Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 6
Comentários: 5
Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Numa altura em que muito se fala de colesterol e dos seus efeitos nocivos, pode ficar-se com a ideia de que tudo o que é gordura é para evitar. Isto não corresponde, todavia, à verdade. De facto, nem todas as gorduras são perniciosas para a saúde. Elas são, na realidade, indispensáveis na nossa alimentação diária, pois transportam vitaminas lipossolúveis (A, D e K), e fornecem ácidos gordos essenciais.

Não obstante, há que saber escolhê-las, preferindo as de origem vegetal em detrimento das animais, que contribuem para elevar, sobretudo, o “mau” colesterol. Dentro das vegetais, o azeite deve assumir, sempre que possível, a primazia, relativamente aos óleos e margarinas vegetais. Ainda assim, quando cozinhar, tenha o cuidado de não submeter a gordura, qualquer que seja o seu tipo, a altas temperaturas. Dê preferência a cozidos no vapor, assados, grelhados ou estufados, declinando os fritos. Ao temperar, recorde-se que já consumimos a gordura presente nas carnes, nos queijos, nos aperitivos, nos bolos, no chocolate, etcétera.

Quando for às compras, lembre-se de antepor o peixe, fresco ou congelado, à carne. É uma excelente fonte de fósforo, iodo e selénio e contém uma gordura mais sã.

No talho, eleja as carnes brancas (peru, frango, coelho) e, dentro destas, as partes mais magras. Evite os produtos de charcutaria e as vísceras, autênticos concentrados de gordura saturada e de colesterol, e, normalmente, de sal.

No que respeita aos ovos, e para quem não tenha restrições ou contraindicações médicas, o máximo aconselhável é de três por semana, incluindo os “disfarçados” em pudins e outros doces, em soufflés e demais formas subtis de consumo.

O marisco encerra um alto teor de colesterol, razão, para além do preço quase proibitivo, que faz dele um petisco de APENAS algumas ocasiões.

No oposto, encontram-se as frutas e os legumes, excelentes fontes de fibras, vitaminas e minerais, e pobres em calorias e gorduras, que revelam propriedades antioxidantes capazes de neutralizar algumas substâncias prejudiciais ao organismo. Devem, portanto, figurar, e em abundância, no cardápio diário de cada indivíduo.

Os laticínios (leite, queijo, iogurtes) são ricos em cálcio, vitaminas e proteínas. Não obstante, é recomendável optar pelas variedades pouco gordas e dispensar a manteiga e as natas, repletas de gordura saturada e de colesterol. Preste sempre muita atenção aos rótulos do que adquire; isto ajuda a identificar os ingredientes mais perigosos e as suas percentagens.

Faça várias refeições por dia, a fim de reduzir o apetite e banir as “almoçaradas” e as “jantaradas”. Beba, no mínimo, 1,5 L de água por dia, com ou sem sede. A água é fundamental para o nosso equilíbrio. Deixe de fumar. Existem evidências que associam o tabagismo ao aumento dos índices do colesterol LDL e ao desenvolvimento de aterosclerose. Pratique exercício físico: queima gorduras em excesso e mantém-se saudável. Ande a pé e prefira as escadas ao elevador. Não passe muito tempo sentado (a).

O segredo é eliminar os excessos, através da combinação de uma alimentação salutar e equilibrada com atividade física regular.


Maria Bijóias

Título: Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 6

793 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    18-07-2014 às 23:02:30

    Tão importante quanto saber de tudo isso como praticar no dia a dia. O colesterol é astuto e devemos cuidar de nossa saúde sempre!

    ¬ Responder
  • aparecida cabralaparecida cabral

    24-11-2011 às 16:18:31

    agradeço pelas dicas.e queria saber se a pressão alta é do colesterol?

    ¬ Responder
  • saudavelsaudavel

    27-06-2011 às 17:31:22

    eu tambem tenho muiito cuidado com o que como e estou nos 233, as x irrita-me pareçe tudo uma grande treta, agora como alhos crus ... engulo....

    ¬ Responder
  • melough

    17-09-2010 às 15:14:32

    faço exercícios fisicos, como vegetais, flocos aveia soja, cevada,muitas fibras estanois esterois, salmao sardinha cavala sumos naturais de maçã,uvas,cenouras laranjas e o meu colesterl sobe..o mau esta elevado o bom pessimo e o total quase me arruina...mas quando comia queijo,fiambre,gorduras,ovos manteiga presunto abusando ...estava tudo bom...afinal como é?

    ¬ Responder
  • izildinhaizildinha

    13-09-2009 às 03:01:18

    muito obrigada as informaçoes me foram de muita valia

    ¬ Responder

Comentários - Escolha os alimentos certos para combater o colesterol

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios