Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > A arte de trabalhar na internet

A arte de trabalhar na internet

Categoria: Internet
A arte de trabalhar na internet

Você pode achar que ter um negócio digital é mais fácil, mais seguro, entretanto não é bem assim! Todo tipo de trabalho ou investimento possui seus riscos e para diminuir ao máximo vou compartilhar uma dica matadora.
O segredo para acabar com os riscos é diversificar suas fontes de renda:

Por que diversificar?
Todos os empreendedores estão correndo risco a todo momento. No mercado digital ou no mercado offline estamos propensos a uma série de imprevistos que podem acabar com nosso negócio.
Digamos que João tem uma borracharia na beira da estrada, ele conta com a ajuda de dois funcionários. A borracharia está gerando cerca de R$ 3.000 por mês descontando os salários dos funcionários. Por algum motivo a fiscalização chegou até ele e impediu João de manter sua borracharia aberta.
Agora como João vai alimentar sua família e pagar suas contas sem os lucros do seu negócio?
Quando falamos em diversificar, estamos criando uma proteção contra riscos e imprevistos que sempre vão acontecer na vida do empreendedor. Entretanto, o mais indicado é montar um negócio por vez. Seguindo uma simples regra de finanças:
• Monte um segundo negócio com os lucros do primeiro
• Monte o terceiro negócio com os lucros do primeiro e segundo
E assim por diante... dessa forma você sempre terá uma fonte de renda mais lucrativa que a anterior, afinal você investiu mais.
O que me leva ao segundo ponto...
Diversificar permite que você maximize seus ganhos, pois ao final de cada mês você receberá a soma dos lucros de vários negócios. Parece bom? Realmente é.

Quais atividades escolher?
Tudo bem, você entendeu que é preciso ter várias fontes de renda. Mas a internet nos permite trabalhar de infinitas maneiras diferentes, qual delas escolher?
Vou falar sobre as atividades que mais trouxeram resultados para mim, lembre-se que isso não é uma fórmula mágica. Foi o que deu certo para mim nos últimos anos.

Freelancer – você gosta de escrever artigos? Manda bem na criação de sites? Saber fazer ilustrações únicas? Então você está deixando dinheiro na mesa. O mercado de freelance cresce a cada ano no Brasil, são milhares de reais fluindo no mercado dos serviços online.
Para mim foi uma ótima forma de trabalho, quando o blog era apenas uma ideia na minha mente. A verdade é que você não consegue realizar vários serviços ao mesmo (talvez 3 no máximo) por isso seus ganhos são limitados, mas é uma ótima fonte de renda.
Depois que pega a prática os ganhos podem aumentar, meus ganhos eram de R$ 300,00 a R$ 500,00 por mês dependendo dos serviços. O grande segredo é conquistar a confiança dos clientes, normalmente eles precisam de freelances regularmente, se você for bem eles vão te contratar sempre.
Testei várias plataformas, mas a melhor para mim foi a workana que tem novos projetos todos os dias. Ótima fonte de renda para quem tem um tempo extra.
Consultor – para realizar consultorias é preciso duas coisas fundamentais:
1. Ter muita experiência na área
2. Saber promover seus serviços
Sem isso é praticamente impossível.
As consultorias podem ser feitas presencialmente ou via Skype, quando você pegar a prática pode juntar os dois estilos juntos. Prestei consultoria de facebook marketing para algumas empresas do bairro, foi bastante lucrativo – para mim e para as lojas.
Meu trabalho na maioria das vezes foi trazer os fãs do facebook para a loja física. Não é muito complicado, mas como falei antes: é necessário ter muita experiência para não prejudicar a loja (e perder credibilidade).
Produtor digital – foi uma das atividades mais simples que encontrei até hoje. Você cria um produto digital, anuncia para o público-alvo e vende mais que água no deserto. Chega a ser absurdo o retorno sobre investimento (ROI), tem produtos que chegam a 2.000% quando são bem produzidos (isso significa fazer uma pesquisa com o público para descobrir o que eles querem). Não adianta vender algo que as pessoas não querem, nem precisam.
Afiliado – ser afiliado é parecido com o trabalho do produtor digital (apenas parecido). A vantagem é que você não precisa fazer a pesquisa de mercado nem criar o produto, só precisa promover e vender da maneira correta.
Dentro do mercado de afiliados você pode criar infinitas fontes de renda com blogs de nicho. Você pode falar sobre emagrecimento, beleza, relacionamentos, ganhar dinheiro e vários outros assuntos. Pode também criar um blog para cada assunto, são várias possibilidades.

Jeová Junior

Título: A arte de trabalhar na internet

Autor: Jeová Junior (todos os textos)

Visitas: 0

0 

Comentários - A arte de trabalhar na internet

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios