Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Internet - Navegue sem se afundar!

Internet - Navegue sem se afundar!

Categoria: Internet
Visitas: 12
Comentários: 7
Internet - Navegue sem se afundar!

A Internet constitui, indubitavelmente, um sinal inequívoco da crescente globalização. É um sítio onde se pode pôr tudo em comum, com as inúmeras vantagens e inconvenientes que este factor comporta. Eliminou completamente a distância geo-social, permitindo um contacto permanente e ininterrupto entre todos os pontos do planeta. Contudo, a inocência e o encantamento de algumas pessoas relativamente à Internet é susceptível de lhes aportar, mais cedo ou mais tarde, dissabores graves, por causa da confiança exagerada que depositam nos seus interlocutores cibernautas e nos conteúdos, que tomam como verdades absolutas e irrefutáveis.

Deste espaço são, muitas vezes, lançados autênticos “mísseis”, sob a capa de inofensivas sugestões, dicas ou propostas. Os mais incautos esbarram, amiúde, na esperteza de quem, maliciosamente, os alicia por qualquer motivo. As crianças são, a priori, das “presas” mais fáceis de iludir, pelo que a navegação por parte destas deve ser supervisionada pelos pais ou educadores. É um erro ficar-se muito descansado (a) porque o filho está em casa e não anda na rua a fazer asneiras; dentro do seu quarto, à porta fechada e com toda a liberdade do mundo, literalmente, ele pode muito bem estar a prejudicar-se a níveis e dimensões imensamente superiores…!

Por outro lado, há que prestar especial atenção a tudo e todos os que requeiram dados pessoais, ou os possam vir a sacar de alguma maneira. Há muita gente endividada “até ao pescoço” à conta disso, para além de se ver a braços com processos judiciais, visto que passou a ter vários “clones” a usurpar a sua identidade para falcatruas várias.

Não obstante, a utilização da Internet devolver-nos-á o que quisermos, se mantivermos um espírito vigilante e analítico, possibilitando também acções de grande valor e monta, no que concerne à ajuda recíproca, em termos de identificação e apoio na doença, transferência de meios, partilha de cultura, construção de amizades, etcétera. Paralelamente, faculta a compra e venda de uma vasta panóplia de artigos, que vão desde a alimentação até a obras de arte. Embora favoreçam o conforto e poupem tempo, as encomendas online, à semelhança do Messenger, acabam por arredar os indivíduos da convivência directa com os outros, o que incrementa substancialmente o sentimento de solidão e abandono. O enclausuramento em si próprio é perigoso, sobretudo quando existem tendências depressivas e auto-destrutivas ou se está em pleno processo de crescimento e formação da personalidade!

A Internet ocupa o quarto paradigma do intercâmbio geográfico: 1- Deslocação terrestre; 2- Barco; 3- Avião; 4- Internet, e representa talvez o mais arriscado. Talvez por isso, pode aplicar-se à Internet a imagem que Mário Castrim, falecido escritor e crítico televisivo, atribuía à “caixinha mágica”: é como um frigorífico que se abre para se tirar o que se quer no tempo que for necessário para isso.



Maria Bijóias

Título: Internet - Navegue sem se afundar!

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 12

655 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 7 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    18-10-2014 às 21:50:27

    Realmente, os extremos nunca são bons para a vida das pessoas. É preciso manter o equilíbrio diante do que pode nos viciar. A internet é um campo muito vasto, aberto e se não tivermos o cuidado, a gente fica escrava dela.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    16-04-2014 às 18:11:23

    Creio que o equilíbrio é fundamental, os cuidados devem ser tomados diariamente. Belo texto, obrigada por sua contribuição!

    A equipa da Rua Direita

    ¬ Responder
  • Pedro Ramilo

    18-09-2012 às 14:05:13

    Ainda há poucos dias, o sr. Augusto da mercearia dizia:
    - Mas que raio de Mundo se tornou este, nunca se viu tanta desgraça, roubos , mortes, cataclismos. Antigamente lá acontecia um de vez em quando, agora é todos os dias, valha-nos Deus.
    Efetivamente o que o Sr. Augusto quis dizer foi:
    - Com esta "coisa" da internet, a informação é de tal maneira tão rapidamente processada e transmitida, que conseguimos saber praticamente tudo o que se passa em tempo real.
    Ou seja, o que aumentou não foram " as coisas", mas sim o modo como a informação se propaga hoje em dia.
    E esta é uma realidade a que todos nos temos que habituar, cada vez mais...

    ¬ Responder
  • Adriana SantosAdriana dos Santos da Silva

    14-09-2012 às 15:33:05

    Com a modernidade, as tecnologias da internet estão a todo vapor e com grandes inovações. Hoje é possível tantas coisas que no passado eram impossíveis de ocorrer. Ela nos auxilia, beneficia em muitas de nossas atividades cotidianas. Mas devemos tomar cuidado, pois todo excesso gera desconforto e sensações desagradáveis. Ela pode ser prejudicial em sua vida, como tem sido em adolescentes e crianças. Navegue sim, mas consciente e com equilíbrio. Muito bom o seu texto!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoarte

    28-02-2011 às 18:27:57

    pois tens rasao a internete e cadaves mais perigosa

    ¬ Responder
  • mestry badahra

    30-03-2010 às 00:05:07

    Quero aplaudir de pé, a edição ,da nobre colega, que editou um comentario " INTERNET" onde retrata,com total verdade, o espelho desta mega opção, a disposição do povo .
    Principalmente, os que estão iniciando, as navegações, neste imenso , e interminavel oceano,que tem uma porta escancarada, para todos,os que dispõe, de uma maquina .
    Os portadores de patologias psiquicas, por portarem doenças mentais, direcionadas , as tendencias do mal, se aproveitam, da amplidão, e abertura deste fenomeno, para, praticarem, todas as condições de prejudicar o proximo.
    Este artigo, onde a colega faz uma opinião feliz, serve para alertar, e tambem nortear, os navegadores incautos,que ainda não dispõe, dos instrumentos de segurança (o conhecimento)...
    vou copiar, e peço licença, para sintetizar, e repassar a todos os que fazem parte da minha lista de chegados virtuais,pois é apenas , muito importante este "alerta" .
    mestry badahra
    [email protected]

    ¬ Responder
  • Marco TeixeiraMarco Teixeira

    26-06-2009 às 12:53:21

    A Internet é sem duvida algo cada vez mais útil! Bom Artigo

    ¬ Responder

Comentários - Internet - Navegue sem se afundar!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Saiba como consertar seu fone de ouvido

Ler próximo texto...

Tema: Electrodomésticos
Saiba como consertar seu fone de ouvido\"Rua
É quase certo que, se não forem todas as pessoas, boa parte delas já tiveram problemas com os fones de ouvido e trocaram-nos, pelo menos uma vez na vida. Há casos que são necessárias várias trocas. Por ser um dispositivo sensível e pequeno, um manuseio incorreto ou peças de má qualidade, interfere na vida útil dos fones de ouvido. Seja um chiado, mau contato no cabo ou um lado que parou de funcionar, quase sempre ocorre.
Isso acaba gerando um gasto, às vezes não planejado. O custo é bem pequeno, porém, se for somado todos os fones já adquiridos, pode ser um valor razoável. A manutenção não é tão cara, mas exige um pouco de dedicação. Se você já não aguenta mais comprar essas pequenas peças que estragam o tempo todo, aprenda como arrumar o seu e livre-se desse problema.

Materiais necessários
Esse artigo irá tratar de três tipos possíveis de manutenção: troca do pino, conserto de mau contato e o reparo dos cabos conectados aos fones. Segue a lista de equipamentos necessários:
- Alicate de bico ou corte com área específica para cortar;
- Estilete;
- Lixa;
- Ferro de solda;
- Estanho para solda;
- Conector P2 estéreo e Fita isolante.




Conector do fone de ouvido: Troca
1 - Com o alicate, corte o cabo onde está o conector;
Nessa etapa, não corte muito próximo ao conector porque o mau contato pode estar na parte flexível do cabo. Também não corte tão longe para não diminuir muito o tamanho.
2 - Com bastante cuidado, utilize o estilete para desencapar o cabo;
Se você aplicar muita força nesse passo, pode danificar os fios ou até se machucar.
3 - Dois fios, correspondente aos fones, estarão visíveis. Peque-os e, com cuidado, tire a capa deles com o estilete;
Existem alguns modelos de fones que não tem capa protetora, apresentando três ou quatro fios. Caso seja o seu caso, veja o passo a seguir.
4 - Utilize a lixa para remover a proteção dos cabos encapados;
5 - Ligue o ferro de solda à tomada;
6 - Passe os fios pela capa do novo conector;
7 - Caso seu fone possua dois fios-terra, torça os dois juntos;
8 - Com o estanho e o ferro de solda, grude os cabos no conector;
Antes de realizar esse paço, verifique a ordem correta dos conectores (fone direito e esquerdo). Se você não tiver certeza, veja no outro conector a ordem correta para soldar os fios.
9 - O fio-terra deve ser soldado no buraco central do conector;
10 - Coloque a capa do conector nele e teste seu fone!

Problema de mau contato: Conserto
Agora, você aprenderá a consertar um cabo com mau contato. É recomendado trocar o cabo todo, pois não se sabe onde exatamente está o mau contato e se é somente naquele ponto.
1 - Com o alicate, corte o cabo próximo ao fone;
2 - Com bastante cuidado, utilize o estilete para desencapar o cabo que resta no fone;
3 - Dois fios, correspondente aos fones, estarão visíveis. Peque-os e, com cuidado, tire a capa deles com o estilete;
4 - Utilize a lixa para remover a proteção dos cabos encapados;
5 - Ligue o ferro de solda à tomada;
6 - Utilizando o estanho, solde os fios do cabo novo no que está com o fone;
7 - Com a fita isolante, encape os remendos realizados;
8 - Utiliza a fita isolante para encapar a parte remendada e teste seu fone!

Defeitos nos contatos dos alto-falantes: Arrumando
Agora, você verá como é simples realizar a manutenção nos fones. Confira os passos a seguir.
1 - Ligue o ferro de solda à tomada;
2 - Abra o fone de ouvido;
Nesse item, verifique se o fone não possui parafusos para evitar danos a ele ao abri-lo. Lembre-se de como você abriu para poder fechar depois.
3 - Apenas com o ferro de solda, aqueça onde os cabos estão conectados para derreter a solda e retirar os fios;
4 - Corte a parte dos fios que estão com mau contato;
5 - Com o estanho e o ferro de solta, grude os fios do cabo nos fones;
6 - Monte o fone de volta e teste-o!

No corpo da matéria, há um vídeo feito pela equipe do Baixaki que pode auxiliar você. Gostou das dicas? Comente!

Pesquisar mais textos:

Lucas Souza

Título:Saiba como consertar seu fone de ouvido

Autor:Lucas Souza(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    16-04-2014 às 18:40:31

    Muito valiosa todas as dicas, gostei muito e detalhou muito bem. Obrigada! Parabéns pelo texto!

    A equipa da Rua Direita

    ¬ Responder
  • Vitoria Ribeiro 12-09-2013 às 08:40:23

    Esta com dificuldade em consertar seu fone de ouvido, mesmo com as explicações acima? Consertamos para você! Temos loja física no Centro do Rio de Janeiro, recebemos e enviamos para todo o BRASIL - - 21-25071518 Vitoria Ribeiro

    ¬ Responder
  • João 08-09-2013 às 02:07:31

    Tenho um Headfone Beats Solo HD vermelho e o arco quebrou bem no lado direito no suporte dobrável do fone, Alguem sabe aonde compro esse arco? Moro em Curitiba.

    ¬ Responder
  • mariel 27-01-2016 às 20:30:21

    Conseguiu, João? Estou com o mesmo problema.

    ¬ Responder
  • André 21-07-2013 às 20:00:44

    Comprei um daqueles fones com entrada para cartao de memoria. dos modelos que encaixam na orelha, porem um dos lados foi quebrado. saberiam irformar se existe peca de reposicao, preciso apenas do encaixe da orelha, paguei R$50,00 e vou perder todoo fone por uma unica peça quebrada. MRH-8806Q NIA

    ¬ Responder
  • joaoa 19-06-2013 às 13:31:56

    tenho um skullcandy navigator, e o lado esquerdo do arco quebrou , a 'caixa' esta solta, tem como consertar??

    ¬ Responder
  • sidney 02-04-2013 às 09:18:23

    Qual o endereço da loja? Tenho um fone Philips HLS 8800 e o cabo arrebento e quero consrtalo.

    ¬ Responder
  • Vc é Plagiador 18-02-2013 às 15:19:44

    Engraçado, tu pega a matéria do Baixaki e cola aqui no site.

    ¬ Responder
  • Daniel 27-02-2013 às 12:00:11

    Copiou na cara dura!

    ¬ Responder
  • Marcelo 26-01-2013 às 08:27:20

    VC ESTA COM DIFICULDADE EM CONSERTAR SEU FONE OUVIDO, MESMO COM AS EXPLICAÇÕES ACIMA? CONSERTAMOS PARA VC! TEMOS LOJA FÍSICA NO CENTRO DO RIO DE JANEIRO, RECEBEMOS E ENVIAMOS PARA TODO O BRASIL -2125071518 . BEATS BY, SONY, PHILLIPS, COBY ENTRE OUTROS

    ¬ Responder
  • Renildo 19-08-2014 às 20:58:42

    VOCE TEM COMO CONSERTAR UM ARCO DO BEATES ORIGINAL?..ELE QUEBROU BEM NO CENTRO..SE TEM COMO CONSERTAR, ME MANDE ENDEREÇO OU EMAIL PRA CONTATO...POR FAVOR..MORO EM BRASILIA..SE TIVER ASSISTENCIA TECNICA POR AQUI PRECISO TELEFONE OU ENDEREÇO..

    ¬ Responder
  • Amparo 07-09-2014 às 14:09:59

    Renildo, Vc conseguiu trocar o arco do beats? estou com o mesmo problema. Tb moro em BSB. Peço me orientar.
    Amparo

    ¬ Responder
  • Daiany Nascimento 17-09-2012 às 12:37:14

    Gostei do texto. Sou fã dos artigos publicados pelos autores do ruadireta.com devido à variedade de temas que posso encontrar, além de que a maioria deles são muito ricos em conteúdo, como este! Parabéns autor pela sua dedicação, saiba que as dicas que encontrei aqui poderão me ajudar muito, pois precisava mesmo saber como consertar meu Fone De Ouvido. Espero por novidades, pois sempre estou à procura de novos conhecimentos. Muito obrigada e Boa escrita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios