Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Namoro na internet

Namoro na internet

Categoria: Internet
Visitas: 6
Comentários: 16
Namoro na internet

A internet foi criada para facilitar a vida das pessoas, permitindo assim acesso de qualquer tipo de informações e transferência de dados, ela é a mais nova tecnologia de informações e de comunicação entre familiares e pessoas a pouca e a muita distância. Também na internet você pode encontrar alguém especial, pois tanto homens e mulheres de todos os lugares estão unidos em torno do mesmo objetivo.

Encontrar alguém tão especial, sua alma gêmea, e é com estes sonhos que mais de milhões de pessoas no mundo inteiro fica na buscar de seu grande objetivo. É pensando nisso, e que muitos sites foram desenvolvidos, para que sua busca fosse completa e sua estrutura de ambiente fosse seguro, onde o usuário possa fazer seus sonhos e ilusões tornarem-se realidade. A internet dar acesso a você passar mensagens, conversar online e encontrar aquele tão sonhado príncipe encantado, e o bom de tudo isso é que a internet não tem distinção de raças, credos, características físicas e de personalidade.

Pessoas como você, que ainda busca aquele alguém especial, e que descobrem, dia após dia, o poder que a internet tem de encurtar distancia e construir um relacionamento real, sólido e duradouro. Em todos os cantos do mundo a todo dia e a toda hora começam um namoro na internet, basta um site e um clique e você começa a sua busca, e o melhor é que você tem a certeza que seu sentimento não é carnal, mais sim de algo que vem de dentro, é a certeza que o seu visual não influenciou mais sim o seu caráter que é transmitido, e a sua forte personalidade. É um amor que vem de seus gostos, e seus princípios, do jeito que você é.

O amor pela internet é algo que mexe com você, pois não tem o contato físico, é algo mais que o seu caráter e sua personalidade destacam. Antigamente o namoro virtual ou namoro na internet era mais limitado, hoje com o crescimento de sites e o desenvolvimento da tecnologia tornou cada vez mais real, pois as pessoas com o anonimato são mais sinceras e honestas nas respostas e nas conversas. A maior vantagem em um relacionamento internet é que o aspecto físico não é o primordial e com isso a possibilidade é maior de conhecer o intimo de uma pessoa do outro lado da tela, antes do físico e com isso se sabe melhor o que realmente a pessoa é antes de cair na tentação da aparência física.

Mais é preciso checar primeiro tudo, pois tanto existe o bom caráter como o mau caráter. Também é bom na internet saber que em países distantes o namoro é pode ser comemorado duas vezes, pois se um mora no Brasil é comemorado dia 12 de junho e se o outro é da França o dia dos namorados é comemorado no dia 14 de fevereiro, e com certeza o presente é redobrado, isso é mais uma vantagem do namoro na internet.



Waldiney Melo

Título: Namoro na internet

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 6

777 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 16 )    recentes

  • Natanael GenoelNatanael Genoel

    16-01-2015 às 20:53:18

    O namoro a distância não é para todos! Somente os fortes conseguem vencer! Eu sou prova viva disso! Conheci minha futura esposa na internet e hoje graças a Deus estamos nos dando bem e nos adaptando. No tempo certo me mudarei para a terra dela. Mas sem a direção de Deus é impossível qualquer namoro dá certo, sendo perto ou longe.

    ¬ Responder
  • Rafaela CoronelRafaela

    18-10-2014 às 17:44:03

    Tudo vai depender da maturidade da pessoa. Se ela é madura suficiente ao ponto de saber levar o namoro na internet será algo muito satisfatório! Mas é bom frisar que é fundamental ter um propósito.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    08-05-2014 às 00:16:08

    Com a facilidade de conexão à internet, os namoros têm sido a cada dia mais comuns. Inclusive, estudos relatam que o namoro na internet ou que aconteceram através dela estão durando até mais que as de forma tradicionais. Incrível como as mudanças são notáveis!!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Augusto MalazeAugusto Malaze

    23-02-2014 às 15:26:03

    Como fasso para minha namorada me amar de mais?

    ¬ Responder
  • LitozacariasLITOZACARIAS

    13-06-2013 às 07:00:31

    Oi pessoal eu sou simplesmente apaixonado pela internet,assim sou criador de sites,e-mails e blogs,e estou na escola de estudo das rede socias.
    Mas eu procuro uma parceira que pode me acalmar todos os dias aqui na internet.
    E aproveito deixar a minha caixa electròtica para quem està para me conhecer melhor
    Acede agora no [email protected] e aguardo a sua mensagem

    ¬ Responder
  • tascita correia

    13-05-2013 às 15:56:19

    bom axei isso bem apropiado para o meu trabalho de sociologia kkk bigada bjsx

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAdriana dos Santos da Silva

    12-09-2012 às 22:47:05

    Olha fico a pensar se vale realmente a pena namorar pela internet. Muito sem graça, sem contato com os familiares, sem contato constante, acabamos em não conhecer a outra pessoa de forma a decidir se casar com ela(e). A internet é facilitadora de negócios, comunicação diária, mas ao ponto de substituir um relacionamento pelo qual será duradouro, fico temerosa. Eu não creio que se encontre alguém tão especial assim pelas buscas em sites de relacionamentos.

    ¬ Responder
  • adriel maelyadriel maely

    22-09-2011 às 00:28:41

    o amor éalgo complexo pensado nãoé apenas uma aventura romântrica passageira

    ¬ Responder
  • mayaramayara

    03-07-2011 às 23:46:56

    tb procuro um grande amor

    ¬ Responder
  • cossai

    07-03-2013 às 03:04:54

    eu tou enteressado numa relacao seria

    ¬ Responder
  • Edi jose da silva

    22-09-2012 às 18:39:12

    fale sobre voce quero relacionamento serio

    ¬ Responder
  • patriciapatricia

    23-06-2010 às 14:11:44

    eu procurp uma pessoa muito romantico,porque eu adoro homens que gostao de presente a flores.

    ¬ Responder
  • domingos xavierdomingos xavier

    24-08-2012 às 22:06:48

    procuro uma mulher que me comprenda,e que seja minha amiga,ela nao se ira arrepender por me ter conhecido,fico a espera ta...

    ¬ Responder
  • manuela

    30-09-2013 às 17:32:46

    bem e sempre um risco pois nao o conheç0 tenho 45 anos livre mas atençao nao ando a procura de namorado mas podemos tentar ser amigos

    ¬ Responder
  • MarcosMarcos

    11-05-2010 às 15:19:24

    Li e gostei do seu trabalho. Estou escrevendo um artigo sobre namoro na internet, gostaria, se possível você enviar algo para eu, sobre o tema. Aguardo. Um abraço!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãomarta janete barbosa fernandes

    24-02-2010 às 19:53:22

    procuro um bom homem que me compreenda que seja amigo.

    ¬ Responder

Comentários - Namoro na internet

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os descendentes de Eça

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Os descendentes de Eça\"Rua
Recentemente, por via da comunicação social, soubemos da entrega do prémio Leya, a um trineto de Eça de Queirós. Julgo que bastou essa noticia, para que todos ficássemos curiosos sobre os seus descendentes…esse mistério, como o Mistério da Estrada de Sintra, começou a adensar-se entre quem se interessa por estas coisas da literatura e da genealogia…então aqui deixo algumas notas que poderão ser importantes para quiçá, um dia, um qualquer jornalista, ou editor, se lembre, de conseguir reunir todos os seus descendentes vivos e se tire uma fotografia de família.

José Maria Eça de Queirós, escritor pródigo da nossa nação, contraiu matrimónio em 1886, com Emília de Castro Pamplona Resende, condessa de Resende, deixando à data de sua morte, em Paris, quatro filhos como seus descendentes e herdeiros diretos; foram eles António Eça de Queirós, Maria Eça de Queirós, Alberto Eça de Queirós e José Maria Eça de Queirós; portanto três meninos e uma menina.
Através do site Geneall.net, foi possível perceber as linhas genealógicas que se seguiram aos seus filhos. No entanto, nem todos os nomes dos seus bisnetos e trinetos estão aí presentes, com certeza por motivos de ordem pessoal, de resguardo da privacidade, motivos que não podemos questionar. Porém, é possível, pelo menos determinar a existência desses membros da família queirosiana.

De antemão sabemos que não houve descendência por parte de dois dos seus filhos, António Eça de Queirós e de Alberto Eça de Queirós.
Maria Eça de Queirós teve dois filhos, uma menina e um menino, porém a menina morreu muito nova, ficando apenas o menino, de seu nome Manuel Pedro Benedito de Castro, que mais tarde casou com Maria da Graça Salema de Castro, a mulher que se tornou a primeira diretora da Fundação Eça de Queirós, na casa de Tormes, pertença da família da esposa de Eça de Queirós. Como Manuel Pedro Benedito de Castro não teve filhos, sabemos que por este ramo, terminou a descendência do escritor.

Convém, entretanto, acrescentar aqui uma curiosidade. Depois do regresso a Portugal da viúva de Eça, ela e os filhos, foram residir para a casa da Granja, pertencente à família de Sophia de Mello Breyner. Inicialmente como esta casa costumava ser arrendada pela família de Sophia, Emília de Castro, arrendou-a, vindo a compra-la uns anos depois. Portanto, é aqui nesta casa que ela cria os seus filhos, e é onde, José Maria Eça de Queirós, um dos seus filhos, permanece após a sua morte, tendo criado aqui os seus filhos e netos, e tendo aqui também falecido.

Podemos então seguramente afirmar que a sua grande linha de descendência parte do seu filho, com o mesmo nome, José Maria Eça de Queirós, que teve também ele, atente-se à curiosidade, quatro filhos, neste caso, ao inverso, um menino, e três meninas, respetivamente de seus nomes, Manuel Eça de Queirós, Maria das Dores Eça de Queirós, Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós e Emília Maria de Castro Eça de Queirós. Esta ultima, Emília, teve ao que consta nove filhos, sendo que um deles, Afonso Maria Eça de Queirós Cabral, é quem atualmente preside à Fundação acima citada, depois da morte da primeira presidente, referida atrás, Maria da Graça Salema de Castro.

Manuel Eça de Queirós por sua vez teve seis filhos, Maria das Dores Eça de Queirós teve três filhos, e Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós, dois filhos. Somados, contabilizamos vinte, os bisnetos do famoso escritor. Seria interessante avançar um pouco mais nos ramos genealógicos e aflorar quem são ou pelo menos, quantos são os trinetos e tetranetos de Eça, por conseguinte fica aqui o desafio, pois é certo que porventura alguns destes descendentes não se conhecem, e nunca terão trocado qualquer impressão sobre o seu ascendente, para uns, bisavô, para outros trisavô, e ainda para outros, tetravô.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Os descendentes de Eça

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios