Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > Carnaval 2014

Carnaval 2014

Categoria: Eventos
Carnaval 2014

Uma das datas mais ansiadas pelas nossas criancinhas no ano de 2014 é no dia 4 de Março, é o dia de Carnaval. O Carnaval não tem data certa, todos os anos se comemora em dias diferentes. A data do Carnaval está diretamente relacionada com a data do dia de Páscoa. Esta data comemora-se sempre quarenta e sete dias antes do domingo de Páscoa. Este ano o Domingo de Páscoa é no dia 20 de Abril, portanto o Carnaval é no 47.º dia anterior.

O Entrudo, outro nome dado ao Carnaval, é uma data festiva de origem pagã e é comemorado sempre numa terça-feira. Em Portugal este dia não constitui um feriado oficial, é facultativo.

No nosso país muitas são as formas utilizadas e os rituais para comemorar esta tradição. A maioria das pessoas opta por vestir um fato de Carnaval disfarçando-se de uma personagem que aprecie ou com fatos alusivos a categorias profissionais, personagens de cinema, desenhos animados, personalidade mediática… Existem todo o tipo de disfarces e adequam-se a todos os gostos. Os mais pequenos são os que mais festejam esta data vestindo trajes coloridos e fatos aos domingos e terças de Carnaval.

Nesta data ocorrem vários desfiles em várias cidades de Portugal como Ovar, Estarreja, Torres Vedras, Loulé e Famalicão entre outras, sendo o desfile de Torres Vedras um dos pontos mais fortes destes eventos. Os desfiles têm um tema que normalmente procura criticar algum aspeto social ou desportivo com muito humor e boa disposição para satirizar o estado do país e da sociedade Portuguesa, animando o público.

O Carnaval tem vindo a ser festejado desde 520 a.C e foi sofrendo muitas alterações até aos nossos dias. Antigamente, ele era festejado como forma de agradecimento pelas colheitas abundantes e pela ajuda dos deuses ao povo grego. Por volta do ano 590 a.C a festividade passou a ser comemorada pela igreja católica. Neste caso era uma marca de véspera de jejum antes do início da quaresma, período em que jejuavam. Neste dia de Carnaval as pessoas degustavam deliciosos banquetes e comiam do bom e do melhor para no dia seguinte iniciarem o jejum.


Rua Direita

Título: Carnaval 2014

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Comentários - Carnaval 2014

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios