Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Navegue em segurança

Navegue em segurança

Categoria: Internet
Comentários: 1
Navegue em segurança

Aceder à internet e perder algum tempo (por vezes horas) a navegar por sites variados é um hábito comum a muitas pessoas, nomeadamente jovens e jovens adultos. Um hábito que, aparentemente, parece inofensivo, esconde perigos reais, a começar, por exemplo, pelo sedentarismo exigido ao «navegante». O utilizador que permanece sentado durante várias horas corre um risco acrescido de vir a sofrer de doenças cardiovasculares, musculares e mesmo do foro psiquiátrico. Uma solução evidente parece ser a de parcelar o tempo que se vai despender diante do ecrã e manter uma atitude racional em termos de gestão do tempo. Mas os perigos mais frequentes são os internos, ou seja, aqueles que procedem directamente do sistema informático em acção perniciosa contra o utilizador. O que fazer, então, para combater eventuais perigos e ameaças electrónicos?

Em primeiro lugar, o utilizador deverá, sempre que estiver no site do seu banco, sair da aplicação utilizando a tecla «sair» ou «logout» e nunca sair simplesmente fechando a aplicação. Esta acção descuidada permitirá que piratas informáticos acedam à sua conta e tenham total controlo nela.

Em segundo lugar, dever-se-á evitar navegar por sites que pareçam conter conteúdos impróprios, que geralmente estão crivados de vírus e hackers que se «colam» literalmente ao computador; evite também fazer compras em sites desconhecidos, pois poderão constituir armadilhas para o seu cartão de crédito.

Devem também criar-se palavras-passe difíceis de serem descobertas, como por exemplo palavras com mais de seis dígitos e que combinem algarismos e letras. As hipóteses clássicas como o nome do namorado, a data de nascimento ou a matrícula do carro deverão ser descartadas. A palavra-passe poderá, por questões de segurança, ser também alterada ocasionalmente e não deverá ser a mesma para todos os serviços. Evite-se também anotar as mesmas em documentos de Word ou em papéis, pois poderão facilmente ser descobertas.

No e-mail pessoal, o utilizador deverá ter especial cuidado ao abrir anexos de e-mails e, se forem de origem desconhecida, deverão mesmo ser rejeitados. No entanto, uma boa forma de evitar a contaminação do computador pessoal por vírus indesejados é possuir um anti-vírus potente e que permita constantes actualizações, de forma a optimizar a sua eficiência.

Finalmente, se o utilizador for uma criança, os cuidados terão de ser infinitamente redobrados pelos pais e educadores. Existem ferramentas específicas para proteger os mais pequenos das perversidades e ameaças que chegam através da internet, como sejam o Cyber Patrol, o FamilyCAM ou o Enuff PC, cujas funcionalidades passam, essencialmente, por detectar e bloquear sites de conteúdo impróprio ou denunciar visitas indevidas. Os pais deverão também colocar o computador numa sala em que toda a família costume estar e estar atentos a alterações de comportamento dos filhos. E, claro, conversar abertamente com eles é também essencial para que a criança se sinta confiante em denunciar aos pais sites estranhos.

Seja como for, o essencial é sentir-se seguro/a e saber que a família está também em segurança, no que toca à navegação digital. Para tal, a literacia informática é fundamental, pelo que se deverá apostar na área.


Isabel Rodrigues

Título: Navegue em segurança

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 0

606 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    27-10-2014 às 15:28:04

    Gostei demais desse texto sobre o navegar na internet com segurança. Uma das coisas que faço é sair mesmo quando não quero ficar logado. I melhor é que aprendemos algumas táticas que geram maior privacidade. Temos que ter o cuidado quando estamos acessando nossas informações pessoais em lan houses e locais públicos. Todo cuidado é pouco.

    ¬ Responder

Comentários - Navegue em segurança

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios