Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Desporto > Exercício físico: a melhor hora para praticar

Exercício físico: a melhor hora para praticar

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Desporto
Visitas: 16
Comentários: 20
Exercício físico: a melhor hora para praticar

A ida ao ginásio ou a tradicional corrida a pé ou de bicicleta costumam ter lugar ao fim do dia, quando se regressa do trabalho, cansado e com as energias físicas e emocionais em baixo. Perante este quadro, parece que o final da tarde não será o melhor período do dia para descarregar energias – elas já sofreram descarga suficiente durante o dia, com todos os problemas laborais que teve de enfrentar e resolver. Ora, qual será a alternativa?

Os especialistas, após o desenvolvimento de vários estudos relacionados com o tema, chegaram à conclusão de que a melhor altura do dia para praticar exercício físico é a manhã, mal acaba de acordar. O seu metabolismo está em alta, funcionando melhor do que à tarde ou à noite, o que significa que, se optar pelo exercício matutino, estará a contribuir para queimar muito mais calorias, ou seja, emagrecerá mais depressa. Existem depoimentos de pessoas que, inclusivamente, referem o benefício de praticarem 30 minutos de desporto logo após acordarem: quando regressam a casa e se preparam para tomar o pequeno-almoço, sentem um apetite moderado e têm tendência para preferirem alimentos mais saudáveis, como leite, frutas e cereais integrais. Para além disto, o cérebro humano, perante a prática de exercício físico, liberta endorfina e serotonina, substâncias responsáveis pelo aumento da sensação de bem-estar, físico e mental – significa isto que irá bem-disposto/a para o trabalho, tranquilo e cheio de energia positiva para enfrentar quaisquer problemas que possam surgir. Adicionalmente, durante as primeiras horas da manhã, o sol está mais fraco, o que possibilita um clima e uma temperatura mais agradáveis para a prática desportiva e, claro, o seu corpo acabou de descansar longas horas, o que faz com que se sinta mais predisposto/a para encetar um período de exercício físico. Deverá, antes de começar a mexer-se, proceder a exercícios breves de alongamento e aquecimento, de forma a evitar possíveis lesões e traumas musculares.

Pode, no entanto, considerar que durante a manhã não terá tanto tempo disponível, uma vez que tem tarefas inadiáveis para cumprir, como levar as crianças à escola e dirigir-se para o trabalho. Mas, se se levantar meia hora mais cedo, terá tempo suficiente para realizar todas as tarefas e sentir-se-á com mais energia para as levar a cabo. Está, aliás, comprovado que as pessoas que praticam exercício físico de manhã não sentem tanta necessidade de dormir, logo, a (aparentemente difícil) tarefa de abandonar o calor dos lençóis, torna-se mais simples e fácil.

Já sabe: usufrua dos incomparáveis benefícios do exercício físico matinal e tenha um dia em grande!

Isabel Rodrigues

Título: Exercício físico: a melhor hora para praticar

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 16

807 

Imagem por: Spencer's

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 20 )    recentes

  • mariana

    01-12-2014 às 14:33:36

    obrigado por me ajudar

    ¬ Responder
  • Luene ZarcoLuene

    05-10-2014 às 21:46:32

    Não gosto de caminhar pela manhã, mas com a leitura desse texto sobre exercício físico me convenceu! Rsrsrsrs Realmente, quando fazemos atividade física pela manhã nos encontramos mais dispostas! Vou seguir suas orientações.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    26-04-2014 às 22:18:39

    Adoro exercitar-me à noite, mesmo sabendo dos seus efeitos. Mas, adoro! Sinto-me mais disposta e super animada. É importantíssimo fazer exercícios físicos, ainda mais quem trabalha o dia inteiro e vive sentado. Além do bem-estar, ele dá maior energia no outro dia!

    ¬ Responder
  • jose

    03-12-2013 às 17:48:46

    fazer a caminhada á noite depois do jantar; não fará mal ao coração,pois eu costumo fazer 6 km da parte da manha( caminhada passo largo)pois se o fizer á noite penso que fará mal pois está o estômago a fazer a digestão e mais o esforço da caminhada, chegamos a casa vamos para a cama com os batimentos cardíacos muito acelerados,digam.me se é melhor de manha ou á noite, sou diabético e arre temia. obrigado

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãomiguel

    22-05-2013 às 23:12:31

    A VERDADE é q logo ao acordar é exactamente o contrario o metabolismo NÃO ESTA "em alta" mas sim muito abrandado devido aos neurotransmissores "relaxantes" q induzem o sono e o descanso! - só passado um bom bocado é q o metabolismo volta ao normal!....
    ENTÃO logo ao acordar pode-se fazer e deve-se fazer exercício para o "corpo acordar" MAS NÃO com o intuito de perder calorias para emagrecer.... E CUIDADO MEUS AMIGOS DEPOIS DO EXERCÍCIO "apetece comer coisa saudáveis" - CUIDADO POIS NÃO É NADA SAUDÁVEL depois se tar a dormir umas 8-10 horas q não se introduziu calorias no sistema ir logo fazer exercício à "força toda" para perder peso...

    QUALQUER ATLETA SABE que se deve Timor um pequeno-almoço leve e nesse tempo q toma pequeno-almoço e se veste passou o tempo suficiente para o metabolismo acelerar saindo do metabolismo lento q tinha durante o sono e durante um bocado ao acordar! - (qualquer pessoa sabe q sem tomar estimulante café que ao ir pro trabalho as primeiras boas da manha não rendem pois o corpo ainda esta adormecido por este mesmo motivo ....( ATENÇÃO TOMAR CAFÉ AO QCORDAR PARA IR FAZER DESPPRTO NÃO E SAUDÁVEL)

    tal como aconteceu na Suíça de terem morrido duas pessoas por fazerem uma dieta revolucionaria q especialistas aconselhavam baseada em " não comer nem beber nada expondo o corporal 6 horas de luz por dia alimentando-se o corpo assim da luz solar e era garantido que perderiam peso!)

    ¬ Responder
  • Hugo Valério

    15-05-2013 às 14:25:22

    O autor deste texto, que presumo não ser médico, já ouviu falar sobre catecolaminas? Acordamos em estresse metabólico e a prática de exercícios aumenta a produção de adrenalina. VC já pensou sobre o efeito disso em cardiopatas???

    ¬ Responder
  • Daniel Maciel

    10-10-2012 às 22:12:58

    Era tudo o que eu precisava saber pra começar minhas atividades na parte da manhã. O ruim é que tenho que acordar as 05:45 para estar as 06hs na academia, para depois voltar pra casa, tomar banho e estar as 08hs no trabalho... rsrsr... Mas, se realmente é saudável, que assim seja.

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    14-09-2012 às 17:38:15

    Concordo pessoalmente com a opinião dos especialistas que reproduz no seu texto, ou seja, que a melhor altura do dia para a prática do exercício físico é de manhã. Não o faço imediatamente ao acordar, uma vez que preciso de restituir as energias primeiro, tomando um pequeno-almoço completo. Uma vez que pratico exercício em casa, sem aparelhos e que adopto métodos de treino tão intensos quanto breves, os 20 minutos que dispenso não me atrasam.

    ¬ Responder
  • paulo sousa

    05-09-2012 às 11:02:43

    ola, trabalho somente a noite das 22:00 hs ás 6:00, gostaria de saber se é prejudicial a minha saúde, praticar corrida logo de manhã antes de dormir, pois faço isso a tarde mas devido ao tempo gostaria de mudar para manhã, aguardo vossa resposta, obrigado.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoRui Ferreira

    05-09-2012 às 18:26:18

    Olá Paulo, podes correr sempre desde que te sintas bem e com energia suficiente para tal actividade. Não vejo nenhum problema nisso. Convém relembrar que o corpo também precisa de repouso e que se tenha ao máximo uma alimentação equilibrada e saudável ;)

    ¬ Responder
  • Rui FerreiraRui Ferreira

    08-06-2012 às 23:30:21

    Boas, eu tenho uma duvida. Practicar exercicio fisico pela manhã, como correr por exemplo, em jejum não irá fazer mal? Não se deve fazer uma refeição ligeira uns 30 - 60 minutos antes de começar um treino? Sei lá... uma peça de fruta pelo menos? Algo que dê energia para fazer o treino. Gostava que alguém com conhecimento na matéria me esclarecesse sff ;)

    ¬ Responder
  • josé mararesjosé marares

    16-01-2012 às 00:00:22

    estava sem informação , que bom fui informado

    ab

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãomel

    20-10-2011 às 16:36:46

    @lava karro
    como pode ser tao burra?

    ¬ Responder
  • João GameiroJoão Gameiro

    10-10-2011 às 21:43:55

    Não discordo mas comigo não é tão linear. Tenho 59 anos e muito tempo para treinar. De manhã consigo fazer ciclismo e/ou nadar e sinto que está tudo bem; no entanto, se optar por correr levo muito tempo a "sentir" a corrida - os metabolismos "não estão" e o treino não rende. O artigo é muito bom e vou tentar.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoFelizberto

    02-09-2011 às 19:22:13

    Gostei muito do artigo, sendo da area do desporto concordo plenamente com o que foi dito e mais reforço que tornando o desporto matinal uma rotina o que vai custar é os dias em que não praticar... Obrigado belo post

    ¬ Responder
  • amandaamanda

    04-08-2011 às 22:38:00

    oi fiquei muito contente em saber sobre exercício físico!

    ¬ Responder
  • lava karrolava karro

    17-03-2011 às 11:04:55

    esti e uma porcaria autentica

    ¬ Responder
  • Maria Alzira Teixeira Pereira de Moura GuedesComo Ganhar Dinheiro

    23-01-2011 às 13:26:02

    Muito bom o texto, de fato eu pratico de manhã os exercicios mas é sempre bom conhecer mais sobre o assunto.

    ¬ Responder
  • maria regina barcelos marcolinomaria regina barcelos marcolino

    02-09-2010 às 00:48:15

    eu sempre pratiquei exercicios pela manhã,as 7 ja estava no ginásio, pois pegava as 8 no trabalho,agora vivo sedentária,sinto falta...

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDálvaro

    22-11-2009 às 21:47:26

    Muito bom, realmente faz muito sentido agora!
    vlwww

    ¬ Responder

Comentários - Exercício físico: a melhor hora para praticar

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Habitação – Evolução qualidade/Preço

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Alojamento
Habitação – Evolução qualidade/Preço\"Rua
Hoje vivemos dias muito complicados do ponto de vista económico, uma vez que a nossa sociedade moderna consumista tem acarretado para as famílias a triste ideia de que temos que possuir tudo o que existe para ser possuído.

Relativamente ao assunto especifico da habitação, com o passar dos tempos, as pessoas têm adquirido as suas casas em função do que há no mercado, e este mercado tem evoluído de uma forma perigosa em termos de custos; o que quero dizer com isto, é que há vinte anos atrás, encontrávamos apartamentos no mercado, e tenho por base um apartamento T3 que tinha 3 quartos conforme a tipologia descrita, naquele tempo uma cada de banho, uma sala de estar/jantar conjunta e talvez uma varanda, hoje o mesmo apartamento terá os três quartos, a sala, duas casas de banho das quais uma poderá estar num dos quartos a que passou a chamar-se suite, este apartamento hoje, tem forçosamente que ter pré instalação para aquecimento central, lareira com recuperador de calor, e muito provavelmente aspiração central, ou pelo menos a pré instalação… Assim, quem compra um apartamento hoje, apesar das dimensões de cada divisão estarem diminuídas, o preço foi muito incrementado pelos extras, e depois há ainda que adquirir uma caldeira para fazer funcionar a tal pré-instalação de aquecimento central, os radiadores porque sem eles o dito não funciona, naturalmente o trabalho do técnico… há ainda que adquirir em muitos casos o aspirador propriamente dito para fazer funcionar a aspiração central, e algumas coisas mais, acessórios dos quais, antes não tínhamos necessidade.

Não quero dizer com isto, que estes equipamentos não são úteis, são, mas e aquelas pessoas que compraram os seus apartamentos há uns tempos, cujos espaços não dispunham destas “modernices” como viveram? Como vivem hoje? Provavelmente aqueles que tiveram disponibilidade económica para isso, colocaram nas suas habitações, aquilo que julgaram necessário, não colocaram aquilo que não lhes é útil de todo, por outro lado aqueles que não tiveram disponibilidade económica vivem sem os equipamentos em questão, ou colocam um equipamento à dimensão das suas possibilidades. O real problema é que os referidos equipamentos valorizaram muito mais as habitações em termos de preço de compra do que o valor real dos mesmos, e as pessoas, estão apagar vinte ou trinta anos, para não dizer mais, um bom valor acima do que pagariam sem estas coisas, além disso comprariam aquilo que quisessem e pudessem.

Para além do exposto, a qualidade de construção e acabamentos não melhorou, antes pelo contrário. Hoje o valor das casas está a decair rapidamente, e as pessoas em geral vivem em casas cujos valores atuais de mercado são muito inferiores ao que estarão a pagar durante muito tempo…

Naturalmente o mercado poderá mudar, mas não é esse o caminho que parece seguir.

Pesquisar mais textos:

Ana Sebastião

Título:Habitação – Evolução qualidade/Preço

Autor:Ana Sebastião(todos os textos)

Imagem por: Spencer's

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    21-04-2014 às 17:09:01

    A compra seja de apartamento ou casa estão mais caras e nem sempre oferecem serviços como mostram na divulgação. Não é bom financiar, pois custará o dobro. Realmente, o melhor a fazer é buscar preços que têm condições de pagar ou aderir a um consórcio.

    ¬ Responder
  • Sofia Nunes 13-09-2012 às 17:07:44

    Na minha opinião e de acordo com o que tenho observado, a relação qualidade/preço das habitações está a melhorar. E isso não é necessariamente bom, uma vez que é resultado da crise económica. Como refere, o valor das casas está a descer, pelo que se pode comprar uma vivenda pelo preço que há uns anos era de um apartamento. O problema é que, apesar de as casas estarem mais baratas, os compradores não têm dinheiro.

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios