Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > O que é um Sarau?

O que é um Sarau?

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Eventos
Visitas: 172
Comentários: 35
O que é um Sarau?

Sarau, também conhecido como Serão, na sua definição mais completa é uma festa literária noturna ou um concerto musical realizado em casas, teatros ou estabelecimentos noturnos. É um momento de encontro das grandes artes. Nesse encontro acontecem as leituras de textos literários, interpretações teatrais, declamações de poemas e apresentações musicais. O Sarau é uma forma de ligação entre o eu interior e a palavra. As pessoas que participam dessa festividade entregam-se de corpo e alma à literatura.

Um Sarau une pessoas desconhecidas à princípio, mas ligadas por gostos e desejos semelhantes. É muito bom participar deste tipo de atividade, visto que é uma forma de estar entre amigos, de desfrutar de momentos culturais relevantes e de experiências significativas. É possível proporcionar aos amigos Saraus particulares. Basta reuni-los em torno de música e literatura que a festa está feita. Contudo o Sarau não é só uma forma de reunir pessoas, ele é, sobretudo, uma forma de interagir com a arte. Por isso é preciso saber o que se pretende ao promover um evento desses.

Um Sarau deve estabelecer conexões entre o ser exterior e o interior, já que suscita reflexão e experiências ricas. Depois de pensada a finalidade do Sarau, alguns aspetos importantes devem ser planejados. A decoração, a iluminação, as bebidas e a alimentação devem fazer parte da organização do evento. Como se trata de um evento cultural, a decoração deve estimular a criatividade, a criticidade e o artista presente em cada um. Uma decoração apropriada para um Sarau consiste na exposição de quadros, desenhos e esculturas variadas que instiguem a curiosidade e a produção. Uma iluminação apropriada a um Sarau consiste em uma meia-luz, luzes coloridas em focos diferentes ou focadas em um único ponto. Incensos são indicados para favorecer um clima de interiorização.

A gastronomia do evento fica por conta de aperitivos variados e leves. O intuito do evento não é a alimentação, esta é apenas um complemento. Portanto a comida não deve ser mais atrativa que o resto da festividade. Da mesma forma a bebida. Bebidas mais leves, como sucos e chás são mais apropriados, pois bebidas alcoólicas podem gerar resultados frustrantes e desviar o objetivo do encontro.

Esse encontro literário não deve ser demasiado extenso. O organizador do Sarau deve ter o cuidado de não se transformar em um diretor de eventos. Deve proporcionar a integração do grupo através de uma dinâmica de grupo inicial, mas deixar o espaço livre para cada um se expressar e "apresentar" aquilo que considera viável para o momento. A quantidade de pessoas em um evento como este não é o fundamental. Importante é que as pessoas que estejam presentes participem, o que independe do número de convidados. A posição das pessoas, geralmente formando um círculo, permite que todos se olhem e interajam entre si. Obviamente isso não é conseguido com um número grande de participantes. Quem lê, a melhor disposição é em pé, no centro do círculo, para que sua voz e entonação sejam melhor percebidos.

Os textos mais adequados não são os mais extensos, pois eles dispersam a concentração dos ouvintes. Algumas pessoas solicitam a leitura de obras já conhecidas e de produções próprias, o que fortalece as relações inter-pessoais. A princípio alguns se sentem envergonhados, mas o clima de recetividade favorece a interação. Um sarau é uma ótima opção alternativa de encontro entre amigos, quando produzidos em casas particulares ou um ótimo meio de troca de experiências, quando produzido em estabelecimentos culturais.


Rosana Fernandes

Título: O que é um Sarau?

Autor: Rosana Fernandes (todos os textos)

Visitas: 172

785 

Imagem por: Brock University

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 35 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    27-08-2014 às 04:58:09

    Que coisa mais legal! Nunca participei de um sarau, mas só de ler esse texto já me deu uma enorme vontade de participar! Estarei atenta quanto as programações locais em que terão exposições de saraus. Muito bom!!!

    ¬ Responder
  • Bety Coutinho Souto Melo

    29-05-2014 às 18:41:02

    Olá,sou professora de Lingua Portuguesa e estamos organizando o primeiro sarau do Colégio Santana Independência-Ce.As idéias propostas muito nos alegraram e nos fortaleceram para a realização desse momento.

    ¬ Responder
  • Luciano Leoi

    08-03-2014 às 23:44:22

    Parabéns pelo texto. Explicou de forma clara e objetiva o que é um sarau.

    ¬ Responder
  • Roberval

    26-11-2013 às 00:29:41

    Texto muito esclarecedor. estamos preparando um sarau em nossa escola e acho essas informações muito válidas para o sucesso do evento. Obrigado!

    ¬ Responder
  • cleysson

    25-11-2013 às 16:35:34

    eu achei otimo

    ¬ Responder
  • zika

    25-03-2013 às 14:47:16

    gente pf me add no face ridielly estevao

    ¬ Responder
  • Dj Fernando

    27-02-2013 às 21:23:48

    Adorei muito bom.

    ¬ Responder
  • karine

    22-10-2012 às 18:41:50




    Sarau, também conhecido como Serão, na sua definição mais completa é uma festa literária noturna ou um concerto musical realizado em casas, teatros ou estabelecimentos noturnos. É um momento de encontro das grandes artes. Nesse encontro acontecem as leituras de textos literários, interpretações teatrais, declamações de poemas e apresentações musicais. O Sarau é uma forma de ligação entre o eu interior e a palavra. As pessoas que participam dessa festividade entregam-se de corpo e alma à literatura.

    Um Sarau une pessoas desconhecidas à princípio, mas ligadas por gostos e desejos semelhantes. É muito bom participar deste tipo de atividade, visto que é uma forma de estar entre amigos, de desfrutar de momentos culturais relevantes e de experiências significativas. É possível proporcionar aos amigos Saraus particulares. Basta reuni-los em torno de música e literatura que a festa está feita. Contudo o Sarau não é só uma forma de reunir pessoas, ele é, sobretudo, uma forma de interagir com a arte. Por isso é preciso saber o que se pretende ao promover um evento desses.

    Um Sarau deve estabelecer conexões entre o ser exterior e o interior, já que suscita reflexão e experiências ricas. Depois de pensada a finalidade do Sarau, alguns aspectos importantes devem ser planejados. A decoração, a iluminação, as bebidas e a alimentação devem fazer parte da organização do evento. Como se trata de um evento cultural, a decoração deve estimular a criatividade, a criticidade e o artista presente em cada um. Uma decoração apropriada para um Sarau consiste na exposição de quadros, desenhos e esculturas variadas que instiguem a curiosidade e a produção. Uma iluminação apropriada a um Sarau consiste em uma meia-luz, luzes coloridas em focos diferentes ou focadas em um único ponto. Incensos são indicados para favorecer um clima de interiorização.

    A gastronomia do evento fica por conta de aperitivos variados e leves. O intuito do evento não é a alimentação, esta é apenas um complemento. Portanto a comida não deve ser mais atrativa que o resto da festividade. Da mesma forma a bebida. Bebidas mais leves, como sucos e chás são mais apropriados, pois bebidas alcoólicas podem gerar resultados frustrantes e desviar o objetivo do encontro.



    Esse encontro literário não deve ser demasiado extenso. O organizador do Sarau deve ter o cuidado de não se transformar em um diretor de eventos. Deve proporcionar a integração do grupo através de uma dinâmica de grupo inicial, mas deixar o espaço livre para cada um se expressar e "apresentar" aquilo que considera viável para o momento. A quantidade de pessoas em um evento como este não é o fundamental. Importante é que as pessoas que estejam presentes participem, o que independe do número de convidados. A posição das pessoas, geralmente formando um círculo, permite que todos se olhem e interajam entre si. Obviamente isso não é conseguido com um número grande de participantes. Quem lê, a melhor disposição é em pé, no centro do círculo, para que sua voz e entonação sejam melhor percebidos.

    Os textos mais adequados não são os mais extensos, pois eles dispersam a concentração dos ouvintes. Algumas pessoas solicitam a leitura de obras já conhecidas e de produções próprias, o que fortalece as relações inter-pessoais. A princípio alguns se sentem envergonhados, mas o clima de receptividade favorece a interação. Um sarau é uma ótima opção alternativa de encontro entre amigos, quando produzidos em casas particulares ou um ótimo meio de troca de experiências, quando produzido em estabelecimentos culturais.



    Saber mais em: http://www.ruadireita.com/eventos/info/o-que-e-um-sarau/#ixzz2A38Nmefe

    ¬ Responder
  • Lourdes Borges

    02-02-2013 às 08:25:45

    Amei o texto! Muito esclarecedor. Obrigada.

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    15-09-2012 às 22:33:26

    Adorei o texto. Não fazia a mínima ideia do que era e dar-lhe-ia um significado completamente diferente. Muito instrutivo. Perfeito! Textos com informações assim credíveis, estudadas e esclarecedoras são fundamentais.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    10-09-2012 às 16:17:21

    Concordo com parte dos comentários: o seu texto está muito bem escrito, didáctico e acessível. Eu não sabia o que era um sarau, mas graças ao seu texto, já posso explicar a quem não saber em que consiste. Adorava frequentar um, pois parece-me o tipo de coisas que eu gosto de ir. Preferia que fosse à tarde, mas isso era mais uma matiné. Continue a colocar textos tão ricos, pois são agradáveis de ler.

    ¬ Responder

Comentários - O que é um Sarau?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas sobre mobiliário

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Mobiliário
Dicas sobre mobiliário\"Rua
Muitas vezes aquele móvel que adoramos e que esperávamos ter para sempre complementando a decoração de nossa casa ou escritório, de repente nos parece perdido, seja por causa de algum ou alguns riscos, pela perda do brilho, ou então sendo ele fosco acaba com sua tonalidade alterada, pega cupim, fica empenado ou por acidente acaba com uma horrível mancha.

E como o móvel foi comprado há tempo, não pode mais ser encontrado nas lojas.

Apesar disso tudo, não se abata, com algumas das dicas abaixo é possível recuperar o móvel e a aprender a melhor forma de conservá-lo.

Móveis com acabamento fosco devem ser limpos com pano umedecido em detergente diluído em água ou sabão de coco. Não recomenda-se o uso de lustra-móveis nesse caso, pois ele pode alterar o brilho do acabamento original. Álcool só pode ser usado em móveis com acabamento em esmalte fosco e mesmo assim somente em casos para remoção de manchas mais persistentes ou para higienização da peça.

Quando o móvel fica riscado, se forem riscos superficiais, estes podem ser retirados com polimento ou com aplicação de cera. Se o risco for profundo a melhor opção é chamar um especialista em pintura de móveis. Em acabamentos poliuretânicos, o móvel deverá ser lixado e pintado novamente. Nunca use nos móveis produtos abrasivos como saponáceos ou palha de aço, pois causam outros arranhões e desgastam a película do acabamento, modificando assim o brilho e a cor e também interferindo da durabilidade da pintura existente.

Em casos de cupim , quando percebemos aquele furinho na peça, isso não é sinal de que o cupim penetrou no móvel, na verdade foi por ali que ele saiu, pois a fêmea coloca os ovos em baixo dos móveis e quando as larvas nascem elas vão abrindo caminho no interior da madeira e só saem quando já são adultos. O ideal é fazer a substituição da peça afetada antes que o restante do móvel fique comprometido e que a praga se espalhe para outros objetos de madeira.

A umidade faz com que a madeira empene, por isso ao escolher móveis para locais úmidos, como banheiro e cozinha, de preferência por peças que tenham todas as superfícies revestidas.

Em peças com acabamento em alto brilho, faça a limpeza com pano úmido e detergente diluído em água. Isto serve tanto para acabamentos transparentes como para laqueados. Para lustrar use um pano macio com produtos específicos encontrados no mercado.

Algumas manchas podem ser facilmente retiras com o procedimento normal de limpeza ou com polimento. Cuidado com manchas de café, gordura, sucos ou refrigerantes, pois podem levar a deteriorização do móvel. Existem produtos específicos para retirar manchas de gordura dos móveis. As manchas que penetram no filme da tinta normalmente só podem ser eliminadas com a repintura do móvel.

Pesquisar mais textos:

Fabiane Martello

Título:Dicas sobre mobiliário

Autor:Fabiane Martello(todos os textos)

Imagem por: Brock University

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 16:10:26

    Que dicas sensacionais, Fabiane. A Rua Direita muito se alegra, obrigada!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios