Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Maquiagem fácil e bonita

Maquiagem fácil e bonita

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Beleza
Maquiagem fácil e bonita

Se você é uma mulher que não tem muito tempo para gastar fazendo maquiagem ou não pode disponibilizar muito dinheiro para comprar seus itens de beleza, mas mesmo assim não abre mão de estar sempre bela. Confira esta dica de beleza e aprenda a fazer uma maquiagem fácil e bonita.

Para fazer esta maquiagem você vai precisar de: uma base de alta cobertura, um blush, um pó translúcido, uma máscara de cílios e um batom ou gloss, o que desejar. Todos estes itens existem em versões nacionais de boa qualidade e com preços bem acessíveis.

Passo 1: Base de alta cobertura – Este tipo de base é ideal para disfarçar manchas e imperfeições sem precisar usar um corretivo. Você também pode optar por uma base 3 em 1 que tenha a função corretivo, base e pó. Mas, antes de adquirir a sua verifique a tonalidade da base em seu rosto.
Para aplicar a base de alta cobertura use uma esponja ou os dedos. Comece pela testa, e aplique “descendo” pelo restante do rosto. Passe também na pálpebra móvel e deixe a base com um tom bem uniforme, assim o aspeto ficará bem natural.

Passo 2: Blush – Opte por um tom de blush que seja parecido com o tom da sua pele, só que mais corado. Se possível, evite os tons rosados, pois eles podem ficar muito artificiais no rosto. Aplique o blush escolhido nas maçãs do rosto, caso você tenha um formato de rosto fino ou alongado. Use o produto mais abaixo das maçãs caso tenha o rosto quadrado ou mais redondo, assim ele ficará com um leve contorno.

Passo 3: Pó translúcido – Este tipo de pó é recomendado para a maioria das peles, passado após o blush e a base ele dá um ótimo acabamento e reduz o brilho da oleosidade da pele. Esta etapa é importante e não pode ser pulada, principalmente em dias mais quentes. O pó ajuda a aumentar a durabilidade da maquiagem, mas seu efeito não é como o do primer.
Aplique o pó no rosto usando um pincel de pó, aqueles bem cheios e macios, e espalhe suavemente por todo o rosto, até mesmo no local em que você aplicou o blush. Dessa forma, sua maquiagem ficará ainda mais natural.

Passo 4: Máscara de cílios – A Máscara tem o poder de deixar o visual ainda mais feminino. Então, escolha a máscara de cílios de sua preferencia e aplique-a nos cílios superiores e inferiores. Aplique uma camada, espere secar e aplique outra camada para da o efeito cílios de boneca.

Passo 5: Batom ou gloss – Como você não utilizou nenhum tipo de sombra ou delineador, é possível abusar na cor dos lábios para deixa-los em evidência. Você pode optar por um batom ou gloss vermelho, vinho, rosa ou coral. Escolha a cor que você mais goste ou a que mais combine com o seu estilo. Por fim, uma dica é utilizar um batom de longa duração em gloss, pois além de durarem bastante eles são bem pigmentados.


Rua Direita

Título: Maquiagem fácil e bonita

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

627 

Comentários - Maquiagem fácil e bonita

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios