Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Empresariais > Vídeo currículo começa a ser alternativa...

Vídeo currículo começa a ser alternativa...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Empresariais
Visitas: 12
Comentários: 2
Vídeo currículo começa a ser alternativa...

Estarão os convencionais currículos vitae com os dias contados?

O crescente aumento do desemprego tem gerado uma grande concorrência. Se está à procura de emprego, sabe que existem diversas pessoas na mesma situação que a sua. Por isso, para ser o eleito para determinado posto a que concorre, é imperativo que se destaque dos demais, por isso não tenha receio em mostrar o seu potencial e inove.

Cada vez mais na moda, os vídeo currículos, são já um sucesso nos Estados Unidos e no Brasil. Esta ferramenta de apresentação é vista pelos especialistas em Recursos Humanos, como uma mais-valia, principalmente para candidaturas em empresas que valorizem a inovação e a tecnologia. Porém, adapta-se a todas as áreas, porque facilita no processo de seleção, já que o empregador fica logo com uma primeira impressão do candidato, sem precisar de o entrevistar. Até porque em alguns casos, pode não estar perto do local a que concorre e com um simples clip, dá-se a conhecer, nem que esteja a vários quilómetros de distância. E se lhe parece que fazer um vídeo currículo é complicado, nós damos-lhe algumas dicas que o vão ajudar a acabar com a sua reticência.

Antes de mais, saiba que não precisa de ter uma câmara profissional, pode mesmo usar aquela câmara amadora que comprou para usar nas férias ou mesmo a câmara do telemóvel.
Depois lembre-se que deve fazer uma apresentação simples e concisa que não ultrapasse um minuto. Deve falar de forma natural, sem parecer que está a ler ou que tinha decorado um texto. Siga o caminho traçado no currículo comum, destacando os últimos empregos e as especializações, tendo sempre em conta o cargo para o qual se candidata. Mantenha uma postura direita, sorria, tenha uma apresentação cuidada, não sendo demasiado formal e escolha um cenário neutro. Se não ficar contente com a gravação, repita as vezes que achar necessárias, até que se sinta satisfeito com o resultado.
Evite enviar o vídeo por correio eletrónico, para não sobrecarregar a caixa de mensagens do selecionador, opte por colocar a gravação num site, como por exemplo no Youtube, e envie o link no próprio currículo convencional. Lembre-se que com um currículo vídeo, estará a mostrar a sua essência.

O único inconveniente é que se fizer má figura, pode ser eliminado logo à partida. Mesmo assim, não acha que vale a pena arriscar? É que por mais que se queira demover desta ideia, lembre-se que “uma imagem vale mais que mil palavras”…


Catarina Guedes Duarte

Título: Vídeo currículo começa a ser alternativa...

Autor: Catarina Guedes Duarte (todos os textos)

Visitas: 12

669 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    02-07-2014 às 18:30:46

    Muito bom! Não sabia que havia mais essa novidade no mercado, realmente, está bem complicado conseguir um trabalho, há muita concorrência. Mas, o vídeo para ser apresentado é preciso treinar muito, fazer edição e saber usar as palavras.

    ¬ Responder
  • Ademir LopesAdemir Lopes

    02-07-2009 às 20:45:16

    Gostei do seu site....

    ¬ Responder

Comentários - Vídeo currículo começa a ser alternativa...

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios