Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Sonambulismo

Sonambulismo

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 6
Comentários: 6
Sonambulismo

Saiba que o sonambulismo pode afetar as pessoas e principalmente as crianças mais pode permanecer com a idade e ser prejudicial. Saiba que de madrugada, alguém se levanta, diz alguma coisa incompreensível e começa a andar pela casa. E no dia seguinte, não se lembra de nada. Essa é uma sena que muitas vezes é vista por quem mora com uma pessoa que tem sonambulismo. E o sonâmbulo às vezes só sabe que sofre deste problema por que alguém o avisa. É que, geralmente, ele pode voltar para a cama e dormir como se nada tivesse acontecido. Outras vezes, é possível que o sonâmbulo desperte em locais estranhos sem saber como foi parar ali. E as reações que ele pode apresentar são diversas.

Cerca de 17% das crianças apresenta sonambulismo. É um distúrbio que prevalece na infância e tende a passar com a idade, mais pode trazer alguns problemas. Em casos moderados ou graves, pode prejudicar o sono da pessoa e da família, além do estresse que essa situação causa, e provocar sonolência diurna. O problema interfere no sono e na pessoa, e no dia seguinte, pode ter os mesmo sintomas que o insone.

Se o sonambulismo é freqüente ou persiste mesmo com o passar do tempo, é preciso acompanhamento médico. Segundo os neurologistas, o problema pode ter o seguinte tratamento: evitar situações de risco como privação de sono e situações estressantes; manter horários adequados para dormir e acordar. Ingestão de medicamentos (benzodiazepínicos e antidepressivos tricíclicos). Tratamento de longa duração, como a psicoterapia. Mas cuidado jamais se automedique, pois as medicações, quando tomadas de forma errada, podem ter diversos efeitos colaterais.

Quando o sonâmbulo anda pela casa, parece conhecer cada canto como ninguém. Porem, ele pode sim perder o equilíbrio e se machucar. Objetos cortantes, pontiagudos ou frágeis podem representar um perigo, para quem anda por ai durante o sono. Os neurologistas recomendam tomar medidas de proteção para que o sonâmbulo não se fira como dormir em locais protegidos e baixos, pois, se a pessoa dorme em andares alto, pode cair da janela ou sacada. Acordar um sonâmbulo não apresentara nem um perigo para a saúde dele, porem, ele pode se assustar e ter reações de fuga ou ataque. Quando a pessoa acorda sozinha, também pode ficar confusa, sem saber o que esta fazendo no local. O melhor a fazer é conduzi-lo até a cama e esperar que ele volte a dormir.

Waldiney Melo

Título: Sonambulismo

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 6

761 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 6 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    19-07-2014 às 23:00:15

    Boa explicação! Conheço uma amiga sonâmbula e que convive com isso normalmente com sua família. Mas, é bom ter cuidado mesmo.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJéh

    14-07-2010 às 18:05:53

    Pow eu tenho sonambulismo e insonia ao mesmo tempo cara ...

    ¬ Responder
  • vitoria diasvitoria dias

    09-05-2010 às 20:39:50

    vic- 08-o5-2010-- respomder
    tenho muitos pesadelos quando durmo, grito ,falo a dormir,respondo ao que me perguntao e acordo muitas veses sufocada. mas a uns dias a milha filha disse-me que lhe liguei durante a noite e lhe contei umas coisas que me tinham acontecido nesse dia .fiquei com medo dee mim mesma pois ela nao tinha maneira de saber aquilo que lhe disse, emtao era mesmo verdade eu telefonei-lhe a dormir...agora acontessem-me coisas muito estranhas enquanto dormo ...como e possivel

    ¬ Responder
  • RuiRui

    29-03-2010 às 22:05:40

    Boas tenho 36 anos e sou o Rui.
    Aconteceu-me neste fim de semana na minha casa de campo, estava a dormir e tive um pesade-lo e acordei a meio de um acidente tendo ficado bastante ferido.
    Quando sonhava ou sonambolismo, se é que se pode chamar, estava a ter um pesadelo, do qual me lembro"em que o quarto da casa, parecia que estava a demoluir-se e tinha que sair por um dos quatro vidros, de uma porta de ferro". O que acontece é que estava a dormir e sai por um deles, por um milagre não me matei, mas cortei a cara e fiz vários cortes nas mãos e pisei vidros, tendo um dos pés ficado, com um vidro espetado.
    Isto ocorreu cerca dàs 03H30, estava sózinho em casa e bastante ferido.
    Após alguns minutos de pánico efectuei os primeiros socorros, arranquei o vidro do pé com uma pinça e voltei para a cama.
    Acontece que pouco tempo depois tive novamente um despertar fora da cama, desta vez para a porta de outra divisória.
    Novamente voltei para a cama e voltei a adormecer.
    Na minha vida já tive vários pesadelos e aconteceu acordar em pé, mas nunca me tinha aleijado a dormir.
    Será que estou a ficar maluco ou isto acontece a muita boa gente.
    Gostava que me podessem ajudar.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãopatrícia

    06-01-2010 às 18:51:33

    não ando dormindo, mas estou praticamente agredindo o meu marido e falo muito.Passo a noite inteira me mexendo, porém quando acordo não lembro de nada. O que faço estou desisperada

    ¬ Responder
  • Exatosoftcarlos costa

    01-10-2009 às 16:35:21

    como eu faço para parar o meu sonambolismo? tinha tempo que não acontecia isso agora voltou.

    ¬ Responder

Comentários - Sonambulismo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios