Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Viva a bela da sardinha assada!

Viva a bela da sardinha assada!

Categoria: Alimentação
Visitas: 8
Comentários: 2
Viva a bela da sardinha assada!

O tempo quente está ai a chegar e não há quem não se pele por uma boa da sardinha assada. A verdade é que com o calor a apertar, sabe bem comidas frescas e mais equilibradas.
A sardinha acaba por ser a rainha das refeições, mas outras variedades de peixe, seja grelhado ou cozido, acompanhado por uma salada variada, faz as delicias de qualquer um.

É interessante perceber a riqueza gastronómica de um pais pequeno como Portugal, em que as determinados pratos vão surgindo e desaparecendo, consoante a estação do ano. E por ser um pais à beira mar, aposta fortemente no peixe fresco, temperado só com sal, bem trabalhado na grelha, regado por fim com um fio de bom azeite português. Isto com a batatinha de cultivo, cozida mesmo com casca, acompanhada ainda por uma salada, quer seja ela de pimento assado na brasa, quer seja de outro legume fresco, atraem os amantes da boa culinária e não só. Principalmente no Verão, as esplanadas enchem-se de pessoas e ninguém olha à crise, estando dispostos a pagar qualquer preço por um peixe fresquinho.
Muitas vezes acaba por ser exorbitante o preço que alguns restaurantes cobram por um peixe tão simples como a sardinha, mas a lei da oferta e da procura é forte e face a tanta publicidade, a sardinha é paga a preço de cherne… Mas quando se está de férias tudo é permitido, ou se não é, devia ser.

Mas não é só a comida que muda consoante as estações do ano. Nas épocas quentes e porque o nosso corpo se precisa de hidratar, há que apostar fortemente na água mineral, a melhor companheira que se pode ter nestas alturas. Além disso, como o convívio social alarga, aumenta a tendência para beber, mas isso não implica que se abuse no álcool, devendo sim apostar em bebidas com pouco nível de álcool e em composições diluídas com sumos. Os vinhos brancos e rosados são os mais consumidos, por serem ligeiros e de aroma expressivo. Fora das refeições, a caipirinha, uma bebida tipicamente brasileira, é a mais apreciada, até porque actualmente existe dos mais variados sabores de fruta e de álcool. A receita original de cachaça, lima, gelo picado e açúcar amarelo, aos poucos tem sido desvirtuada por invenções que têm surgido.

É certo que a vida nos proporciona diversos prazeres, mas se há coisa que sabe bem, é comer e beber, ou será que estou errada?

Catarina Guedes Duarte

Título: Viva a bela da sardinha assada!

Autor: Catarina Guedes Duarte (todos os textos)

Visitas: 8

655 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãowalter

    06-04-2009 às 00:06:34

    Não gosto de sardinhas . Dão trabalho para comer.

    Li uma vez , tambem, que as sardinhas são muito boas para uma alimentação pura e saudavel.

    Eu nõa como sardinhas e sou saudavel.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDuarte Faria

    05-04-2009 às 19:49:12

    Sou pescador desde os meus 13 anos e o meu prato preferido é sardinhas assadas. Na minha alimentação o peixe têm um papel fundamental

    ¬ Responder

Comentários - Viva a bela da sardinha assada!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O Mito da Entrevista de Emprego

Ler próximo texto...

Tema: Empresariais
O Mito da Entrevista de Emprego\"Rua
Aguardando há meses pela oportunidade de um novo emprego e após ser aprovado em várias etapas do processo de seleção eis que surge um empecilho: a entrevista de emprego.

Diversas dúvidas passam pela cabeça do candidato como o que vestir, como sentar-se, qual o tom de voz adequado, o que o entrevistador espera como resposta e como impressioná-lo provando ser a pessoa certa para a vaga a ser ocupada.

A verdade é que não há regra que garanta o sucesso em uma entrevista, porém, algumas atitudes e cuidados precisam ser tomados. Abaixo seguem 10 dicas que auxiliarão o candidato enfrentar essa fase do processo de seletivo de forma mais segura, não importando a área ou cargo pretendido.

1. Seja pontual. A pontualidade é uma forma de demonstrar respeito, consideração e compromisso com a empresa, porém, ser pontual não significa ser precipitado, chegando com muito tempo de antecedência. Para isso programe-se: quanto tempo você levará para chegar até o local combinado para a entrevista? E se houver algum tipo de atraso? Programe-se para que os prazos possam ser cumpridos. Se o atraso for inevitável entre em contato com a empresa e explique o motivo para o mesmo solicitando a possibilidade de remarcar o compromisso.

2. Vista-se de maneira condizente ao cargo que irá ocupar. Mesmo parecendo ser uma superficialidade, a forma como o candidato se veste pode influenciar a decisão do entrevistador, portanto, causar uma boa impressão é essencial. Para isso pesquise o perfil da empresa, se possível observe a forma como os funcionários se vestem e use na entrevista algo um pouco mais formal do que usaria todos os dias para ir ao trabalho.

3. Zele por uma boa aparência. Como descrito acima causar uma boa impressão é essencial, dessa forma, a higiene pessoal é indispensável. Vale ressaltar que perfumes e maquiagem exagerados são pontos negativos em uma entrevista.

4. Tenha em mente suas principais realizações profissionais e as evidencie. Quais os principais desafios que essas lhe trouxeram e o que aprendeu em cada uma delas. Se é seu primeiro emprego vale ressaltar suas experiências escolares e acadêmicas como trabalhos em grupos, projetos realizados, programas de estágio e trainee.

5. Tenha atitudes positivas. Um método de entrevista consiste em perguntas aparentemente absurdas que não possuem, necessariamente, respostas prontas. O que ele deseja na verdade é avaliar seu raciocínio lógico, portanto, seja criativo, argumente e crie estratégias para sair dessa saia justa.

6. Seja genuíno e autentico. Mesmo estando sob pressão seja você na entrevista. Não minta nem use máscaras. O recrutador provavelmente perceberá que você não está sendo sincero.

7. Tenha argumentos. “Por que você quer trabalhar aqui?” ou “Quais serão suas contribuições para essa empresa?” são perguntas básicas em uma entrevista de empregos. Portanto, tenha bons argumentos para esses questionamentos.

8. Mostre-se interessado. Faça perguntas plausíveis ao entrevistador.

9. Seja gentil e educado a todo o momento. Muitas empresas costumam analisar o candidato no momento em que esse inicia o processo seletivo.

10. Mostre-se confiante. Se você fará a entrevista de emprego é porque já passou por outras fases do processo seletivo, ou seja, tem muitos pontos a seu favor. Acredite no seu potencial .

Outros textos do autor:
O Mito da Entrevista de Emprego

Pesquisar mais textos:

Mabelly Venson

Título:O Mito da Entrevista de Emprego

Autor:Mabelly Venson(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios