Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Férias das crianças- que dor de cabeça!

Férias das crianças- que dor de cabeça!

Categoria: Outros
Comentários: 5
Férias das crianças- que dor de cabeça!

A proximidade das férias é sem dúvida uma dor de cabeça para os pais, que trabalham a tempo inteiro e não têm com quem deixar os filhos.

Como as férias excedem em muito os dias que os pais têm para descansar, torna-se éxtremamente difícil ocupar os dias das crianças e adolescentes.

Alguns recorrem à casa dos avós no campo ou de tios e primos, próximos da praia. Mas, como nem todos têm essa possibilidade, é imprescindível arranjar outros meios, como as colónias de férias, campismo, programas de escuteiros ou outras atividades.

Através de algumas escolas é possível inscreverem-se para atividades de tempos livres, campismo ou programas no estrangeiro, como por exemplo aprender outras línguas, nomeadamente o inglês, espanhol ou alemão.

Como nem todos têm essa possibilidade, alguns têm que programar coisas mais económicas, desde desportos ao ar livre,canoagem ou desportos radicais. .

Todas elas são interessantes, do ponto de vista intelectual e lúdico,enriquecendo o currículo e melhorando a comunicação.

Os que porventura não tiverem as atividades enumeradas ao seu alcance,podem ainda recorrer a cursos gratuitos de verão, como aperfeiçar línguas ou informática.

Em quase todas as cidades ou mesmo em vilas há cursos e atividades gratuitas para os mais carenciados.

Vale a pena tomar conhecimento deles nas juntas de freguesia ou mesmo pela net.

Há ainda os que gostam de fazer voluntariado nos parques de campismo, feiras anuais ou limpar florestas através do instituto da juventude. Aqui é possível inscreverem-se para trabalhos com uma pequena remuneração bastante interessante.

Enfim, pode dizer-se que há atividades de lazer para todos os gostos e idades.

Apesar de tudo, há crianças ou jovens que preferem descansar nas férias, jogar á bola, correr, brincar e conviver com os amigos.

Claro que é igiualmente saudável porque os mesmos têm hoje o tempo muito ocupado durante o ano letivo.

Os que porventura gostam de música podem aperfeiçoar nas férias os seus dons musicais, de canto ou outro.

Com a ajuda dos pais é possível passar as férias da melhor maneira, sem atrapalhar muito a destes. Isto porque têm que continuar a trabalhar e nem sempre estão disponíveis para os acompanhar.

Quanto às crianças mais pequenas é mais difícil por terem que involuntáriamente ficar no infantário.

O importante é que os tempos livres sejam aproveitados para desenvolver capacidades lúdicas ou de entretenimento, muito salutares para o crescimento físico e inteletual.
Os pais agradecem isso, tal como os filhos. Na realidade ambos ficam gratos por fazer bem a ambos.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Férias das crianças- que dor de cabeça!

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 0

633 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    26-07-2014 às 21:21:52

    é uma grande loucura mesmo. Sugiro aos pais que programem as férias com as crianças para que as mesmas não fiquem entendiadas. As crianças são energéticas e precisam de novidades sempre! Pode ser brincadeiras ao ar livre, um jogo de mesa, piscina, futebol, filmes de ação, enfim, há muitas atividades bem interessantes.

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    16-09-2012 às 21:03:02

    De facto durante o período de férias muitos pais têm em mãos um verdadeiro problema - onde deixar os filhos de forma a que façam actividades divertidas e produtivas. Existem muitos locais e a oferta de serviços é vasta. lamentavelmente estes serviços são caros e os que são gratuitos oferecidos pelas Câmaras Municipais e Juntas de Freguesia estão sempre esgotados.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoSara

    05-07-2012 às 10:41:00

    Realmente é uma dor de cabeça, pois nunca sei para onde os mando, se para um campo de férias, se com os avós, se para cursos intensivos ou para escolas de verão..

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoMaria

    05-07-2012 às 10:33:22

    Os meus filhos iram passar as férias entre mim e o meu ex-marido, e por sorte eu e ele temos as férias desencontradas, portanto da para estarmos todos mais a vontade e sem grandes problemas de stress para saber onde os colocar..

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJoel

    05-07-2012 às 10:31:32

    Os meus filhos vão passar férias com os avós, assim sei que estão seguros e passam algum tempo com eles.
    Aproveito e posso descansar assim um pouco mais antes de ir ter com eles.

    ¬ Responder

Comentários - Férias das crianças- que dor de cabeça!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O Mundo

Ler próximo texto...

Tema: Internet
O Mundo\"Rua
O tão aclamado pelos seus mistérios e que continua a nos surpreender o mundo que não é tão somente cheio de pessoas há apenas sonhar em si próprio, mas sim também no seu próximo que poderia ser qualquer pessoa de seu convívio, mas que o laço que enlaça que enlaçai-nos próximo pode ser o mesmo que pela discórdia se deslaça, nunca mais enlaçando [...]

Não mais unidos de uma maneira sagrada assim como é o nosso convívio com as crianças que enlaça em Cristo, que com a idade vai se deslaçando, como uma semente que após um tempo cresce e dá frutos que pode ser não muito boas, apodrecendo, mas que se cuidarmos com certeza dará bons novos frutos.

Não pense que assim são somente as plantas, mas como também, é todo ser humano, pois o consentimento do que é o tal mundo esmero depende de cada gás carbônico expirado não só pelo, mas sim pela alma, cônjuge do Espírito que pode ser Santo ou não, pois já como temos o livre-arbítrio nós que decidimos se deixemos que Ele nos habite ou não para trilhar o Bem ou não mesmo que, embora Ele esteja sempre conosco, embora não vejamos e não aceitamos por apenas sentir e não o reconhecer através de nossos atos.

Costumo definir o mundo de acordo com o que vivo e não vivo, por não haver ainda a oportunidade de viver sem me arrepender já que querer não poder. Não sei como definir o mundo mesmo que o mundo seja o que eu e você estejamos vivendo mesmo sem querer viver o que vive, pois sei bem o que é isso porque vivo há caminhar de olhos vendados fazendo o que querem pra mim sem levar em consideração o que penso ou deixo de pensar por algo tão, às coxas de tão impensado seja o meu impulso como é essa agora de querer escrever porcarias mesmo que o foco sempre seja o mesmo que nada mais é do que desvendar o mundo que não conheço embora eu viva ele inconstantemente para descobrir dele mais, e mais, sem parar [...]. Sem que haja intervalos como em um jogo de futebol.

Pesquisar mais textos:

Kaique Barros

Título:O Mundo

Autor:Kaique Barros(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios