Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Black Jack em 8 passos para o sucesso.

Black Jack em 8 passos para o sucesso.

Categoria: Outros
Black Jack em 8 passos para o sucesso.

Conheça as 8 estratégias para se dar bem nesse jogo incrível.

Olá neste artigo vamos conhecer algumas das muitas atitudes, adotadas

pelos jogadores, mais experientes e bem sucedidos, de Black Jack. Se você

ainda não conhece o jogo não fique parado comece desde já a praticar para

se tornar um campeão. E caso você queira ganhar dinheiro com isso não

deixe de pensar nesses oito conselhos!

1- Ouça os mais velhos.

Quando os jogadores pedem um conselho a algum outro jogador mais

experiente a primeira coisa que ele ouve é: “Pratique!”. Então faça isso

mesmo. Jogue muito, pois é jogando que você vai acumulando experiências

e memorizando situações que podem ser bem úteis em muitos momentos de

tensão. Aproveite-se das versões on-line e grátis do jogo para praticar e se

aprimorar.

2- Opção Double Down para dobrar sua aposta.

Essa opção fornece a chance de faturar o dobro e fornece outra carta. Faça

isso sempre que tiver, por exemplo, um 10 contra um 9 ou menos do dealer,

pois isso fará com que a probabilidade de ganho seja imensamente boa.

3- Atenção às cartas do Dealer.

Essa é uma dica e ao mesmo tempo uma regra. Caso o Dealer tenha um

valor inferior a 16 ele é obrigado a pegar mais uma carta. Então se você

tiver um valor inferior a 17 o ideal é pedir outra carta também, caso você

tenha 17 ou mais e percebe que existe uma probabilidade maior de saírem

cartas altas a vantagem está ao seu lado, aumente o valor da aposta e

divirta-se.

4- Uma boa hora para fazer um Split.

Fazer um Split significa que você vai aumentar a aposta dividindo a suas

duas cartas iguais e jogando com duas mãos. No entanto nem sempre pode

ser vantajoso fazer o Split, por isso evite fazer Split com K, Q, J, 10 e 5.

Caso contrário sempre divida para multiplicar os ganhos.

5- Deixe a emoção de lado.

Não estamos falando aqui de contar cartas, mas mesmo assim o jogador

deve ser manter calmo e livre de emoções que podem o prejudicar. Mesmo

as emoções positivas, pois o Black Jack é um jogo imprevisível e o bom

jogador também é aquele que sabe perder e principalmente a hora de parar.

6- Margem de lucros e prejuízos.

Você não vai querer se meter em encrenca quando for jogar, por isso antes

de começar a jogar estabeleça um valor que você está disposto a perder e

um valor que está disposto a ganhar. Ficando dentro dessa margem você

não terá problemas.

7- Escolha sua mesa com critério.

Escolher a mesa é um bom começo quando se quer ter lucro, mesas com

5% e Double Down é uma boa opção para não esquentar a cabeça.

8- Jogando em cassinos físicos? Não se esqueça da gorjeta ao Dealer.

Os Dealers de Cassinos físicos nem sempre ganham muito com o salário,

seu maior rendimento são as gorjetas, por isso se você se der bem em uma

mesa não se esqueça de deixar uma gorjeta ao Dealer, fazendo isso você

perceberá a vantagem de ver uns sorrisos nas mesas de vez em quando.


Jhon Erik Voese

Título: Black Jack em 8 passos para o sucesso.

Autor: Jhon Erik Voese (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - Black Jack em 8 passos para o sucesso.

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios