Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Telemóveis > Aplicações para previsão do tempo - celular

Aplicações para previsão do tempo - celular

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Telemóveis
Comentários: 3
Aplicações para previsão do tempo - celular

Para pessoas que saem para trabalhar bem cedo, o tanto de acessórios que é preciso levar na mochila é algo bastante desconfortável. Manter-se informado sobre como está o tempo e a previsão para sua cidade é algo importante que pode ajudá-lo a se preparar melhor para seu dia. Dessa forma, não será necessário levar blusas, guarda-chuvas e diversos outros itens para se prevenir contra qualquer contratempo.

Mas, isso não significa que você terá que levantar mais cedo ainda para assistir o jornal da manhã e verificar como estará o tempo no decorrer do dia, pois a tecnologia se encarregará de ajudar nisso. Atualmente, existem diversos aplicativos para smartphones que podem ser instalados em seu aparelho, fornecendo as informações necessárias sobre a previsão do tempo para o local que você determinar. Essa é uma das melhores alternativas para pessoas ocupadas com pouco tempo vago durante o dia a dia, pois dispensa a necessidade de utilização de um computador ou acompanhar um noticiário.
Confira logo abaixo, alguns aplicativos que você poderá escolher para facilitar seus dias.

Weather
Esse app é gratuito, mas não deixa a desejar em suas funções. Ele á capaz de informar a você uma previsão do tempo completa, como temperatura, sensação térmica e até mesmo a velocidade do vento. Mas, é necessário que você o conecte a internet e possua GPS para que funcione corretamente e disponha todas essas informações. Fora isso, ele é ótimo para ver como estará o tempo em sua região. É possível baixá-lo acessando o site da Softonic.

Climatempo
Esse outro aplicativo também é gratuito e ele possibilita que você visualize a previsão do tempo para os cinco dias seguintes, informando as temperaturas máximas e mínimas, dando-lhe a plena condição de preparar sua semana, por exemplo. Esse programa foi desenvolvido por brasileiros, que acrescentaram recursos interessantes ao app, como a possibilidade de você ver o clima em um determinado local (aeropostos, praias) ou ler notícias relacionadas, utilizando pesquisar por CEP.

ForecaWeather
Esse software, assim como os outros dois, informa a temperatura, direção do vento, previsão de chuva ou de sol para o local e data determinada. A interface do app possui animações e é bastante simples de utilizar, além de ser gratuíto. Ele também necessita de conexão com a internet, pois possui um banco de dados com mais de 140 mil cidades. Sua capacidade de previsão, em questão de dias, é maior que o Climatempo, podendo prever o clima dos próximos 10 dias seguinte.

Agora, você não tem mais motivos para sair desprevenido, basta instalar um desses softwares em seu smartphone e se preparar!


Lucas Souza

Título: Aplicações para previsão do tempo - celular

Autor: Lucas Souza (todos os textos)

Visitas: 0

623 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    29-10-2014 às 11:27:01

    Tenho no meu celular um aplicativo muito bom que previne o tempo de forma bem precisa. Gosto muito de saber se haverá sol ou chuva no decorrer do meu dia. Amo!

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    02-06-2014 às 14:48:45

    A tecnologia móvel nos dispõe de excelentes recursos e um deles, certamente, são os apps da previsão do tempo. Assim, de sair de casa é possível saber se vai chover, qual a temperatura, enfim. Adorei!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Daiany Nascimento

    17-09-2012 às 12:06:08

    Parabéns pelo seu artigo. É muito bom ver o quanto os autores do ruadireita.com se esforçam para ajudar a promover o conhecimento, assim todas as pessoas podem ter fácil acesso à informação. Eu adoro ler e sempre procuro por novos artigos interessantes para aumentar o meu conhecimento e as dicas que encontrei neste texto realmente serão úteis em meu dia a dia, seja na escola, no trabalho ou em casa. Obrigada Lucas e boa escrita.

    ¬ Responder

Comentários - Aplicações para previsão do tempo - celular

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os descendentes de Eça

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Literatura
Os descendentes de Eça\"Rua
Recentemente, por via da comunicação social, soubemos da entrega do prémio Leya, a um trineto de Eça de Queirós. Julgo que bastou essa noticia, para que todos ficássemos curiosos sobre os seus descendentes…esse mistério, como o Mistério da Estrada de Sintra, começou a adensar-se entre quem se interessa por estas coisas da literatura e da genealogia…então aqui deixo algumas notas que poderão ser importantes para quiçá, um dia, um qualquer jornalista, ou editor, se lembre, de conseguir reunir todos os seus descendentes vivos e se tire uma fotografia de família.

José Maria Eça de Queirós, escritor pródigo da nossa nação, contraiu matrimónio em 1886, com Emília de Castro Pamplona Resende, condessa de Resende, deixando à data de sua morte, em Paris, quatro filhos como seus descendentes e herdeiros diretos; foram eles António Eça de Queirós, Maria Eça de Queirós, Alberto Eça de Queirós e José Maria Eça de Queirós; portanto três meninos e uma menina.
Através do site Geneall.net, foi possível perceber as linhas genealógicas que se seguiram aos seus filhos. No entanto, nem todos os nomes dos seus bisnetos e trinetos estão aí presentes, com certeza por motivos de ordem pessoal, de resguardo da privacidade, motivos que não podemos questionar. Porém, é possível, pelo menos determinar a existência desses membros da família queirosiana.

De antemão sabemos que não houve descendência por parte de dois dos seus filhos, António Eça de Queirós e de Alberto Eça de Queirós.
Maria Eça de Queirós teve dois filhos, uma menina e um menino, porém a menina morreu muito nova, ficando apenas o menino, de seu nome Manuel Pedro Benedito de Castro, que mais tarde casou com Maria da Graça Salema de Castro, a mulher que se tornou a primeira diretora da Fundação Eça de Queirós, na casa de Tormes, pertença da família da esposa de Eça de Queirós. Como Manuel Pedro Benedito de Castro não teve filhos, sabemos que por este ramo, terminou a descendência do escritor.

Convém, entretanto, acrescentar aqui uma curiosidade. Depois do regresso a Portugal da viúva de Eça, ela e os filhos, foram residir para a casa da Granja, pertencente à família de Sophia de Mello Breyner. Inicialmente como esta casa costumava ser arrendada pela família de Sophia, Emília de Castro, arrendou-a, vindo a compra-la uns anos depois. Portanto, é aqui nesta casa que ela cria os seus filhos, e é onde, José Maria Eça de Queirós, um dos seus filhos, permanece após a sua morte, tendo criado aqui os seus filhos e netos, e tendo aqui também falecido.

Podemos então seguramente afirmar que a sua grande linha de descendência parte do seu filho, com o mesmo nome, José Maria Eça de Queirós, que teve também ele, atente-se à curiosidade, quatro filhos, neste caso, ao inverso, um menino, e três meninas, respetivamente de seus nomes, Manuel Eça de Queirós, Maria das Dores Eça de Queirós, Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós e Emília Maria de Castro Eça de Queirós. Esta ultima, Emília, teve ao que consta nove filhos, sendo que um deles, Afonso Maria Eça de Queirós Cabral, é quem atualmente preside à Fundação acima citada, depois da morte da primeira presidente, referida atrás, Maria da Graça Salema de Castro.

Manuel Eça de Queirós por sua vez teve seis filhos, Maria das Dores Eça de Queirós teve três filhos, e Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós, dois filhos. Somados, contabilizamos vinte, os bisnetos do famoso escritor. Seria interessante avançar um pouco mais nos ramos genealógicos e aflorar quem são ou pelo menos, quantos são os trinetos e tetranetos de Eça, por conseguinte fica aqui o desafio, pois é certo que porventura alguns destes descendentes não se conhecem, e nunca terão trocado qualquer impressão sobre o seu ascendente, para uns, bisavô, para outros trisavô, e ainda para outros, tetravô.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Os descendentes de Eça

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios