Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Informática > Como Recuperar Ficheiros Eliminados

Como Recuperar Ficheiros Eliminados

Categoria: Informática
Visitas: 2
Como Recuperar Ficheiros Eliminados

Se forem daqueles utilizadores que já tentaram utilizar vários tipos de ferramentas para tentar recuperar ficheiros eliminados de propósito ou por engano, então sabem que o funcionamento é praticamente o mesmo nas diversas ferramentas: temos de escolher o disco onde pretendemos recuperar, esperar pela pesquisa completa de ficheiros eliminados, ver a longa listagem de ficheiros que foram encontrados e somente depois escolher aquele que realmente nos interessa. A verdade é que o processo é quase standard, contudo leva a uma grande perda de tempo.

Com base na premissa do tempo (para ganha-lo), e procurando uma relação qualidade/tempo de análise/recuperação, apresentamos o Puran File Recovery. Uma poderosa ferramenta, de uso não comercial gratuito, com os princípios base deste tipo de aplicação que, contudo, oferece ainda mais opções, flexibilidade e, provavelmente, mais recuperações de sucesso do que muitos dos seus concorrentes, sejam gratuitos sejam pagos. Vamos conhecer?

puran-file-recovery-00-pplware


O controlo da aplicação é bastante fácil. O Puran File Recovery não se limita a apresentar-nos uma lista de unidades onde pretendemos pesquisar, aqui, por exemplo, podemos escolher as partições e verificar as unidades em RAW ou física, sendo compatível com sistemas de ficheiros FAT e NTFS.

puran-file-recovery-01-pplware


No que toca a pesquisas, podemos dizer que são bastante rápiaos com a possibilidade de os resultados poderem ser apresentados de duas formas: por um lado uma vista tipo Explorador do Windows, género árvore, que é ideal quando necessitamos localizar ficheiros apagados por pasta base. Se estivermos a pesquisar por nome ou tamanho de ficheiro, a vista regular geralmente funciona melhor.

puran-file-recovery-02-pplware


Quando clicamos em cima de um ficheiro listado podemos ver, do lado direito, uma pré-visualização do mesmo. No caso da tentativa de recuperação de imagens essa função pode revelar-se bastante útil pois permite ver de avanço se aquela é a imagem que pretendemos recuperar ou não.

Seja qual for a opção escolhida de visualização, a janela de pré-visualização ajuda a reconhecer os ficheiros, exibindo miniaturas de imagem, ou um hexadecimal no caso de outros formatos.

Em todos os casos, o programa sempre informa o estado de recuperação do ficheiro em questão: Excelente, Bom, Satisfatório, etc. Quanto melhor for o estado, melhor a recuperação.

puran-file-recovery-03-pplware


Se o programa não descobriu os ficheiros que pretendíamos trazer de volta podes optar por uma pesquisa em profundidade ou completa, pois só assim ele irá vasculhar as nossas unidades para mais detalhes. Esta última opção é uma das melhores hipóteses de recuperação possíveis, através de pesquisas em baixo nível, segundo o fabricante do software, são reconhecidos mais de 50 tipos de ficheiros para ajudar a detectá-los.

A verdade é que não há nada de incomum, no entanto, a diferença reside no facto de o programa nos permitir personalizar essa lista com novos formatos. No mínimo, podemos apenas dizer ao Puran File Recovery o que procurar no início e no final de um determinado tipo de ficheiro – e para uma página web , por exemplo – e que deve ser imediatamente capaz de listar alguns exemplos na próxima pesquisa.

puran-file-recovery-04-pplware


Se encontramos aquele ficheiro que realmente necessitamos de «ressuscitar», então com um par de cliques no rato é possível fazê-lo. E até aqui temos algum controlo: por exemplo se o relatório de recuperação do nosso ficheiro fala num vídeo onde falta 1GB de tamanho quando na verdade ele tem 2GB, basta seleccionar a opção “Recuperar com tamanho personalizado”, o que permite digitar o número correcto do tamanho. A ter em conta que esta opção nem sempre estará disponível – se o ficheiro foi substituído então não há mesmo nada a ser feito. De todas as formas, existe sempre a possibilidade de recuperar alguma informação.

puran-file-recovery-05-pplware


Para terminar, podemos dizer que Puran File Recovery não é perfeito, como é óbvio, mas é muito bom. O ideal era mesmo uma versão portátil que nos permitisse flexibilidade de transporte, mas tirando esse detalhe estamos, certamente, perante uma das melhores ferramentas de recuperação de ficheiros que já conhecemos. Sem margem para dúvidas é um programa a testar, vai valer a pena!


Miguel Pereira

Título: Como Recuperar Ficheiros Eliminados

Autor: Miguel Pereira (todos os textos)

Visitas: 2

537 

Comentários - Como Recuperar Ficheiros Eliminados

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios