Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Os legumes fazem bem

Os legumes fazem bem

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Visitas: 10
Comentários: 1
Os legumes fazem bem

Fonte de muitas vitaminas, elas dão cores as refeições você inda leva de graça muita saúde. Os legumes colorem o nosso prato e não são só para deixá-los mais bonitos. Alguma substancia capazes de prevenir doenças são as respostáveis pelas tonalidades desses alimentos.

Portanto, as cores também representam saúde? Por exemplo, a betacaroteno, representa em alimentos amarelos e alaranjados, pode prevenir certos tumores assim como o licopeno, que esta em frutas e legumes vermelhos. Os nutricionistas recomendam a ingestão de legumes pelo menos em 2 porções diárias. Eles são ricos em fibras, e vitaminas e minerais, alem das informações sobre os benefícios e nutrientes presentes em cada um delas, ainda selecionamos algumas dicas para que você previna doenças alivie alguns sintomas que atrapalham seu dia a dia. Mas lembre- se, elas não substituem as recomendações e receita medica, portanto, a orientação de um profissional é sempre necessária.

Abobora – combate o câncer melhora a digestão. Existem bons motivos para você colorir seu prato diariamente. Os legumes de tão amarelados e alaranjados, são as melhores fontes de betacaroteno. Portanto, quanto mais alaranjada, mais betacaroteno a abobora tem. Essa substancia pode ajudar a prevenir alguns tipos de câncer, como o de cólon. Os legumes também possuem fibras e baixo os níveis de colesterol ruim na corrente sanguínea e contribuem para uma boa digestão. as suas sementes podem prevenir a hiperplasia da próstata, que é o crescimento da glândula, comum entre homens de 40 a 60 anos de idade.

Abobrinha- proteja as mães e os bebes. Ela fornece duas importantes substancia: o magnésio e o ácido fólicos. O magnésio contribui na absorção do cálcio pelos ossos e na assimilação de proteínas e carboidratos, alem de ter função relaxante. Já o acido fólico não pode faltar no cardápio de quem pensa em engravidar. E indicado para as gestantes, ele é essencial para a boa forma do feto, prevenindo defeitos neurológicos e na coluna vertebral. Também pode enjôos nos primeiros 3 meses de gravidez, diminui os riscos de parto prematuro e melhorar a qualidade do leite materno. O acido fólico ainda continua sendo importante durante os primeiros anos de vida da criança. Por isso, adicione à refeição dos pequenos, bastante abobrinha, que, em 100g, oferece 20mg da poderosa substância.

Batata-saborosa e energético. É extremamente versátil: servida na salada, assada com carne, como purê e de muitas outras formas. Contêm muitos carboidratos, o que atrapalha na dieta, mais serve como ótima fonte de energia e é bastante indicada para crianças e adolescentes em fase de crescimento. Possui grande quantidade de potássio, que ajuda a acabar com a retenção de líquidos do organismo e auxílio na contração muscular. Suas principais vitaminas são a B6, que elimina toxinas e C, antioxidante.



Waldiney Melo

Título: Os legumes fazem bem

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 10

780 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Sheila Schildtana claudia

    15-07-2009 às 16:54:04

    parabens pela explicação sobre a abobrinha tenho consumido bastante e dado ao meu filho fiquei surpressa com tanta coisas que ela nos oferece,um forte abraço claudia

    ¬ Responder

Comentários - Os legumes fazem bem

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios