entrevistador espera como resposta e como impressioná-lo provando ser a pessoa certa para a vaga a ser ocupada.

A verdade é que não há regra que garanta o sucesso em uma entrevista, porém, algumas atitudes e cuidados precisam ser tomados. Abaixo seguem 10 dicas que auxiliarão o candidato enfrentar essa fase do processo de seletivo de forma mais segura, não importando a área ou cargo pretendido.

1. Seja pontual. A pontualidade é uma forma de demonstrar respeito, consideração e compromisso com a empresa, porém, ser pontual não significa ser precipitado, chegando com muito tempo de antecedência. Para isso programe-se: quanto tempo você levará para chegar até o local combinado para a entrevista? E se houver algum tipo de atraso? Programe-se para que os prazos possam ser cumpridos. Se o atraso for inevitável entre em contato com a empresa e explique o motivo para o mesmo solicitando a possibilidade de remarcar o compromisso.

2. Vista-se de maneira condizente ao cargo que irá ocupar. Mesmo parecendo ser uma superficialidade, a forma como o candidato se veste pode influenciar a decisão do entrevistador, portanto, causar uma boa impressão é essencial. Para isso pesquise o perfil da empresa, se possível observe a forma como os funcionários se vestem e use na entrevista algo um pouco mais formal do que usaria todos os dias para ir ao trabalho.

3. Zele por uma boa aparência. Como descrito acima causar uma boa impressão é essencial, dessa forma, a higiene pessoal é indispensável. Vale ressaltar que perfumes e maquiagem exagerados são pontos negativos em uma entrevista.

4. Tenha em mente suas principais realizações profissionais e as evidencie. Quais os principais desafios que essas lhe trouxeram e o que aprendeu em cada uma delas. Se é seu primeiro emprego vale ressaltar suas experiências escolares e acadêmicas como trabalhos em grupos, projetos realizados, programas de estágio e trainee.

5. Tenha atitudes positivas. Um método de entrevista consiste em perguntas aparentemente absurdas que não possuem, necessariamente, respostas prontas. O que ele deseja na verdade é avaliar seu raciocínio lógico, portanto, seja criativo, argumente e crie estratégias para sair dessa saia justa.

6. Seja genuíno e autentico. Mesmo estando sob pressão seja você na entrevista. Não minta nem use máscaras. O recrutador provavelmente perceberá que você não está sendo sincero.

7. Tenha argumentos. “Por que você quer trabalhar aqui?” ou “Quais serão suas contribuições para essa empresa?” são perguntas básicas em uma entrevista de empregos. Portanto, tenha bons argumentos para esses questionamentos.

8. Mostre-se interessado. Faça perguntas plausíveis ao entrevistador.

9. Seja gentil e educado a todo o momento. Muitas empresas costumam analisar o candidato no momento em que esse inicia o processo seletivo.

10. Mostre-se confiante. Se você fará a entrevista de emprego é porque já passou por outras fases do processo seletivo, ou seja, tem muitos pontos a seu favor. Acredite no seu potencial .

Outros textos do autor:
O Mito da Entrevista de Emprego

Pesquisar mais textos:

Mabelly Venson

Título:O Mito da Entrevista de Emprego

Autor:Mabelly Venson(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios