Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Realize negócios na internet em segurança

Realize negócios na internet em segurança

Categoria: Internet
Visitas: 3
Comentários: 6
Realize negócios na internet em segurança

Este artigo será interessante para pessoas que trabalham através da internet, e sobretudo nas seguintes áreas: Marketing Multinível, programas de afiliados, divulgação de sites e produtos, entre outros.

Quem trabalha nestas áreas sabe que muito do seu sucesso passa por angariar novos contactos e novos prospectos interessados em juntar-se ao seu negócio, em afiliar-se no seu programa de afiliados, em visitar o seu site ou em comprar os seus produtos (conforme cada caso).

O que todos têm em comum é que para terem sucesso existe a necessidade de divulgar a página/site com o qual trabalham de forma a atrair novos visitantes potencialmente interessados no negócio.

E é neste ponto e na forma como fizer as coisas que grande parte do futuro do seu negócio se irá decidir.

Ao iniciar qualquer uma das actividades referidas anteriormente, normalmente terá à sua disposição uma página na internet fornecida pela companhia em causa. A sua página terá um url do tipo www.nomedacompanhia.com/XXX ou www.XXX.nomedacompanhia.com, em que XXX é o seu nº de distribuidor, nº de afiliado ou a sua referência.

A vantagem desta situação é que terá uma página à sua disposição (geralmente gratuita) para poder começar desde logo a trabalhar.

A grande desvantagem é que ao divulgar e ao publicitar um url deste tipo, irá perder muitos contactos e muitos visitantes e irá estar a trabalhar para “outros”.

Ao publicitar um url do tipo www.nomedacompanhia.com/XXX o que é que vai acontecer?

Em primeiro lugar vai desde logo dar a entender que é um(a) principiante no negócio. Vai estar a apresentar o seu negócio e a dizer às pessoas que podem ganhar montes dinheiro caso se juntem à empresa, e pelo menos aquelas que perceberem alguma coisa disto vão “olhar para si” e pensar: “Que amador!” – Está para aqui a dizer se ganha muito dinheiro na companhia dele e nem sequer investe num site próprio. Não irão vê-lo como um verdadeiro líder e além disso nunca conseguirá recrutar profissionais e líderes nesta área.

Outra grande desvantagem prende-se com o facto de que com um url deste tipo irá perder muitos contactos.

Imaginemos que coloca anúncios na internet, em sites grátis ou no Google Adwords (anúncios pagos), e que as pessoas visitam o seu site. O seu url vai aparecer www.nomedacompanhia.com/XXX e o que vai acontecer é que muitas pessoas vão apagar o XXX e vão directos a www.nomedacompanhia.com. Isto acontece imensas vezes e estou certo que você também já fez isto mesmo. Você vai perder esses contactos e essas pessoas que possivelmente estavam interessadas na sua oportunidade de negócio nunca vão juntar-se ao seu negócio (ou nunca vão afiliar-se a si, no caso de se tratar de um programa de afiliados). Quem vai sair a ganhar é o detentor do site de raiz.

Ter uma página e divulgar um url deste tipo é meio caminho andado para o insucesso:
- Não se apresenta ao público como um(a) profissional;
- Irá perder muitos visitantes (contactos e prospectos);
- Irá perder dinheiro;
- Irá ficar desmotivado(a) e acabará por desistir.

A solução para esta situação é comprar um domínio próprio. Você será o proprietário desse domínio (url), e inclusivamente poderá mudar de negócio mantendo sempre o mesmo domínio.

Deve escolher e registar um domínio simples, curto (se possível formado por uma só palavra), fácil de memorizar, que não gere confusões nem equívocos – evite incluir números, porque normalmente geram equívocos.

Existem muitos sites onde poderá efectuar o registo do seu domínio, e os preços variam entre os 5 e os 10€ (por ano), conforme o caso.

Apenas poderá registar domínios que ainda não estejam registados, por isso antes do registo verifique se o nome que escolheu está disponível. Para isso digite no seu browser o nome do domínio que escolheu (do tipo: www.oseudominio.com), e se não for dar a nenhum site em princípio esse domínio estará disponível.

Ao escolher o site onde irá registar o seu domínio, deve verificar e optar por um que permita o redireccionamento de tráfego para a sua página (www.nomedacompanhia.com/XXX) e também a mascaração do seu url.

Isto é fundamental, porque só assim poderá depois encaminhar os visitantes para a sua página na internet.

A vantagem é que tendo o seu domínio próprio (do tipo: www.oseudominio.com) e fazendo o direccionamento (e mascaração) para a sua página, depois apenas terá que divulgar o seu domínio e as pessoas interessadas irão ser direccionadas automaticamente para a sua página.

Nos seus anúncios, folhetos, etc. apenas terá que incluir o seu domínio, e desta forma estará a dar uma imagem muito mais profissional e deixará de perder visitantes, contactos e prospectos, e o seu negócio terá o sucesso que antes não tinha.



Carlos Vieira

Título: Realize negócios na internet em segurança

Autor: Carlos Vieira (todos os textos)

Visitas: 3

613 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 6 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    18-10-2014 às 22:18:19

    Muito boa sua explicação! Também concordo em que a pessoa tenha seu próprio domínio no site, pois gera maior credibilidade diante do seu público. Tem muitos lugares que cobram um preço bem em conta.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    08-05-2014 às 17:31:27

    Os negócios on line possuem seus riscos assim como qualquer outro meio, mas todo o cuidado é importante. Existem muitos sites falsos e que acabam enganando muitas pessoas. Ter segurança é importante também ao usar meios bancários pela internet.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAdriana

    18-04-2014 às 20:30:11

    Qual os sites no Brasil melhores para comprar vestidos ?

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    18-04-2014 às 22:15:09

    Adriana, a Rua Direita orienta que acesses estes links com os melhores sites de vestidos do Brasil e avalie os preços oferecidos:
    1 - http://www.posthaus.com.br/moda/selecao-de-vestidos.html?lnk=10027_1_0_0
    2 - http://www.dafiti.com.br/roupas-femininas/vestidos/
    3 - http://www.lunenderstore.com/roupas-femininas/vestidos.html

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAdriana

    19-04-2014 às 11:20:39

    Brutal, muito obrigado vocês ajudaram mesmo

    ¬ Responder
  • Marco TeixeiraMarco Teixeira

    26-06-2009 às 13:11:29

    Excelente Artigo. Só alguns pontos que acho importantes de referir, primeiro se querem um domínio próprio há que pagar um pouco mais que 5€, pois temos que pagar domínio + hosting(que para os outros domínios são gratuitos), por ano algo razoável fica em 40 - 50€ +/- :) Diga-se que compensa! Em relação aos domínios tipo www.nomedacompanhia.com/XXX ou www.XXX.nomedacompanhia.com estes são normalmente disponibilizados por empresas estabelecidas como, blogger, wordpress, webnode, etc... e uma vez criada uma pagina aí, esta devido ao apoio e ao reconhecimento já existente por parte do dominio "main" (Ex. www.wordpress.com), vai posicionar-se muito mais rápido que qualquer domínio próprio (isto num principio e para determinadas palavras chave). Assim que o conselho é que se tenham os 2 :) o principal para a pagina principal do seu negócio, outras para apoio, através de links por exemplo (é importantíssima esta técnica) ;)
    Um Abraço a todos.

    ¬ Responder

Comentários - Realize negócios na internet em segurança

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como economizar energia em condomínios, empresas e edificações comerciais

Ler próximo texto...

Tema: Energias Renováveis
Como economizar energia em condomínios, empresas e edificações comerciais\"Rua
Economizar energia elétrica é importante para nós e para o planeta, já que esse recurso é produzido, em sua grande maioria, através de processos caros e extremamente prejudiciais ao meio ambiente.

O consumo racional e eficiente de energia elétrica depende de mudanças de hábito por parte dos consumidores (residenciais, comerciais e industriais), principalmente no que diz respeito a ações cotidianas.

Nesse texto selecionamos algumas dicas e informações de grande utilidade pra ajudá-los a programar o uso racional da energia elétrica em condomínios, empresas e em edificações comerciais.

Tome nota:

•Faça manutenção planejada e constante nas instalações elétricas, e não sobrecarregue os circuitos além do que foi especificado em projeto, ou pelo eletricista. A falta de manutenção e a sobrecarga dos circuitos podem causar curtos, aquecer a fiação e permitir que quantidade significativa de energia elétrica se perca pela rede, e ainda danifique a própria fiação.

•Troque todas as lâmpadas incandescentes por fluorescentes (tubulares ou compactas), e, se possível, invista na iluminação de LED. As lâmpadas de LED consomem cerca de 80% menos de energia elétrica, quando comparadas às incandescentes e duram oito vezes mais.

•Se o ambiente é muito grande, muito largo, ou muito extenso, divida a iluminação em vários circuitos. Essa medida permite o desligamento parcial de lâmpadas em desuso ou desnecessárias.

•Em áreas de pouca circulação e de permanência transitória como corredores, sanitários, garagens, áreas de serviço e copas, é recomendável a instalação de sensores de presença, mecanismos que acionam a iluminação somente quando houver circulação de pessoas.

•Em áreas cuja iluminação natural consegue ser aproveitada, podem ser também instalados sensores de fotocélulas, dispositivos que detectam automaticamente a necessidade de acionamento da iluminação artificial quando a iluminação natural é insuficiente (á noite e em dias nublados, por exemplo).

•Mantenha as luminárias sempre limpas para que a potência das lâmpadas seja 100% aproveitada.

•Pinte as paredes internas e os tetos dos ambientes com cores claras, pois essas refletem e espalham a luz para todo o ambiente.

•Troque equipamentos elétricos velhos, motores defasados, aparelhos de ar condicionados antigos, luminárias muito gastas, por modelos mais novos, que já são projetados para consumirem menos energia elétrica, e contam com selos de garantia que os qualificam com relação à eficiência.

•Faça manutenção e limpeza constantes nos aparelhos de ar condicionado. Filtros sujos exigem maior esforço dos aparelhos (maior gasto energético) no processo de refrigeração e ainda causam grande risco à saúde.

•Não deixe caixas condensadoras e resfriadoras do sistema de ar condicionados instaladas em locais onde recebam incidência solar constante. Quando recebem sol durante muito tempo esses equipamentos chegam a consumir o dobro da energia prevista, já que a utilizam primeiramente para promover o seu próprio resfriamento e só depois a refrigeração dos ambientes.

Aproveitem nossas dicas e se precisarem de mais informações, entrem em contato com um profissional capacitado.

Pesquisar mais textos:

Danília Oliveira Gonçalves

Título:Como economizar energia em condomínios, empresas e edificações comerciais

Autor:Danília Oliveira Gonçalves(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios